Aprenda a utilizar tapetes para deixar seu lar mais encantador e aconchegante

Escrito por Ana Kordelos
Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Continua após o anúncio



Item essencial para uma decoração caprichada, o tapete é versátil, podendo ser utilizado em praticamente todos os cômodos da casa. Peça chave, possui várias funções: traz vida ao ambiente, auxilia no isolamento térmico e acústico, esconde eventuais defeitos no chão, além de proporcionar a sensação de aconchego.

Para a arquiteta Claudia Schneider, um tapete escolhido corretamente realça a decoração do lar. “Juntamente com a cortina, é o acessório final da decoração e pode ajudar a valorizar um ambiente ou deixá-lo sem vida”, explica.

Com a possibilidade de mudar completamente o clima do cômodo, trazendo mais descontração ou seriedade, o tapete, além de proporcionar maior conforto, ainda traz mais personalidade e ajuda a valorizar os estilos decorativos preferidos dos moradores.

30 ambientes encantadores decorados com tapete

Diferentes cores, texturas, tamanhos e formatos. Devido à variedade de opções disponíveis, escolher o tapete ideal para cada ambiente de sua casa, pode não ser tão fácil quanto parece. Por isso, confira algumas inspirações e dicas da arquiteta para não errar na escolha:

Salas com tapetes

A profissional orienta que o melhor tapete da casa deve ser escolhido para este ambiente. “Indico tapetes confortáveis e que possam ter no mínimo 20cm de sua extensão colocados abaixo dos móveis”, sugere Claudia.

Foto: Reprodução / Fernanda Moreira

Foto: Reprodução / Fernanda Moreira

Esse é o exemplo perfeito de como um tapete pode dar amplitude ao ambiente. Com móveis em tons escuros, a tapeçaria neutra é o grande destaque da sala para ajudar a suavizar o ambiente.

Foto: Reprodução / Vanja Maia

Foto: Reprodução / Vanja Maia

Continua após o anúncio



Para ambientes amplos, tapetes de pelo curto e grandes dimensões são os mais indicados. Aqui, a padronagem oriental contrasta com os móveis em tons claros e valoriza ainda mais a parede com folhagens ao fundo.

Foto: Reprodução / Renato Lincoln

Foto: Reprodução / Renato Lincoln

O ideal ao adquirir um tapete é conhecer a paleta de cores que será utilizada no ambiente. O correto é que pelo menos uma cor utilizada no cômodo esteja presente no tapete (e vice-versa). Nessa sala, tons neutros ajudam a harmonizar os tons escuros do mobiliário escolhido.

Foto: Reprodução / Angelo & Carlin

Foto: Reprodução / Angelo & Carlin

Para dar um toque de charme ao ambiente, tapetes estampados ou com padrões geométricos são uma boa pedida. As tonalidades da peça devem estar de acordo com as cores utilizadas no restante do ambiente, para que não ocorra excessos na decoração.

Foto: Reprodução / Juliana Muchon

Foto: Reprodução / Juliana Muchon

Os tapetes são ótimos recursos para delimitar áreas em cômodos integrados. Nesse caso, seu uso separaa a sala de estar da sala de jantar com charme e personalidade.

Continua após o anúncio



Quartos adultos com tapetes

“O quarto é um lugar de aconchego. Pede tapetes confortáveis, pelo alto, do tipo passadeiras que vão do criado até o final da cama ou modelos feitos sob medida e em formato de ‘U’, comenta Claudia.

O escolhido para esse ambiente é um tapete com pelos longos, proporcionando uma sensação agradável aos pés ao sair da cama. Além de macio, evita o contato direto dos pés com o chão frio. O tom escolhido é neutro, de modo que a peça entra em harmonia com o restante da decoração.

Foto: Reprodução / Ana Rita Soares

Foto: Reprodução / Ana Rita Soares

A escolha por um tapete com estampas orientais foi ideal para combinar com a cabeceira da cama, também no estilo marroquino. O restante do quarto é decorado em tons neutros, garantido que não exista um excesso de informações.

Foto: Reprodução / Gláucia Britto

Foto: Reprodução / Gláucia Britto

O tapete listrado complementa a paleta de cores escolhida para a decoração do quarto. A poltrona ao canto é um belo exemplo de situações em que apenas alguns centímetros do móvel fica em cima do tapete, dando a sensação de amplitude do ambiente.

Foto: Reprodução / IE Arquitetura

Foto: Reprodução / IE Arquitetura

Exemplo de utilização ousada de tapete em formato redondo, nesse ambiente, o tapete escolhido foi de pelos altos com cor cinza, combinando com a paleta sóbria escolhida para a decoração do quarto. Novamente, apenas poucos centímetros da peça estão sob os pés da cadeira, promovendo a sensação de unidade na decoração.

Continua após o anúncio



Foto: Reprodução / Cassio Gontijo

Foto: Reprodução / Cassio Gontijo

O tapete escolhido para esse quarto foi o de pele ecológica de zebra, acompanhando o estilo moderno em tons sóbrios e visual arrojado dos móveis. O aconselhável no caso de tapetes de pele de animais é que não tenha nenhum móvel apoiado sobre ele, para que o mesmo possa marcar presença tanto pela padronagem quanto pelo seu formato diferenciado.

Quartos infantis com tapetes

Para quartos de bebês e crianças, a profissional indica tapetes coloridos que combinem com a decoração e que sejam de fácil manutenção. “Uma dica é um tapete com formato redondo que possa ficar solto no ambiente”, propõe.

Foto: Reprodução / Pereira Reade Interiores

Foto: Reprodução / Pereira Reade Interiores

Nesse quarto, o tapete escolhido fica aos pés da cama e possui listras em dois tons diferentes de azul. Ideal para combinar com o restante da decoração, em que a cor azul predomina.

Foto: Reprodução / Tiago Patricio Rodrigues

Foto: Reprodução / Tiago Patricio Rodrigues

Para esse quarto, o tapete escolhido possui desenhos de flores e borboletas, combinando com a cortina e a cor dos puxadores da cômoda. Bonito e delicado.

Foto: Reprodução / Flávia Brandão

Foto: Reprodução / Flávia Brandão

Complementando a decoração com o tema escolhido, o tapete possui cor e textura de campo de futebol. Além de deixar o ambiente mais alegre, ainda pode ser utilizado como espaço de brincadeiras.

Foto: Reprodução / Amanda Pinheiro

Foto: Reprodução / Amanda Pinheiro

O tapete em formato retangular possui pelos longos e macios, além da cor vibrante roxa, elegida como cor a principal no ambiente. Aconchegante e descontraído.

Foto: Reprodução / E3 Arquitetura

Foto: Reprodução / E3 Arquitetura

O tapete escolhido para o quarto do bebê é de pelo alto e redondo, centralizado em relação ao restante dos móveis. O tapete em tom neutro é o complemento perfeito para a paleta em tons claros utilizada na decoração do ambiente.

Banheiros com tapetes

“Para banheiros, tapetes sintéticos e laváveis, que não estragam com o molhado constante e o vapor, são os mais indicados. É importante que sejam de fácil manutenção, que sejam confortáveis e macios no contato com os pés. O tamanho depende do formato do banheiro”, afirma a arquiteta.

Foto: Reprodução / FICO Design

Foto: Reprodução / FICO Design

O tapete em formato retangular foi disposto em frente ao balcão da pia e na direção da passagem para a banheira. A cor escolhida combina com os tons do papel de parede e móveis selecionados para o ambiente.

Foto: Reprodução / Anna Maya & Anderson Schussler

Foto: Reprodução / Anna Maya & Anderson Schussler

Visando estar de acordo o clima de natureza exposta, o tapete escolhido para este banheiro é na cor verde, acompanhando as folhagens e contrastando com o teto em vigas de madeira.

Foto: Reprodução / Pereira Reade Interiores

Foto: Reprodução / Pereira Reade Interiores

Nesse banheiro, o tapete eleito é de algodão e foi disposto em frente ao balcão, na passagem para a banheira. O material auxilia na limpeza do mesmo, e garante um ambiente mais clean.

Foto: Reprodução / Livia Martins

Foto: Reprodução / Livia Martins

Para o banheiro do casal, dois tapetes foram dispostos em frente à bancada dupla do banheiro. Com pelo alto, garante conforto para caminhar com os pés descalços pelo cômodo. A cor escolhida contrasta com a louça branca e harmoniza com o revestimento em tons de marrom.

Foto: Reprodução / Anna Maya & Anderson Schussler

Foto: Reprodução / Anna Maya & Anderson Schussler

Para esse banheiro, o tapete escolhido é na cor branca, a mesma utilizada na bancada da pia e a qual ajuda a destacar o tom escuro do balcão. O mesmo foi disposto em toda a extensão da pia, evitando assim molhar o chão.

Cozinhas com tapetes

“Não costumo indicar tapetes para a cozinha, mas, caso seja a opção do morador, é aconselhável preferir os sintéticos e laváveis, que evitem escorregões e facilitem a limpeza”, esclarece a profissional.

Foto: Reprodução / Mariana Linhares

Foto: Reprodução / Mariana Linhares

Com tons de cinza, esse tapete é disposto em grande parte do cômodo, possibilitando englobar tanto a mesa de jantar quanto suas cadeiras. A padronagem escolhida é ideal para combinar com o estilo rústico do restante do ambiente.

Foto: Reprodução / Casa de Colorir

Foto: Reprodução / Casa de Colorir

Para enfeitar a cozinha descontraída da blogueira Thalita Carvalho, um tapete de barbantes coloridos é posicionado aos pés da pia, evitando que respingos de água molhem o chão.

Foto: Reprodução / Paulo Alves

Foto: Reprodução / Paulo Alves

Para essa cozinha em tons fortes, o tapete listrado utiliza tons da mesma cor da parede e móveis. Ideal para que gosta de um cômodo alegre e com cores vibrantes.

Foto: Reprodução / Roberta Moura

Foto: Reprodução / Roberta Moura

Para quem gosta de ousar na decoração, esse tapete é uma boa opção. Ele cobre o espaço vazio em frente ao balcão da cozinha, trazendo personalidade ao cômodo.

Foto: Reprodução / Adriana Braggion

Foto: Reprodução / Adriana Braggion

Para uma cozinha em preto e branco, o tapete escolhido combina com a pedra da bancada. De tecido sintético, é de fácil limpeza.

Hall de entrada com tapetes

Segundo Claudia, para decorar o hall de entrada, tapetes de formato redondo ou retangular com estampas coloridas são ótimas opções. “Neste ambiente a palavra ousadia pode reinar”, acrescenta.

Foto: Reprodução / Aclaene de Mello

Foto: Reprodução / Aclaene de Mello

Para esse hall de entrada, elementos rústicos e regionais foram escolhidos como tema. O tapete com pelo longo amarelo harmoniza com os outros itens de decoração também em amarelo e garante conforto desde chegada.

Foto: Reprodução / Juliana Goulart

Foto: Reprodução / Juliana Goulart

O tapete com motivos orientais harmoniza com a escultura e o móvel antigo da família, além de contrastar com o papel de parede escuro.

Foto: Reprodução / Ericaa Terossi Arabicano

Foto: Reprodução / Ericaa Terossi Arabicano

Como os donos desejavam uma recepção calorosa, com sensação de aconchego, o tapete de pelos altos foi disposto junto à parede com cortina no mesmo tom.

 Foto: Reprodução / Studio Teston

Foto: Reprodução / Studio Teston

Nessa casa de praia, o hall de entrada vem repleto de quadros com figuras de plantas e flores variadas. Para deixar o ambiente ainda mais alegre, o tapete com cores vibrantes complementa perfeitamente a decoração.

Para o extenso hall de entrada e área de circulação, os arquitetos decidiram colocar poltronas em fibra e parede texturizada. O tapete escolhido possui tons que estão espalhados pelo ambiente, garantindo charme e unidade.


A arquiteta ainda recomenda levar em consideração alguns fatores na hora de escolher o tapete: o tamanho, a cor, o formato e o local onde ele será colocado, além da estética e a base da decoração do ambiente. “É possível misturar padrões, estampas e materiais. Tapetes de cores claras ampliam o ambiente, mas exigem mais manutenção. Já os tapetes com cores escuras não aparentam sujeira e trazem mais aconchego. O cuidado com o excesso de texturas deve ser levado em conta, a fim de não poluir o visual”, adverte.

Como utilizar cada tipo de tapete

A arquiteta descreve o tapete não como um simples acessório, mas sim como o item responsável por conferir conforto e personalidade à casa. “Ele tem o poder na decoração de aumentar ou diminuir os ambientes, já que ajuda a delimitar o espaço”, revela. “Peças grandes embaixo de móveis garantem um visual com amplitude, mas cuidado com o tamanho, pois podem parecer carpetes. Já as peças menores podem dar o efeito inverso”, ensina a profissional.

Em relação à padronagem, Claudia explica que as opções lisas não cansam e não influenciam no ambiente, enquanto tapetes com estampas, desenhos e com muitas cores interferem diretamente na decoração. “Esses são indicados para cômodos que necessitem de destaque, ambientes com cores sóbrias”, complementa.

Para aprender como utilizar os variados tipos de tapete, confira a seleção de imagens e as dicas da profissional, facilitando na hora da escolha do tapete:

Como usar tapete liso com cor vibrante

Foto: Reprodução / Estúdio MB

Foto: Reprodução / Estúdio MB

Claudia indica o uso de tapetes lisos em cores vibrantes nos seguintes cômodos da casa: salas de estar, jantar e Home Theater. Tapetes com tons escuros diminuem o ambiente, por isso são melhores utilizados se dispostos em cômodos amplos.

Como usar tapete estampado

Foto: Reprodução / Lucio Nocito

Foto: Reprodução / Lucio Nocito

Para a profissional, tapetes estampados compõem melhor a decoração das salas, devendo estar em harmonia com os móveis e cores do ambiente. “Para os ambientes com cores únicas, claras e sóbrias, tapetes coloridos, com estampas geométricas tornam o visual mais aconchegante, chamativo, acolhedor”, observa Claudia.

Como usar tapete com tons neutros

Foto: Reprodução / Márcia Debski

Foto: Reprodução / Márcia Debski

Tapetes em tons neutros, por sua vez, podem ajudar a embelezar as salas de estar, jantar e Home Theater. “Ambientes que possuem mobiliário escuro pedem o uso de tapetes com cores claras, para tirar a sensação de ambiente sombrio”, propõe a arquiteta.

Como usar tapete redondo

Foto: Reprodução / Lena Pinheiro

Foto: Reprodução / Lena Pinheiro

A arquiteta recomenda o uso de tapetes redondos em hall social, dormitórios de bebês e de crianças para deixar o ambiente mais divertido e descontraído.

Como usar tapete de pelos altos ou felpudo

Foto: Reprodução / Rolim de Moura Arquitetura

Foto: Reprodução / Rolim de Moura Arquitetura

Os locais ideais para utilizar tapetes felpudos, de acordo com a profissional, são salas, dormitórios e Home Theater. Esse item possui a característica de trazer maior conforto e aconchego ao ambiente, além de auxiliar no isolamento acústico necessário para uma boa sessão de cinema em casa.

Como usar tapete de pelos baixos ou ralos

 Foto: Reprodução / Thoni Litsz


Foto: Reprodução / Thoni Litsz

Claudia indica o uso de tapetes de pelos baixos em salas, dormitórios e até mesmo hall de entrada. Podendo possuir cores e texturas variadas, esse tipo de tapete é indicado para locais com trânsito intenso.

Como usar tapete de barbante ou crochê

Foto: Reprodução / Marina Linhares

Foto: Reprodução / Marina Linhares

Os locais ideais para tapetes de barbante são as salas e dormitórios, de acordo com Claudia. Esse tipo de tapete garante aconchego e delicadeza ao ambiente em que é utilizado. Ótimo aliado para suavizar decorações com ares rústicos, pode ser utilizado tanto em cores neutras, como branco e cinza, quanto em cores fortes, como azul ou vermelho.

Como usar tapete de retalhos

Foto: Reprodução / Zemel Arquitetos

Foto: Reprodução / Zemel Arquitetos

Para a profissional, os tapetes confeccionados com retalhos de outros tecidos, a conhecida técnica denominada patchwork, são ideais para decorar dormitórios. Ótima opção para obter uma decoração mais personalizada e artesanal. A dica para não errar é possuir móveis em cores neutras para não sobrecarregar o ambiente.

Como higienizar tapetes

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Assim como a maioria dos objetos que adornam e deixam as casas mais funcionais, os tapetes também devem ser higienizados. Sua manutenção deve ser periódica para que possa manter sua beleza e função intactas.

Para a personal organizer Adriani Gonçalves, da AG Personal Organizer, é fundamental mantê-los limpos, tanto para a durabilidade do tapete, quanto para a sua saúde. “Existe no mercado inúmeros produtos para a limpeza, mas há produtos menos agressivos e baratos, que com certeza você tem em casa, e são tão eficientes ou mais que os químicos”. Visando auxiliar na hora de limpar os tapetes de seu lar, a profissional elaborou uma lista para facilitar a limpeza destes itens:

  • Frequência: “a higienização ideal para garantir a qualidade do material é de uma vez por semana ou a cada quinze dias”, orienta.
  • Solução caseira para limpeza: “use a mesma medida de amido de milho e bicarbonato de sódio. Polvilhe sobre o tapete, deixando agir por uma hora e aspirando posteriormente”, ensina.
  • Para limpar tapetes de pelo alto: “aspire o tapete, use água e sabão líquido neutro. Passe em todo tapete com uma escova macia ou esponja no sentido do pelo. Para perfumar faça uma mistura de partes iguais de álcool, água e amaciante e espalhe-a com uma esponja”, recomenda.
  • Para eliminar odores: para auxiliar a eliminar odores indesejados, a personal organizer orienta polvilhar amido de milho ou bicarbonato de sódio e deixar agir por uma hora. Aspire e depois passe uma mistura de partes iguais de água, álcool e amaciante.
  • Mistura para retirar manchas: “escolha algumas destas soluções: faça uma solução de partes iguais de vinagre de álcool com água morna ou vinagre de álcool, água morna e sabão líquido neutro; ou ainda, água morna e sabão líquido neutro. Misture até fazer espuma e passe com escova macia ou esponja, com movimentos circulares. Se necessário, repita a operação. Depois desse método, aspire. Finalize com a solução de água e amaciante e álcool”, aconselha.
  • Para limpeza de tapetes sisal: “esses tapetes, muito utilizados em hall de entrada, não podem ser lavados. Para limpeza, aspire dos dois lados. Passe uma solução de partes iguais de vinagre de álcool, álcool e amaciante e passe com uma esponja sem deixar encharcar”, adverte.
  • Para se livrar de pelos ou urina de animais: “para a retirada dos pelos, aspire e depois passe uma esponja úmida. Este processo facilita a retirada dos mesmos. Quanto à urina, coloque um papel toalha para absorver o líquido. Depois polvilhe bicarbonato de sódio e deixe agir por 45 minutos. Então, faça uma solução com vinagre de álcool, água morna e passe com uma escova macia ou esponja. Deixe secar e espalhe a solução com amaciante”, instrui.
  • Seque-o ao sol: a profissional ainda ensina que o ideal é deixar o tapete ao sol por pelo menos 30 minutos uma vez por semana.
  • Leve para lavar em locais especializados: “caso esteja muito sujo ou com alguma mancha difícil de ser eliminada, será necessário um processo químico e, para isso, o ideal é levar a uma lavanderia. Caso contrário o ideal é uma vez ao ano”, alerta.

Onde comprar tapetes

Antes de escolher o tapete ideal para decorar o seu lar, é necessário levar em consideração o ambiente onde será colocado e o espaço disponível. A partir daí, é possível encontrar modelos variados em lojas físicas ou online e deixar seu lar ainda mais completo. Confira uma seleção de tapetes lindos que você pode adquirir pela internet:

Tapete ampulheta

tapete-01

Compre na Oppa por R$909,30.


Tapete estofado

tapete-02

Compre na Tok & Stok por R$710,50.


Tapete Corttex

tapete-03

Compre na Dafiti por R$139,99.


Tapete Bali listrado

tapete-04

Compre na Casas Bahia por R$265,00.


Tapete Tufting Galax

tapete-05

Compre na Americanas por R$264,99.


Tapete Treviso

tapete-06

Compre na Dafiti por R$139,99.


Tapete de curo legítimo

tapete-07

Compre na Faca na Bota por R$169,90.


Tapete redondo Mônaco

tapete-08

Compre na Mobly por R$186,89.


Tapete Rayza

tapete-09

Compre na Casas Bahia por R$279,00.


Tapete veludo Marbella

tapete-10

Compre na Walmart por R$439,00.


Tapete Sari

tapete-11

Compre na Tok & Stok por R$2595,50.


Tapete de pele

tapete-12

Compre na Faca na Bota por R$229,90.


Tapete Chevron

tapete-13

Compre na Tok & Stok por R$308,50,00.


Além de deixar o lar mais aconchegante, apostar em estilos diferentes de tapetes é uma dica certa para deixar a casa mais bonita e estilosa. Escolha o que mais lhe agrada e traga mais alegria ao lar.