Studio de 38m² que aproveita bem o espaço sem parecer pequeno e apertado

Foto: Reprodução / Fernanda Distéfano

Continua após o anúncio



Os apartamentos com metragem pequena estão cada vez mais presentes nos empreendimentos brasileiros. Os studios são uma realidade no setor imobiliário e acabam sendo indicados como o primeiro imóvel de muita gente, ou como uma boa opção para uma pessoa solteira que tem a vida agitada e até para um casal jovem.

Se você comprou um studio ou loft e precisa aproveitar ao máximo o espaço sem que este pareça apertado e pequeno, e não tem ideia de como decorá-lo, as dicas da arquiteta Fernanda Distéfano são essência para sua nova jornada.

A dúvida na hora de decorar, do que levar em consideração na hora de planejar os móveis, do estilo e das cores é imensa, mas com base nessas explicações profissionais, a montagem do seu lar doce lar ficará mais fácil, confira:

Cores claras, as queridinhas na decoração

Foto: Reprodução / Fernanda Distéfano

A arquiteta Fernando Distéfano reforça a dica principal: “utilize cores claras no piso, paredes e teto se quiser dar a impressão de pé direito mais alto”. Esse recurso é amplamente utilizado para trabalhar a percepção visual do ambiente.

No projeto, o porcelanato branco fica em harmonia com as paredes neutras, que possuem detalhes em madeira (que também segue um tom mais claro) e o forro de gesso recebeu iluminação embutida especial.

Aproveite bem as paredes

Foto: Reprodução / Fernanda Distéfano

A dica seguinte de Fernanda é que devemos “aproveitar todas as paredes possíveis para embutir armários e nichos, mas tome cuidado para não carregar o espaço”.

Continua após o anúncio



A escolha dos tons claros vale para os móveis também. No projeto, a arquiteta incorporou uma estante branca que fica ao lado da porta do banheiro e acomoda objetos de decoração, deixando o espaço ainda mais elegante, mas sem exageros.

Planejamento milimétrico

Foto: Reprodução / Fernanda Distéfano

O armário com porta espelhada (mais um recurso utilizado para gerar sensação de amplitude) precisou ser planejado milimetricamente. A arquiteta comenta que “uma dica bacana é saber exatamente a quantidade de tudo o que você tem para guardar. Por exemplo: Quantidade de camisas que guarda em cabides é maior que a quantidade de roupas dobradas? Então, você precisa de mais espaço de cabideiros”.

E vale a pena ser detalhista, a dica de Fernanda é: “faça uma lista de tudo o que você tem para guardar (eu sei que é muita coisa e parece cansativo), mas na hora de projetar milimetricamente seu espaço é importante você saber aproveitar o mobiliário para guardar cada coisa em seu lugar para não ficar uma bagunça depois”.

Dessa forma, fica evidente é que um trabalho que valerá muito a pena para o resultado do seu projeto. Tire um tempo para contar tudo e manter o studio sempre organizado.

Lugares para sentar e receber amigos devem ser levados em consideração

Foto: Reprodução / Fernanda Distéfano

“Nesse projeto em especial, além dos dois lugares na mesa que integra a cozinha com a sala, ainda criei um mini home office, que tem uma bancada e uma cadeira, que poderá servir de apoio quando tiver mais convidados, além da mesa na churrasqueira com mais dois lugares! Ou seja, temos 5 cadeiras em um studio de 38m²”!

Esse projeto é a prova de que não importa o tamanho de uma casa, mas sim a maneira como ele é planejado e executado. Se todos os detalhes forem pensados com carinho, o seu studio será como coração de mãe: sempre tendo lugar para mais um.

A arquiteta ainda explica que “ainda pensando em visitas, escolhi um sofá cama que confortavelmente dormem dois adultos e uma criança. E a cama é de casal box baú, para ainda ter espaço para guardar edredom, lençol, travesseiros, malas, entre outros”.

Continua após o anúncio



Inspiração para um banheiro pequeno

Foto: Reprodução / Fernanda Distéfano

Mantendo a mesma linha de planejamento, o banheiro segue com cores claras e pastilhas verdes na decoração. O uso de nichos dentro do box facilita a organização dos itens como shampoo, condicionador e sabonetes para banho.

“Nesse projeto a ideia foi valorizar a cuba para o lado de fora do banheiro, uma forma descontraída e super contemporânea de aproveitar melhor o espaço interno. Com a cuba esculpida no tampo em Silestone, e o porta toalha fixo no próprio tampo, esse pequeno espaço se destaca com duas laterais em pastilha retangular de inox, e um grande espelho ao fundo. Também foi projetado logo abaixo um móvel de apoio com duas portas para guardar objetos de uso pessoal”, explica Fernanda Distéfano.

Com muito carinho e ajuda de um ótimo profissional, sem dúvida a elaboração do projeto do seu studio será um sucesso e estas dicas da arquiteta te ajudarão com o planejamento. Boa decor!