56 erros que reduzem a vida útil dos eletrodomésticos

Escrito por Ana Kordelos

Foto: iStock

Imagine a seguinte cena: você guardou dinheiro e demorou um tempo considerável para comprar aquele eletrodoméstico super tecnológico que iria mudar a sua vida e economizar muito de seu tempo. Aí, pouco tempo depois, você percebe que este aparelho não está com o desempenho desejado, ou pior ainda: ele quebra. Mas o que será que pode ter acontecido?

Assim como qualquer outro recurso tecnológico utilizado em seu lar, os eletrodomésticos também possuem uma vida útil prevista, e são os cuidados na hora da limpeza, manutenção e a forma de manejá-los que podem prolongar este período.

Afinal, muitas vezes o valor do aparelho eletrônico é alto e ninguém deseja “jogar dinheiro fora”. Pensando nisso, existem alguns cuidados, rotinas e técnicas que irão garantir que seu eletrodoméstico possa proporcionar praticidade, entregando sua total performance e facilitando o seu dia a dia.

Confira a seguir alguns dos erros mais frequentemente praticados os quais resultam na redução da vida útil dos eletrodomésticos e aprenda como evitá-los:

8 erros que reduzem a vida útil do micro-ondas

Foto: iStock

  1. Verifique no manual ou entre em contato com o fabricante para se informar sobre os tipos de materiais que possam ser utilizados dentro do aparelho, evitando possíveis incêndios ou até explosões. Não coloque de jeito nenhum materiais metálicos.
  2. Evite apoiar objetos ou mesmo alimentos sobre o micro-ondas, ou se for preciso, poupe a saída de ventilação do mesmo. Isto irá evitar uma possível sobrecarga sobre ele.
  3. Todo forno micro-ondas possui uma capacidade máxima, verifique qual o limite indicado no seu manual de instruções e busque não ultrapassá-lo.
  4. Ligue-o somente quando o alimento estiver em seu interior, do contrário você irá sobrecarregar o seu dispositivo gerador de ondas.
  5. Poupe-o de trabalho desnecessário, não superaquecendo os alimentos. Assim também é possível evitar o desperdício de energia.
  6. Ao realizar sua limpeza, verifique no manual qual o produto ideal para sua manutenção ou escolha produtos mais suaves, mantendo-o sempre limpo e livre de restos de comida ou gordura.
  7. Se o painel for sensível ao toque, fuja de produtos de limpeza agressivos e até mesmo o álcool, pois estes podem afetar o funcionamento dos botões.
  8. Utilize uma escova de plástico para limpar as saídas de ar do seu produto, retirando poeira e resíduos, pelo menos duas vezes ao ano, impedindo assim uma possível sobrecarga no mesmo.

8 erros que estragam a máquina de lavar roupas

Foto: iStock

  1. Confira no manual do seu equipamento o peso máximo indicado para a lavagem. Se ultrapassada esta marca, pode diminuir a eficiência da lavagem, reduzindo sua vida útil.
  2. Não apoie grandes quantidades de roupas ou outros objetos pesados em cima da sua máquina de lavar, se o fizer, correrá o risco de danificá-la.
  3. Confira os bolsos das peças de roupas a serem lavadas. Objetos pontiagudos ou materiais que se degradam facilmente podem deteriorar seu funcionamento.
  4. Utilize sempre a quantidade de sabão em pó indicada pelo aparelho. Roupas mais sujas não necessitam de mais produto e seu excesso pode acumular-se e manchar suas roupas.
  5. Use somente produtos especificamente indicados para a lavagem de roupa, evitando problemas na utilização do aparelho.
  6. A cada lavada, retire e seque o compartimento para sabão em pó e amaciante. Este processo irá evitar possíveis proliferações de fungos e microrganismos na região.
  7. Após terminado o ciclo de lavagem, procure retirar as roupas rapidamente de seu interior, evitando que o sobrepeso possa danificar a lavadora.
  8. Confira no manual a forma correta, produtos indicados e a frequência indicada para a realização da limpeza deste produto. Alguns modelos inclusive possuem um programa especial para este feito.
Como organizar a geladeira de maneira prática e funcional

9 erros que estragam a geladeira

Foto: iStock

  1. Se possível, mantenha-a longe do fogão ou de outras fontes de calor, poupando-a de um aumento de sua temperatura interna.
  2. Procure abrir suas portas rapidamente, somente nos momentos necessários. Assim ela não perderá sua temperatura interna, aumentando o trabalho de seu motor.
  3. Não pendure roupas ou calçados na grade de seu condensador. Esta prática irá impedir que a troca de calor com o ambiente seja feita corretamente, podendo danificar o produto.
  4. Precisa mudar sua geladeira de lugar? Então transporte-a somente na posição vertical, evitando uma inclinação maior de 40°. Assim não correrá o risco de ter seu sistema de refrigeração danificar devido a movimentação do óleo do compressor.
  5. Após posicioná-la no local escolhido, é recomendável aguardar de 4 a 6 horas caso a geladeira tenha sido inclinada e até 15 horas se houve movimentação exagerada do item.
  6. Buscando evitar uma sobrecarga no motor, aguarde até que pratos quentes se esfriam antes e serem guardados em seu interior.
  7. Se sua geladeira for de um modelo antigo, confira no manual qual a frequência ideal e como realizar o degelo corretamente.
  8. Se desejar lavar sua geladeira buscando uma limpeza mais apurada, lembre-se de desligá-la da tomada para evitar possíveis acidentes.
  9. Aspire a poeira acumulada na região de trás da geladeira. Ao realizar este processo, também desligue-a da tomada e garanta uma maior vida longa ao eletrodoméstico.

4 erros que estragam o mixer

Foto: iStock

  1. Utilize o aparelho somente pelo tempo necessário. Se ligado por muito tempo, pode superaquecer seu motor, quebrando-o.
  2. Sempre tenha um ingrediente líquido misturado aos secos. Este aparelho não suporta moer alimentos muito duros, podendo sobrecarregá-lo.
  3. O ideal é aguardar alguns momentos para que alimentos quentes esfriem, evitando danos ao produto.
  4. Normalmente o mixer possui a parte de sua lâmina destacável e lavável. Porém seu motor também demanda cuidados com a higiene. Para manter a limpeza em dia, passe um pano úmido para retirar resquícios de alimentos e poeira.

4 erros que estragam a AirFryer

Foto: Reprodução / Kitchen Weapon

  1. Evite utilizar materiais abrasivos no momento do manuseio de alimentos em seu aparelho. Opte sempre pelo uso de utensílios de silicone para evitar danificar o material antiaderente.
  2. Este mesmo cuidado se dá na hora da limpeza, devendo ser realizada com produtos conforme as orientações do fabricante.
  3. Não ultrapasse sua capacidade indicada no manual. Isto poderá danificar seu motor, além de prejudicar a refeição que vem sendo preparada.
  4. Utilize somente produtos de limpeza neutros e suaves, não comprometendo o funcionamento do aparelho.
Como fazer mudança: um guia completo para evitar dor de cabeça

5 erros que estragam os ferros de passar roupas

Foto: iStock

  1. Não se atentar ao tipo de tecido e temperatura recomendada para o mesmo. Se o ferro estiver muito quente, as fibras do tecido podem se queimar, grudando na superfície do ferro.
  2. No caso de um ferro a vapor, é recomendável esvaziar a água de seu compartimento interno ao finalizar seu uso. Se a água ficar por muito tempo parada pode acumular sujeira e até mesmo enferrujar.
  3. Evite desperdiçar energia e sobrecarregar seu ferro ao ligá-lo somente no momento do uso, desligando-o na sequência. Deixá-lo ligado desnecessariamente pode reduzir seu tempo de vida útil.
  4. No momento da limpeza, evite materiais abrasivos, principalmente em sua base. Este podem riscá-lo, impedindo que o aparelho deslize em alguns tipos de tecidos.
  5. Limpe-o com um pano úmido e detergente neutro, garantindo que não haja acúmulo de fibras de tecidos ou sujeiras do ambiente.

6 erros que danificam a panela de arroz

Foto: iStock

  1. Não adicione alimentos acima da capacidade indica no produtos. Isto pode levar ao funcionamento incorretos e danos a sua panela.
  2. Somente encaixe seu recipiente interno se a panela se estiver limpa e seca, evitando possíveis problemas ao aquecê-las.
  3. Não lave os grãos de arroz utilizando a própria panela, já que estes são considerados abrasivos, podendo riscá-la e danificar seu revestimento antiaderente.
  4. Na hora da limpeza, se sua tampa for fixa, lembre-se de secá-la após o uso, evitando o acúmulos de gordura, restos de comida ou umidade.
  5. Confira no manual de instruções os produtos indicados e a forma ideal para higienizar sua panela. Lembre-se de fugir de materiais abrasivos ou muito agressivos.
  6. Não mergulhá-la na água para que seu motor não seja danificado.

8 erros que reduzem a vida útil de lava-louças

Foto: iStock

  1. Busque retirar restos de comida e gordura das louças antes de adicioná-los à lavadora. Se necessário, leve-os brevemente na pia.
  2. Se algum dos utensílios possuir rótulos ou etiquetas de papel, estes podem se desintegram no contato com a água e entupir os filtros do seu aparelho.
  3. Sempre acomode os pratos do fundo até a parte da frente, de acordo com a ordem indicada pelo manual.
  4. Evite o bloqueio da água no momento da lavagem, procure deixar espaços vazios entre um utensílio e outro, resultando em uma lavagem mais eficiente.
  5. Posicione os itens com cuidado, se um deles cair dentro da lavadora, este pode bloquear suas parte giratórias, possivelmente quebrando-a.
  6. Utilize o ciclo de lavagem de acordo com a quantidade de louça a ser lavada. Desta forma você ainda irá economizar água e eletricidade, sem contar que irá evitar trabalho desnecessário para pequenas quantidades de louça.
  7. Prime pelo uso de produtos específicos para este aparelho. O uso de detergente líquido comum pode inclusive colapsar sua máquina.
  8. Verifique em seu manual a frequência e o modo ideal para realizar a manutenção de sua máquina. Esta também precisa de uma limpeza para remover as manchas de gordura em seu interior.
Como escolher a melhor roupa de cama e mantê-la sempre bonita

4 erros que estragam o funcionamento do liquidificador

Foto: iStock

  1. Não adicione líquidos quentes. Como a maioria das jarras dos liquidificadores são plásticas, ao colocar um líquido quente (principalmente acima de 80°C) o copo pode rachar.
  2. Falando em jarras, não faça a limpeza delas com o lado poroso das esponjas de lavar. Elas são abrasivas e podem riscar e danificar o copo.
  3. Sempre adicione primeiramente os ingredientes líquidos para, depois, os secos. O liquidificador vai puxar os sólidos sem sobrecarregar o motor.
  4. Nem pense em amolar as lâminas do liquidificador, você vai estragá-lo dessa maneira. Você pode triturar gelos, com a função pulsar, para afiar as lâminas.

Além de adicionarem praticidade e facilidade no nosso dia a dia, os eletrodomésticos são parte importante na rotina do nosso lar. Dito isso, a atenção em manuseá-los corretamente, sua manutenção e limpeza frequentes devem ser costumeiros, garantido que estes aparelhos possam continuar a desempenhar papel tão importante no auxílio dos cuidados do lar. Cuide bem deles!

COMENTÁRIOS