Dicas e ideias de iluminação para quarto que decoram com aconchego

Escrito por
Atualizado em 08.06.22

Studio 19 Arquitetura

Por
Atualizado em 08.06.22

A iluminação para o quarto é essencial para garantir aconchego e conforto no ambiente. Além disso, diferentes fontes de luz podem realçar a decoração do espaço e trazer muito mais praticidade no dia a dia. Confira os tipos de iluminação, com dicas profissionais para valorizar o seu projeto e ideias para criar o clima perfeito no seu quarto.

Publicidade

Índice do conteúdo:

Tipos de iluminação para quarto

A arquiteta Stephanie Esposito, do Studio 19 Arquitetura, aponta os tipos de iluminação mais usados para quarto e suas vantagens, veja:

Iluminação geral

STUDIO ARTHUR BARBIERI

Publicidade

Sobre a iluminação geral do ambiente, Stephanie afirma: “temos que ter uma atenção especial, porque o quarto é um ambiente onde normalmente se fica deitado, portanto luminárias muito pontuais acabam ofuscando a vista”. Assim, a arquiteta recomenda “plafons com luz indireta ou até mesmo spots com luz direta, logo acima da cabeceira.”

Iluminação para leitura

Para uma iluminação de apoio ou leitura, a profissional indica o uso de “pendentes ou arandelas nas laterais”. Esses tipos são compactos e ótimos para quartos pequenos ou de casal. Ela também destaca que “além de funcionais, são muito charmosos”.

Iluminação indireta

Monise Rosa Arquitetura

Publicidade

Para propiciar um ambiente mais relaxante e deixar o quarto mais aconchegante, Stephanie sugere uma fonte de iluminação mais suave e cita “LED atrás da cabeceira, ou em algum painel em marcenaria, cortineiro iluminado e abajures são boas opções para luz indireta e bem confortáveis”.

Stephanie também destaca a importância de se pensar em um projeto luminotécnico para os diferentes usos do ambiente. Também ressalta que para espaços residenciais, a temperatura de cor indicada é de “3000K, que significa branco quente”.

10 dicas de como iluminar um quarto com beleza e funcionalidade

A arquiteta também aponta dicas práticas para ajudar na hora de projetar a iluminação para o espaço de descanso, veja:

  • Arandelas articuladas: a arquiteta recomenda o uso desse tipo de arandela, pois “permitem focar nos livros ou até mesmo virar para o teto e criar um ponto de iluminação indireta”.
  • Lâmpadas defletoras: “para os pendentes ao lado da cama, lâmpadas defletoras são uma excelente opção, porque possuem uma camada espelhada na parte inferior que evita ofuscar a vista quando deitado”, aconselha Stepanie.
  • Lâmpada tubular : para iluminação em cortineiros ou sancas, a profissional orienta o uso de lâmpadas tubulares ao invés de fitas de LED e explica que “ela emite luz em quase toda sua volta, deixando a iluminação mais suave, não tão marcada e com sombras”.
  • Fita de LED: “prefira usar a fita de LED na marcenaria, atrás dos painéis e cabeceira, pois o espaço é mais limitado. Para evitar aqueles pontinhos aparecendo, aposte nos perfis com acrílico que tornam a iluminação mais difusa”, diz Stephanie.
  • Plafons ou spots: para a profissional, esses tipos são “ótimas pedidas para iluminação geral do quarto”. Sobre o tamanho, recomenda diâmetros maiores, de 50 a 60 cm, e que sejam posicionados de forma centralizada com a cama.
  • Pendentes: a arquiteta sugere o uso de pendentes centralizados no ambiente que jogam a luz pra o teto, assim “iluminam de forma geral e indireta”.
  • Abajures: “use lâmpada até o equivalente a 40W e prefira cúpulas que escondam completamente a fonte de luz, para que a iluminação fique difusa”, indica Stephanie.
  • Lâmpadas RGB: a arquiteta aponta que esse tipo é muito interessante para quartos, “pois permitem trabalhar a cromoterapia e iluminar com cores diferentes.”
  • Automação: segundo a profissional, essa “é uma dica legal para deixar as cenas, ler, relaxar, ver tv…, já definidas e coordenar tudo do celular”.
  • Circuitos independentes: o uso desse sistema possibilita mais flexibilidade na iluminação. Stephanie ressalta que é importante posicionar em cada lado da cama, principalmente em quartos de casal, para que “cada um possa acender a luz, sem incomodar o outro.”

Com todas essas dicas profissionais, a iluminação do seu quarto pode funcionar de maneira muito mais prática, eficiente e funcional!

30 fotos de iluminação para quarto

E para decorar muito bem com a luzes, veja projetos inspiradores de iluminação para quarto:

1. Os spots são versáteis para iluminar o quarto

2. Um pendente clássico traz um toque elegante

3. Modelos de cristais são pura elegância

4. Sancas de gesso fornecem uma iluminação indireta

PAULO SPESSATTO ARQUITETURA

Publicidade

5. E ajudam a criar um espaço mais aconchegante

6. Você pode caprichar nas fontes de luz

7. Ou optar por uma iluminação mais simples

8. Arandelas são práticas e muito funcionais

9. Traga um charme extra com as fitas de LED

10. Um plafon é ótimo para a iluminação geral

11. Aposte também em spots sobre a cabeceira

12. É possível combinar vários tipos de iluminação

13. Para atender diferentes necessidades do ambiente

Mariane e Marilda Baptista

Publicidade

14. E garantir um espaço funcional e acolhedor

15. A iluminação para quarto pode ser delicada

16. Ou acrescentar muita personalidade

17. Para o quarto do casal, aposte em um visual sóbrio

18. Que deixará o ambiente bastante sofisticado

19. Uma iluminação na cabeceira fica perfeita

20. Busque suavidade em quartos de bebê e crianças

21. Para quartos despojados, use recortes para luzes

22. A iluminação pode transmitir tranquilidade

23. E deixar qualquer espaço mais charmoso

24. Ressalte as características e texturas de materiais

25. Deixe um quarto mais feminino

26. Ou crie um belo quarto de solteiro

27. Transforme seu ambiente com a iluminação

28. Com peças cheias de beleza

29. Ou com soluções simples e práticas

30. Um investimento que vale a pena para seu quarto!

Uma boa iluminação faz diferença na decoração! E para deixar o ambiente muito mais aconchegante e cheio de estilo, veja também dicas de cores para o quarto!