15 formas criativas e versáteis de incluir o capitonê na decoração

Escrito por
Atualizado em 03.08.22

Tyler Interiors Design

Por
Atualizado em 03.08.22

Saindo da decoração clássica para marcar presença em todos os tipos de design, o capitonê tornou-se uma técnica de tapeçaria altamente democrática. Com ela você adiciona um toque atemporal e elegante de sofisticação ao espaço. Veja mais sobre o assunto.

Publicidade

Índice do conteúdo:

O que é capitonê

Criado por volta de 1840 pelos ingleses, essa técnica consiste em pontos feitos com cordões, afundando o acolchoado de maneira assimétrica, criando formas geométricas. A distância entre os pontos e a profundidade da perfuração podem variar de acordo com o trabalho manual realizado e a estética buscada. De todo modo, o resultado é sempre bastante sofisticado e elegante, trazendo um ar clássico à decoração.

Publicidade

Capitonê e botonê: qual a diferença?

Apesar de serem muito parecidos, é possível afirmar que o botonê é um derivado do capitonê, pois o acabamento desta primeira técnica mencionada conta com a adição de botões em cada perfuração. Ou seja, além de marcar um ponto central, no botonê esse ponto é decorado com um botão, geralmente coberto com o mesmo tecido do restante da peça, mas que também pode ser de outra cor e mesmo de outro material, trazendo despojamento para a decoração.

15 fotos de capitonê que comprovam a versatilidade do acabamento

Seja em cabeceiras, sofás ou pufes, essa técnica marca presença de forma única, imprimindo uma pitada clássica e elegante em várias decorações:

1. De origem inglesa, o capitonê é um clássico da decoração

2. E pode ser adicionado de diversas maneiras no ambiente

capitonê na parede de um quarto

Patricia Franco

Publicidade

3. Seja no quarto das crianças

4. Ou no quarto do casal

5. Com ele, o estilo clássico é garantido

6. E você ainda pode misturar o botonê do sofá com o capitonê do banco

7. Qualquer um dos dois garantem elegância na decoração

8. O capitonê marca presença nos trabalhos manuais das almofadas

9. E, misturado com outros materiais, imprime um visual cheio de requinte

10. Apesar de ter uma característica bastante clássica na decoração

11. Também se encaixa em outros estilos, como o contemporâneo

Adriana e Mercia Sales

Publicidade

12. E até mesmo no industrial

13. Uma tapeçaria com este modelo é atemporal

14. E acompanhará a sua decoração por muitas gerações

15. Sem perder o estilo e a sofisticação

Essa técnica é um trabalho manual que se mantém constante na decoração de interiores por várias gerações. A característica é impagável e jamais sairá de moda.

Criando peças em capitonê em casa

Veja como é possível criar peças lindas com essa técnica, usando poucos materiais e muito capricho:

Como fazer uma cabeceira em capitonê com acabamento botonê

Neste vídeo, você aprenderá a fazer uma cabeceira elegante de capitonê. Além do passo a passo, é possível também saber o preço médio gasto em um projeto manual como este.

Capitonê para iniciantes

Publicidade

O profissional deste vlog ensina, de maneira bem didática, como fazer a técnica capitonê, os melhores materiais que podem facilitar a produção, e como dar um acabamento caprichado à peça.

Produzindo um pufe redondo de capitonê

Saiba como produzir um layout perfeito para um pufê e toda a técnica usada para a confecção da peça do começo ao fim.

Almofada de capitonê

Para finalizar, nada melhor do que cuidar dos detalhes. A almofada parece um item simples, mas faz toda diferença na decoração. Assista ao vídeo e faça sua almofada!

O capitonê é uma característica democrática na decoração, pois combina com todos os estilos possíveis e imagináveis, seja com uma cabeceira, uma almofada ou até um sofá Chesterfield.