Cores para sala: 85 ideias para combinar sem erro

Escrito por Sheila Almendros

Foto: Reprodução / Ornare

Quando pensamos em colorir um ambiente, estamos na verdade incluindo a personalidade de seu habitante nele. É com as cores que garantimos a sensação e energia que desejamos para o espaço, assim como a identidade de quem determinará tal composição. E para decorar a sala, esta síntese não seria diferente.

De acordo com a arquiteta Sandra Pompermayer, no momento em que o morador escolher a cor, ele precisará pensar, de maneira individualizada, qual a finalidade que a sala terá: “Se a ideia é transmitir calma e segurança para um momento de relaxamento, como ler um livro ou curtir um filme na televisão, vale apostar em cores neutras e versáteis. Mas se o habitante gosta de receber convidados, a tranquilidade pode espantá-los rapidinho, portanto, algumas cores fortes incluídas na decoração de maneira equilibrada inspiram a socialização”.

Vale ressaltar que salas pequenas merecem cores que criem uma sensação de amplitude, principalmente se elas também recebem pouca iluminação natural: “ambientes pequenos devem receber cores de forma modesta, como objetos, algum móvel, quadros, entre outros adornos. Também é possível pintar uma das paredes com uma cor diferenciada, mas não muito escura, para não gerar sensações de confinamento e comprometer a iluminação”, explica a profissional.

É importante também analisar se a cor escolhida não é algo que te enjoará facilmente. Sandra elucida que cores marcantes podem trazer esta sensação também, e nada pior do que se sentir desconfortável dentro da sua própria casa! “Muitas vezes o morador vive em um local onde ele não gosta de permanecer por muito tempo, e isso pode acontecer quando algum elemento da decoração não agrada aos olhos, e por puro impulso ou tendência do momento, acaba adquirindo-o. Pense sempre em investir em cores ou peças que de fato combinem com sua personalidade, e que inclua a sua identidade no ambiente, e não que te tire dele!”.

Se você já sabe a cor que deseja incluir em sua sala, mas ainda lhe resta dúvidas com quais outras deve combinar para criar uma determinada composição, veja as sugestões abaixo dadas pela arquiteta, para que a sua decoração não só tenha a sua cara, mas que despeje no ambiente tudo o que você procura de mais pessoal e sensorial:

Cores que combinam com amarelo

“Eu gosto muito de colocar elementos amarelos na sala de estar. O amarelo é vida, é vibrante como o Sol. Suas melhores combinações são com tons de cinza, roxo e até o azul marinho”, comenta Sandra. As nuances mais claras de amarelo, combinadas a outras cores mais neutras, como o castanho ou branco, podem exercer uma função mais tranquila na decoração, enquanto o seu tom mais vibrante adiciona mais personalidade e alegria. Um ambiente masculino ganha destaque com o casamento do amarelo e preto.

1. Uma pitada de alegria, sem tirar o aconchego

Foto: Reprodução / Rodrigo Angulo

2. Uma faixa de cor estilizada

Foto: Reprodução / Fernanda Marques

3. Combinado à outras cores marcantes, deixa o ambiente mais jovial

Foto: Reprodução / Traço e Plano

4. Um tom mais fechado com aspecto de nobreza

Foto: Reprodução / Maria Lavinia Arquitetura

5. A iluminação também contribuiu para deixar a sala mais acolhedora

Foto: Reprodução / Claudio Remini

6. Pequenos pontos de energia colorida

Foto: Reprodução / BY Arq&Design

7. O amarelo tem o poder de dar alegria a qualquer ambiente neutro

Foto: Reprodução / Marília Veiga

Cores que combinam com cinza

Foto: Reprodução / Marina Linhares

A grande aposta na decoração de interiores atualmente é o cinza. Ele compõe um ambiente neutro, e suas versões claras contribuem para rebater a luz natural, ajudando a dar a percepção de amplitude em ambientes pequenos. Já o grafite pode ser usado para criar a sensação de profundidade, ou dar destaque à outras cores mais marcantes. “Cinza combina com muitas cores por ser um branco com pigmentação de preto gradativo. Sugiro tons marcantes como vermelho, o próprio preto, verde petróleo, azul escuro e amarelo”, ressalta a profissional.

8. O cinza, sem dúvidas, é uma grande tendência atualmente

Foto: Reprodução / Gisele Taranto

9. E ele cai bem com qualquer estilo e composição

Foto: Reprodução / Arkitito

10. Para um toque mais urbano, invista em texturas e materiais naturais

Foto: Reprodução / Haifatto

11. E para adicionar aconchego, não hesite em incluir cores quentes

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

12. O cinza deixa o ambiente mais aconchegante e sóbrio

Foto: Reprodução / Rúbia Vieira

13. Madeira para aquecer a cartela de cores

Foto: Reprodução / Ark2 Arquitetura

14. O cinza vai bem em qualquer estilo de decoração

Foto: Reprodução / Patricia Covolo

15. Os pontos de cores serviram para demarcar o ambiente

Foto: Reprodução / Bianca Foster

16. A pequena sala foi aquecida pela adição do sofá cinza escuro

Foto: Reprodução / Liliana Zenaro

17. O cinza e azul foram responsáveis pelo toque de modernidade desta sala

Foto: Reprodução / Mandril Arquitetura

Cores que combinam com vermelho

O vermelho é uma cor poderosa, que além de marcante, é bem expressiva. Por conta disso, deve ser usado com cautela, e preferencialmente em texturas mais aconchegantes, justamente para proporcionar conforto, e não cansaço. Na dosagem certa, pode ser também um tom bem versátil, que incluirá alegria ao ambiente. Pense em compor uma cartela com cinza claro, branco, bege, pitadas de verde musgo e tons amadeirados.

18. A harmonização dos diversos tons de vermelho deixou a cartela de cores bem aconchegante

Foto: Reprodução / Neza Cesar

19. Um vermelho quase laranja para este cantinho criativo

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

20. Vermelho e amarelo podem se tornar uma dupla literalmente dinâmica

Foto: Reprodução / Sadala & Gomide Arquitetura

21. Uma poltrona vibrante para a sala sóbria

Foto: Reprodução / TR Arquitetura

22. Toque de classe nas devidas proporções

Foto: Reprodução / Patricia Martinez

23. Mix de estampas para deixar tudo mais divertido

Foto: Reprodução / Luiz Otávio Debeus

24. Cada detalhe pode fazer uma grande diferença

Foto: Reprodução / Marcelo Rosset Arquitetura

25. O vermelho com branco deixou o espaço sofisticado e luxuoso

Foto: Reprodução / D Darquitetura

26. Duas poltronas são suficientes para colorir o cômodo sóbrio

Foto: Reprodução / ELO Arquitetura Engenharia

Cores que combinam com roxo

Foto: Reprodução / Neza Cesar

Apesar de impactante, o roxo pode ser uma cor muito versátil e expressiva. De acordo com a arquiteta, ele combina muito bem com verde, azul claro, com o casamento do amarelo e cinza e também mostarda escuro. Ideal para decorações cheias de estilo e ambientes sociais movimentados.

27. Um toque gótico misturado ao azul e cinza

Foto: Reprodução / Arkitito

28. Os quadros coloridos deixaram o ambiente mais divertido

Foto: Reprodução / d+Cor Arquitetura

29. Roxo com azul claro e tiffany

Foto: Reprodução / Neza Cesar

30. O destaque da sala ficou por conta do tapete

Foto: Reprodução / Andrea Murao

31. A cor ganha destaque com a luz quente direta

Foto: Reprodução / Rodrigo Maia

32. Aqui as cores foram adicionadas com cuidado para não tirar a leveza do ambiente

Foto: Reprodução / Flávia Gerab Tayar

33. Se a ideia é não perder a sobriedade, adicione um único elemento com esta cor marcante

Foto: Reprodução / Lidia Maciel

Cores que combinam com azul

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

“Azul combina com marrom e bege, mas tudo deve ser analisado no contexto e nos pigmentos que esses tons de cores primárias recebem de branco ou preto. Um azul com pouco pigmento preto pode ser combinado com cinza e marrom claro, já um azul claro, com muito pigmento branco, deve ser combinado com marrom mais queimado”, afirma Pompermayer.

34. Azul com bege para não ter erro

Foto: Reprodução / CR2 Arquitetura e Interiores

35. Alguns nichos da estante ganharam destaque com o azul royal

Foto: Reprodução / Quitete & Faria

36. Tons mais frios de azul são mais aconchegantes

Foto: Reprodução / Tatiana Mosimann

37. E seu tom mais claro adiciona mais delicadeza ao ambiente

Foto: Reprodução / Pé de Sofá

38. Quem disse que o azul não pode ser clean?

Foto: Reprodução / Suite Arquitetos

39. Representando as cores da noite em dia de céu limpo

Foto: Reprodução / Mauricio Arruda

40. Tons neutros deixam o clássico azul marinho muito mais destacado

Foto: Reprodução / Newton Lima

41. O vibrante azul royal para salas despojadas

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

42. Tons fechados são perfeitos para ambientes rústicos

Foto: Reprodução / DT Estudio

43. … e tons mais claros para combinar com cores quentes

Foto: Reprodução / Andrea Murao

44. É imprescindível colorir ambientes amplos e com o pé direito alto

Foto: Reprodução / Suite Arquitetos

45. Azul e amarelo combinam muito bem na predominância do branco

Foto: Reprodução / Fernanda Lopes

46. …e com pequenas doses de vermelho, deixam a sala mais alegre

Foto: Reprodução / Monica Haluli

47. Ambientes compactos ficam mais valorizados em seu tom mais ameno

Foto: Reprodução / Ana Antunes

Cores que combinam com turquesa

Foto: Reprodução / Neza Cesar

O turquesa, conhecido também como tifany, pode ser uma cor paradoxal, pois ela pode proporcionar um ambiente tanto alegre como delicado. Tudo depende da sua dosagem. Combina perfeitamente com laranja ou tons mais claros de vermelho – e segundo Sandra, o resultado da composição fica lindíssimo.

48. Mas com o branco, a cor oferece um toque mais suave

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

49. E também para trazer mais jovialidade à decoração

Foto: Reprodução / Traço e Plano

50. Escolha a parede que deseja dar mais destaque para receber a cor

Foto: Reprodução / Marina Carvalho

Cores que combinam com verde

Foto: Reprodução / Thaisa Bohrer

“Verde com azul é uma combinação maravilhosa e nos transmite uma sensação de tranquilidade e aconchego. E com um toque de laranja gera alegria e bem estar”, aposta Sandra. Dependendo do tom escolhido para a decoração, a proposta pode ganhar uma atmosfera tropical, e até mesmo retrô.

51. Aqui as cores foram incluídas no tapete para não tirar a neutralidade do ambiente

Foto: Reprodução / Viviane Gobbato

52. … ao contrário desta sala, que ganhou tons muito mais expressivos, como seus quadros

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

53. O verde musgo dá aquele toque retrô à decoração

Foto: Reprodução / Andrea Murao

54. Contrastes que se complementam em perfeita harmonia

Foto: Reprodução / Clarissa Strauss

55. Pense em um elemento que mereça ganhar destaque, como uma porta

Foto: Reprodução / Mauricio Arruda

56. Adornos e plantinhas também valem, viu?

Foto: Reprodução / Sofatto Interiores

57. Toda a leveza do verde claro combinado ao bege

Foto: Reprodução / Célia Mattos

Cores que combinam com rosa

Foto: Reprodução / Clarissa Strauss

Apesar de ter variadas vertentes, nem todos os tons de rosa são aconselhados pela arquiteta para decorar uma sala: “O rosê, aquele tom mais fechado, fica muito clássico para uma sala, chiquérrimo! Já o pink deve ser usado com moderação, enquanto o rosa claro eu deixaria de lado, para não deixar a decoração muito afeminada, a não ser que seja esta a proposta”. Para uma sala mais neutra, combine o rosê queimado ao cinza, cobre e branco. Se você deseja incluir mais personalidade, pense em uma composição com grafite.

58. A discrição do rosa queimado com bege quebrado pelo vermelho

Foto: Reprodução / Orlane Santos

59. Quer uma parede pink? Então combine-a com outras cores neutras, como o branco

Foto: Reprodução / Andrea Murao

60. … e por que não o azul?

Foto: Reprodução / Mariangel Coghlan

61. Deixe tudo mais divertido combinando o rosa com várias outras cores

Foto: Reprodução / Paola Ribeiro

62. As estampas em preto e branco, juntamente com a madeira, quebraram um pouco da feminilidade da cor

Foto: Reprodução / Laura Signorini

63. Branco, bege e turquesa para aconchegar os convidados

Foto: Reprodução / Paola Ribeiro

64. Delicadeza e irreverência para esta sala puro glamour

Foto: Reprodução / Histórias de Casa

Cores que combinam com madeira

Foto: Reprodução / Gebara Conde Sinisgalli

Apesar de ser um material, sua cor é bem predominante na hora de decorar, e não deve ser deixada de lado ao criar sua cartela de cores. “A madeira é responsável por oferecer aconchego, calor, e deixar o ambiente bem acolhedor. Geralmente é utilizada no piso e em alguns elementos, como mesas de centro, laterais e pés de poltronas”, completa a profissional.

65. Mescle com branco e amarelo, que o resultado será surpreendente!

Foto: Reprodução / Mestisso

66. O vermelho trará uma composição mais criativa e ousada

Foto: Reprodução / Bruschini

67. Misture tons neutros com cores mais marcantes para um visual divertido

Foto: Reprodução / Galeria Arquitetos

68. Misturar a madeira com materiais mais nobres deixará a sua sala mais sofisticada

Foto: Reprodução / Marilia Bezerra

69. Escolha uma cor chamativa para quebrar a sobriedade

Foto: Reprodução / Studio Leandro Neves

Branco e preto

Foto: Reprodução / Adriana Piva

Para essa junção de cores neutras, vale tudo! Você pode criar uma decoração mais clássica, mantendo só as duas cores, ou adicionar pontos de cores com pequenos detalhes coloridos, como almofadas, quadros, um móvel, adornos, etc.

70. Preto, branco e marsala

Foto: Reprodução / Mandril Arquitetura

71. Misturados ao couro, madeira e cimento

Foto: Reprodução / Arkitito

72. Algumas estampas podem criar uma atmosfera mais romântica

Foto: Reprodução / Flávio Moura

73. A escolha certeira de móveis estilizados marcaram esta decoração como retrô

Foto: Reprodução / Mauricio Arruda

74. Aqui só o preto e o branco reinam

Foto: Reprodução / Lídia Maciel

75. Com cores cromadas como o dourado, a sala ficou chique e refinada

Foto: Reprodução / Adriana Piva

76. A versão divertida da combinação mais amada

Foto: Reprodução / Carol Cantelli

Tons neutros

Foto: Reprodução / Claudia Horta e Edison Vello

Escolher cores neutras como bege, branco, tons terrosos e suas vertentes garantem maior precisão sem erro ao decorar. Dependendo da composição, tons pasteis também podem entrar na brincadeira, para dar uma quebrada na seriedade que a cartela de cores pode transmitir. E claro que ambientes compactos ganham muito mais amplitude com essa escolha certeira, e deixa aberta uma infinidade de opções de cores para adicionar com moderação e deixar tudo mais harmonioso.

77. Cores cromadas e metalizadas deixam o ambiente clean mais requintado

Foto: Reprodução / Claudia Pimenta

78. Bege, off white, branco e marrom são clássicos da sobriedade

Foto: Reprodução / Nágila Andrade

79. Quadros, plantas e outros adornos se encarregam em adicionar mais vida ao ambiente

Foto: Reprodução / PKB Arquitetura

80. Mantinhas, tapetes e materiais naturais ajudam a dar mais conforto

Foto: Reprodução / Cassim Calazans

81. Texturas e estampas para trazer jovialidade ao espaço

Foto: Reprodução / Meu Aoê 0 KM

82. Almofadas coloridas dão mais personalidade a sala

Foto: Reprodução / Apartamento 905

83. Valorizando a amplitude do cômodo

Foto: Reprodução / WF Arquitetos

84. Esta cartela de cores é uma opção certeira para quem busca uma decoração unissex

Foto: Reprodução / Chris Silveira

85. … e também oferece versatilidade para quem gosta de sempre mudar, mas sem grandes investimentos

Foto: Reprodução / Tieppo Interiores

Para finalizar, Sandra explica que é importante escolher as cores que vão compor a sua sala em um momento em que o seu humor (bom ou ruim) não influencie a sua escolha, e que é fundamental lembrar das devidas proporções necessárias para decorar: “Paredes escuras pedem móveis neutros e paredes neutras móveis mais escuros. Sempre”.

PARA VOCÊ

COMENTÁRIOS