Apartamento com espaços integrados aposta em decoração aconchegante

Escrito por Sheila Almendros

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Não é de hoje que a melhor solução adotada por arquitetos e designers para valorizar espaços pequenos é integrar o máximo possível de ambientes. Com isso, é possível produzir uma sensação de amplitude sem maiores gastos, além de garantir total conforto e praticidade aos seus moradores e convidados.

E foi exatamente este método que o time da 24.7 Arquitetura Design incluiu no projeto deste apartamento de 71m2, localizado na cidade de São Paulo. Conhecido como Max Haus, o imóvel possui uma planta conceitual, que oferece um acabamento 100% industrial, entregue pela própria construtora. A jovialidade adicionada à decoração ficou por conta da cartela de cores e acabamentos adicionados aos ambientes, como vidro, madeira, tons quentes e texturas aconchegantes, ilustrando perfeitamente a personalidade de seus habitantes.

Confira os principais detalhes de cada cantinho deste projeto, fotografado pelas lentes de Miro Martins:

Integração e sensação de continuidade

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Para garantir a boa circulação e sensação de continuidade do espaço mais visitado da casa, a mobília de todos os ambientes foram precisamente alinhadas em uma reta. Perceba que a mesa de jantar obedece as limitações criadas pela parede da entrada, paralela ao sofá da área de estar e também ao balcão do corredor de entrada. O piso de cimento queimado é outro recurso que colaborou com a amplitude do cômodo, utilizado por todo o imóvel, sem criar uma divisão direta.

Decoração moderna

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

A decoração da sala de jantar contou não só com cadeiras modernas de diferentes modelos e uma mesa de madeira para aquecer o ambiente, como também um jogo incrível de quadros dispostos aleatoriamente, porém próximos uns dos outros. Embora as gravuras utilizadas sejam sortidas, a sensação é que foi criado um enorme mosaico colorido na parede! Para completar a jovialidade do espaço, cores quentes foram empregadas em determinados pontos, mas de maneira cautelosa para que fossem apenas pequenos detalhes, e não o grande centro das atenções.

Para assistir a TV durante as refeições

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

A integração de ambientes também permite que diversas atividades sejam feitas ao mesmo tempo, como conversar com os convidados acomodados na sala enquanto cozinha ou assistir televisão durante uma refeição na sala de jantar, trazendo assim mais praticidade e interação em um único ambiente. Nota-se que os móveis são os verdadeiros responsáveis pelas delimitações invisíveis de cada cômodo, fazendo com que a decoração não só seja harmoniosa, como também um tanto quanto moderna.

Espaço para toda a família

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Com a espaçosa área livre na sala de estar, foi possível investir em um gigantesco e confortável sofá, capaz de acomodar todos sem nenhum aperto! As almofadas da mesma cor proporcionaram uma sobriedade à decoração, deixando que os livros dispostos no interior do rack desse o colorido da vez. A luz natural valorizada pela cartela de tons neutros e as amplas janelas também foram primordiais para criar a sensação de amplitude – quanto mais claro, melhor!

Sempre cabe mais um!

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Quem gosta de oferecer jantares para muitos convidados precisa de bastante espaço para acomodar todos sem aperto. E a solução encontrada para estes moradores foi instalar uma segunda mesa de jantar no corredor de acesso à cozinha, como uma copa. Para não criar ambientes parecidos, a saída foi incluir uma mobília completamente diferente da sala de jantar principal, como um amplo balcão branco com banquetas de cores impactantes. Destaque para o incrível quadro horizontal, com imagens de diversas cores do céu de São Paulo, registradas de em um mesmo cenário.

Cozinha e lavanderia juntas

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Para não criar uma divisória entre os dois cômodos, a marcenaria da cozinha e da lavanderia receberam o mesmo acabamento. Com isso, a integração se tornou precisa, garantindo também que toda aquela comum baguncinha ficasse discretamente escondida entre os armários. Repare que não há nenhum vestígio do aquecedor, por exemplo, que foi devidamente acoplado atrás das portas vazadas, acima da lavadora de roupas. A bancada com gabinete também possibilitou a organização dos utensílios e produtos de limpeza, sem perder a praticidade.

Temperinhos frescos e sempre à mão

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Ter uma horta em casa, independentemente do tamanho, além de ser mais saudável é super prático! O recurso utilizado no projeto contou com suportes de alumínio instalados na parede, entre a lavanderia e a cozinha, de uma forma bem prática e bonita. Os sacos que acomodam os vegetais são feitos de tecido altamente resistente, e claro, bem charmosos, combinando perfeitamente com a decoração do espaço.

Aproveitamento de cada cantinho

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Incluir móveis planejados ao projeto de decoração de qualquer ambiente é a forma mais inteligente para aproveitar bem cada espaço, principalmente se o cômodo for pequeno. Veja como a bancada e o armário, milimetricamente encaixados um ao outro, proporcionou não só uma melhor organização entre os eletrodomésticos, utensílios e produtos, como também um ambiente visualmente agradável.

Um quarto mais do que espaçoso

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

O mix de estilos adotados na decoração do dormitório deixou o ambiente ainda mais cheio de atitude. A presença da madeira, criando um contraponto com as características industriais já presentes no imóvel, ofereceu uma pitada contemporânea ao espaço. O quadro com figuras geométricas coloridas também foi responsável por esta perfeita harmonização. E para não atrapalhar a circulação livre, o closet foi arquitetado rente à parede, sem que ninguém precise esbarrar na cama para passar de um lado ao outro.

Marcenaria sob medida

Foto: Reprodução / 24.7 Arquitetura Design

Os materiais sóbrios utilizados para a confecção da marcenaria incluiu sofisticação e neutralidade ao espaço. Perceba que foi possível criar maleiros, gaveteiro, um painel, rack, armários e até a porta de entrada em um mesmo projeto, sem poluir visualmente o ambiente. Aliás, ocupar toda a parede com o mesmo tom de madeira aqueceu o dormitório, e ainda garantiu uma decoração totalmente aconchegante e charmosa.

Deixar um apartamento com cara de loft oferece esta vantagem: garante ambientes espaçosos e com muita personalidade. Além do mais, o estilo industrial é um perfeito pano de fundo para misturar com outras referências, deixando o projeto ainda mais personalizado.

PARA VOCÊ