63 maneiras criativas de usar cortinas, sem ser necessariamente na janela

Escrito por Priscila Silva

Foto: Reprodução / Oskar Mikail

Janelas abertas, bate aquela brisa gostosa e a cortina balança. Lá vai ela, esvoaçante, e emoldurando a janela. Mas, diferente do que muita gente pensa por aí, a cortina não serve, exclusivamente, para bloquear a entrada de luz nos cômodos. Com criatividade, é possível usá-la de várias formas, e por toda a casa.

Elas podem servir como divisória de ambientes, fazendo um charminho ao lado da cama, usadas como mosquiteiro, para dar mais privacidade à quartos compartilhados, e até usadas como cabeceiras.

Sem falar, é claro, na possibilidade de usá-las no banheiro, separando a área seca da área de banho. Elas ainda podem levar charme e irreverência sendo usadas como portas: no closet, sapateira, e até em armários de cozinha. Inclusive, se você tem um armário que está com a porta não muito bonita, você pode optar por uma das modinhas do momento: ou envelopar a porta com contact, ou substituí-la por uma cortina.

Ou seja, além da função tradicional à janela e bloqueio de luz, ela pode ser usada de maneira decorativa ou prática, de acordo com sua necessidade. Atente para os tecidos usados também, e o modo de lavagem de cada um deles. Com a manutenção adequada, sua cortina vai durar muito tempo!

Cortinas separando ambientes

Foto: Reprodução / In House Designers

Uma ideia muito bacana é usar a cortina para separar ambientes. Pode ser separar a sala tradicional de estar ou jantar de uma sala íntima, com uma cortina pesada, de sarja, por exemplo, ou uma mais leve, só para efeito de delimitar os ambientes mesmo, com um tecido transparente, como o voil ou seda. Se for usar a ideia em casa de praia, invista em tecidos de cor crua e fáceis de lavar, como o linho.

1. Preto criativo

Foto: Reprodução / Traba Homes

A cortina preta e de tecido encorpado delimita a área da sala de estar. Esse tipo de cortina é perfeita para usar em um espaço de cinema em casa. Se você tiver um tecido preto transparente e quiser muito usá-lo, combine com o blackout, do mesmo tamanho.

2. Quem define é você

Foto: Reprodução / Interiors Originals

Para o espaço das crianças, vale soltar a criatividade. Você pode separar, no próprio quarto, a área de dormir e de brincar. Faça uma cortina com fitas coloridas, ou da cor preferida do dono do quarto. Para variar um pouco, use as fitas amarradas em um canto, trançadas, ou com corte assimétrico. Defina o modelo que vai ficar mais interessante.

3. Área íntima

Foto: Reprodução / Dom Z Pomyslem

Esse loft é bem espaçoso, já que algumas de suas paredes foram derrubadas na reforma. A cortina serve para dividir o espaço da área comum da área íntima. Aberta, integra os ambientes, e fechada, dá privacidade ao espaço de dormir.

4. Espaço integrado

Foto: Reprodução / Joe Fletcher

Os espaços integrados estão em moda, mas a ausência de paredes pode atrapalhar na hora da privacidade. Por isso, a cortina envolta de toda a cama é perfeita para separar os espaços. O quarto inteiro usa as cortinas como paredes.

5. Espaço para refeições

Foto: Reprodução / My Scandinavian Home

Os prédios mais antigos costumam ser maiores do que os atuais, que são cada vez menores. Na hora de reformar o apartamento, tenha coragem de derrubar as paredes. Numa festa, vai parecer um grande salão, que vai impressionar seus convidados. No dia a dia, uma cortina levinha já é o suficiente para separar a área de estar com a copa.

6. Estar e jantar

Foto: Reprodução / Thinking at Design

Em residências muito pequenas, não vale a pena investir em cortinas com o objetivo de separar ambientes. Mas os espaços grandes são como uma tela em branco. Você pode, inclusive, ter mais de uma opção de cortina (mudando cor e tecido), e trocar a cada estação.

7. O cantinho esquecido

Foto: Reprodução / Doitri

Você pode achar que tem um cantinho perdido aí na sua casa, dependendo da planta. Mas tudo é questão de enxergar as possibilidades. Ele pode ser transformado em um cantinho de leitura ou até um dormitório para hóspedes. Com uma cortina e pronto, você tem mais um cômodo!

8. Apenas uma parte

Foto: Reprodução / Traba Homes

Além de colocar a cortina de forma que pegue toda a extensão da parede, também é possível uma outra possibilidade: uma cortina estreita, apenas para fazer um charme na separação dos cômodos.

9. Estilo rolô

Foto: Reprodução / PKS Interiors

As cortinas rolôs são aquelas que podem ser abertas ou fechadas, se transformando em um rolinho. Você pode usar a mesma ideia, mas com um tecido um pouco mais encorpado, e usar a cortina sempre aberta, em camadas, para dividir o espaço.

10. Vislumbre pelas frestas

Foto: Reprodução / Coco & Silk

Um estilo de cortina mais moderno e até descontraído são os fios, que podem ser de diversos tecidos, até mesmo de retalhos. Se for fazer sua própria cortina, use fios de malha, que são bem fáceis de trabalhar e possuem uma infinidade de cores.

11. No escritório

Foto: Reprodução / Plataforma Arquitectura

No ambiente de trabalho também é possível usar as cortinas para separar os espaços. Por exemplo: sala de espera, sala de reuniões e espaço do coffee break. Use um tecido bonito e estiloso. Seu escritório será considerado moderno e cool.

No quarto, junto à sua cama

Foto: Reprodução / Design Shuffle

O uso da cortina ao lado da cama é puramente estético. Você pode usá-las abertas, para um lado só, com uma parte de cada lado da cama, por cima, vindo do teto, no estilo dossel… Opções é que não faltam.

É possível usar em qualquer tipo de quarto: dos de bebê aos de adulto. Use cores claras e, se possível, um tecido com leve transparência, que ajuda a criar um clima mais intimista.

Quem mora em áreas muito afetada por pernilongos, por exemplo, pode aproveitar a ideia e usar a cortina como mosquiteiro, protegendo a hora do sono. As garotinhas vão à loucura quando veem seus quartos com uma nova decoração, com a cortina envolta da cama, como nos quartos de princesa do cinema.

12. Rústico chique

Foto: Reprodução / Tapatalk

Um quarto de casal que tenha decoração rústica também pode ganhar cortinas ao lado da cama, deixa até o ambiente mais vistoso. Caso o cômodo seja muito claro (por uso de paredes ou portas grandes de vidro, por exemplo), invista em um tecido com as tramas mais fechadas, para conseguir bloquear o sol da manhã.

“Batcaverna": explosão de testosterona para decorar um cantinho masculino

13. Espaço feminino

Foto: Reprodução / Interiors Room

O quarto não precisa ser inteiro cor de rosa para parecer feminino. Um toque delicado aqui e outro detalhe ali já deixam estampado que uma mulher pertence aquele lugar. A ideia aqui é um voil, com toda sua transparência, em volta da cama.

14. Lua de mel

Foto: Reprodução / J. Scott Interiors

Um quarto decorado com móveis e cores clássicas, o bom gosto aparece em cada detalhe. Os únicos pontos escuros que aparecem são da estrutura da cama e dos pés dos bancos e poltronas. A cortina, usada como dossel, ajuda a criar um clima romântico, perfeito para uma lua de mel.

15. Trabalhar o morar

Foto: Reprodução / Toe That Line

Se o loft é inteiro aberto e a ideia é usar para morar e trabalhar, abuse das cortinas para criar áreas especificas. O quarto, por exemplo, fica completamente isolado quando a cortina é aberta. A cor branca, em conjunto com os móveis claros, cria uma linda experiência visual, pelo contraste com o piso de madeira escura.

16. A princesa cresceu

Foto: Reprodução / Christina Hamoui

Alguns pais se recusam a acreditar que sua garotinha, a princesinha da casa, está crescendo. Para o quarto da moça, mescle ideias de quarto infantil com quarto de adulto, como o dossel em volta da cama, e a cortina na janela, com estampa mais madura e, ainda assim, feminina.

17. Estilo marcante

Foto: Reprodução / Caroline Froeder Seferin

Esse quarto mostra que quem dorme aqui, tem personalidade! O uso das luzes de led no teto tem grande responsabilidade nisso. O recorte na sanca de gesso também foi aproveitado para colocar a cortina, que pode ser usada aberta ou presa com muito charme em cada canto da cama.

18. No quarto do bebê

Foto: Reprodução / Dekorasyon Modelleri

Decoração em quarto de bebê é sempre um mimo, cada detalhe mais charmoso que o outro. Se colocar um pequeno dossel sob o berço, além de deixar a decoração mais fofa, ainda vai proteger seu bebê dos insetos.

19. Quarto adolescente

Foto: Reprodução / Maria Brasil Arquitetura

Para o quarto de uma jovem moça, dá para trabalhar tons neutros com estampas. Peça ajuda – nessa idade, eles querem muita independência, e incluí-los na hora da decoração faz com que eles sintam que estão no comando – e mescle texturas diferentes, deixando o quarto num estilo glam!

20. Bom gosto em cada detalhe

O casal pode ter o quarto com requinte e romantismo, na medida. O uso do tapete felpudo, móveis espelhados e pendentes no tom de cobre dão o toque chique ao ambiente. A cortina, leve, que cai diretamente do teto, deixa o quarto no clima perfeito para uma noite de romance.

21. Digno de família real

Quer montar um quarto digno da realeza? Invista em móveis de qualidade e numa decoração primorosa. Esse quarto, todo em preto e branco, usa bons materiais e com muito bom gosto: tapete felpudo, pufe com matelassê, poltronas de couro, painel na cabeceira da cama e cortinas nas portas que combinam com o dossel.

Como porta de armários e closet

Foto: Reprodução / Le Blog des Rideaux

Para inovar no seu closet ou guarda-roupa, você pode substituir as tradicionais portas por cortinas. Além de dar uma cara nova a esse cantinho, ainda tem o benefício que o tecido permite que as roupas “respirem” dentro do armário – coisa que a porta convencional não permite.

Os tecidos transparentes ficam lindos! E, a melhor parte, antes mesmo de chegar perto, você já consegue achar, à distância, onde está a peça que você quer usar. Se você é organizado, pode inclusive ordenar suas roupas por cores, e colocar caixas organizadoras nas prateleiras, o visual fica incrível.

Mas, atenção! Se você não tem o costume de deixar sempre tudo bem organizado e no seu devido lugar, a melhor opção é a cortina de tecido mais pesado, como a sarja, e até o jeans. Opte por usar tecidos que não sejam transparentes. Assim, ninguém vai reparar se tem bagunça ou não no armário. Ah, e se você tem um armário para guardar os sapatos, você também pode colocar uma cortina como porta também.

22. Closet camuflado

Foto: Reprodução / Home Interior Design Ideas

Se você não sabe qual o melhor lugar para montar seu closet, aqui vai a dica de ouro: atrás da cama! Depois, divida o ambiente de forma que a cortina sirva tanto como divisória mesmo como porta do closet (e, de quebra, cabeceira para a cama também). Use um tecido escuro para deixar o armário completamente camuflado.

23. Tudo nos mínimos detalhes

Foto: Reprodução / EyPhoto

Se o espaço é pequeno e você já teve que usar da criatividade para conseguir deixar o quarto aconchegante e ao seu gosto, vai uma dica: use o mesmo tecido e estampa para mais de uma utilidade, essa ideia ajuda a ampliar o visual geral do ambiente.

24. Listras coloridas

Foto: Reprodução / Elena Eller Design

Caso o armário pegue toda a extensão de uma parede, para ampliar visualmente o quarto, use uma cortina com listras horizontais, elas enganam a visão e, se coloridas, ajudam a deixar o cômodo com uma cara mais divertida (note que as mesmas cores aparecem nos quadrinhos que estão na parede.

25. Roupas e sapatos

Foto: Reprodução / Style Motivation

Se organização é seu forte, invista em um armário que tenha espaço para armazenar roupas e seus sapatos também, assim fica tudo à mão, em um único lugar. Use prateleiras para guardar bolsas e malas. Para a cortina, você pode usar uma dupla (com trilho duplo, ou duas, no mesmo varão), de cores que combinem entre si.

26. Armário escondido

Foto: Reprodução / Mrs. Marina

Quem constrói a própria casa ganha a liberdade de fazer algumas brincadeiras com a alvenaria. Aqui, o armário foi feito “dentro” da parede. Quando a cortina está fechada, pode enganar quem olha, achando que ali embaixo tem uma janela.

27. Quarto clean

Foto: Reprodução / Bashny

Se o quarto tiver uma decoração clean e com cores neutras, opte por uma cortina com as tramas um pouco mais fechadas. Assim, mesmo o tecido sendo de cor clara, não será possível ver o conteúdo – e o colorido dele – do armário.

Apartamento de 38m² usa e abusa das cores sem ficar cansativo

28. Subtítulo criativo

Foto: Reprodução / Ana Paula SM

O quarto do casal tem papel de parede verde estampado. A mesma cor, em outra tonalidade, aparece na cortina que esconde o guarda-roupa. Na janela, uma persiana de cor neutra dá o equilíbrio ao quarto.

29. Closet dos pés

Foto: Reprodução / Rubia Mala

A sapateira aramada pode até ser considerada feia quando exposta, mas com essa camuflagem, ficou divina. O tecido fino usado na cortina que fecha o pequeno closet tem acabamento com fitas de cetim. A mesma ideia foi aplicada na braçadeira, que segura a cortina.

30. Cortina curta

Foto: Reprodução / Deavita

O armário foi feito de madeira e alvenaria, aproveitando uma viga da construção e até a porta. Na parte de cima, foi feito maleiro, aproveitando completamente o espaço. O armário recebeu acabamento de madeira na parte de baixo, dando uma opção nova para a cortina: ela não precisa ser comprida até o chão.

Cortinas podem virar cabeceiras de cama

A cabeceira da cama também é um ótimo lugar para decorar com cortina. Escolha tecidos mais leves e finos, para deixar o ambiente mais elegante. Na cabeceira, a cortina pode ser usada de várias formas: completamente aberta, como normalmente ela fica na janela, ou no teto, caindo em cascata na cabeceira da cama. De uma forma ou de outra, fica muito bonita e diferente das cabeceiras usuais.

31. Motivos tribais

Foto: Reprodução / Phorm Design Life

e você tem uma cortina que ama muito, e gostaria de usá-la na cabeceira, mas tem receio por causa do tamanho, não tem problema. Mesmo cortinas divididas em três ou quatro partes, ficam bem bonitas. Capriche na escolha dos desenhos, como essa, de motivo tribal.

32. Ligue os pontos

Foto: Reprodução / Design Mom

Se você adora o estilo petit poá, mas acha que fica muito delicado para o estilo do seu quarto, invista em uma cortina com bolinhas coordenadas, arrumadinhas, em linha mesmo. A ideia funciona e a cabeceira fica bem moderna.

33. Direto do teto

Foto: Reprodução / Our Boat House

A cabeceira da cama não precisa, necessariamente, ser reta e fica exclusivamente atrás do colchão. É possível usar a técnica do dossel que cai do teto, mas abrir o tecido, de forma que abra em leque ao cair e tome todo o comprimento da cama na parede.

34. Leve e solta

Foto: Reprodução / HomeDizz

Cortinas de tecido levinhos sempre causam a impressão de leveza ao ambiente. Você pode aproveitar e usar o mesmo pano (inclusive na mesma cor) que fez a cortina da janela para colocar na cabeceira.

35. Seu espaço X meu espaço

Foto: Reprodução / De brujas a princesas

Se a parede for branca, use cortinas coloridas, elas servem como cabeceira em quartos com mais de uma cama, e delimitam os espaços – assim, já evita a famosa disputa de espaço entre os irmãos: cada um no seu quadrado!

36. Aberta ou fechada

Foto: Reprodução / Lonny

A cortina na cabeceira pode ser usada aberta ou fechada. Atrás da cortina, você pode inovar e adicionar mais um item para decorar o quarto, como um espelho, uma foto ou um quadro. Varie, e deixe a cortina aberta em alguns dias e fechada em outros.

37. O branco nunca sai de moda

Foto: Reprodução / Better Homes & Gardens

Esse estilo de cortina permite criar uma moldura na cama. O estilo cascata, ou cachoeira, ainda deixa o ambiente mais romântico. Combine com os demais itens do enxoval e use somente tecido branco, para deixar o quarto bem clean.

38. Cabeceira com luzinhas

Foto: Reprodução / Molimore

Se a aposta para a cortina na cabeceira for voil, ainda assim dá para deixar o ambiente surpreendente no apagar das luzes. Talvez, nem precise apagar todas. Deixe um pisca-pisca pendurado atrás da cortina, o efeito lúdico fica incrível e surpreende.

39. Dossel aberto

Foto: Reprodução / Sam Home Decor

Camas que tem estrutura para dossel permitem uma infinidade de usos da cortina. Além do jeito tradicional, que fecha a cama numa redoma, também é possível deixar o tecido aberto, só na cabeceira.

E podem dar mais privacidade em beliches

Foto: Reprodução / 4 men 1 lady

Beliches podem ser usadas em quartos divididos por irmãos, quarto de hóspedes, hotéis, hostels, acampamentos… Em uma infinidade de espaços e ocasiões. Por isso, a ideia da cortina no beliche é tão interessante. Ela cria a privacidade necessária para a hora do sono.

Por exemplo, se o colega da cama de baixo quiser ler, é só acender a luz do quarto ou abajur, e o colega de cima fechar sua cortina, que poderá dormir tranquilamente, sem que a luz atrapalhe.

40. Quarto de múltiplos

Foto: Reprodução / Morada

Se você tem filhos múltiplos (gêmeos, trigêmeos, quadrigêmeos, etc…), a ideia mais fácil e econômica é sempre padronizar as coisas, inclusive os móveis. Eleja uma parede do quarto para abrigar as camas, e instale cortinas que combinem com a decoração do quarto.

41. Quando a cortina é um castelo

Foto: Reprodução / Dwelling by Design

Para quartos de pequenos desbravadores, a ideia é instalar cortinas que possam dar asas à imaginação deles. Essa opção imita o desenho de um castelo, com direito a janelinhas na parte de baixo e torres na parte de cima.

42. Um móvel inteiriço

Foto: Reprodução / Ana Num Dia Daqueles

Quando um beliche fica grudado ao outro, parece até mesmo ser um móvel inteiriço. Por isso, use cortinas de um mesmo material e cor, para dar mais unidade ao cômodo.

43. Cortinas de veludo

Foto: Reprodução / KidSplash!

O uso de veludo para confeccionar as cortinas é perfeito para garantir aquele escurinho gostoso para pegar no sono rápido. Como o tecido é espesso, evita a entrada de luz por meio das tramas.

44. Um cappuccino para cada, por favor

Foto: Reprodução / Furniture Teams

O quarto dos gêmeos recebeu decoração idêntica para os dois irmãos, toda em tons de azul, no papel de parede e no enxoval. As cortinas, também iguais, são da cor cappuccino, com barra em um tom levemente mais escuro.

45. Blecaute

Foto: Reprodução / 4 men 1 lady

Em beliches também é possível o uso de blecautes. Como são usados em pedaços curtos, é indicado não usar junto com outra cortina. Se usar o blecaute em todas as laterais da cama, fica bem escurinho, e o sol jamais vai te acordar pela manhã!

Mural de fotos: uma lista com 30 modelos para decorar a sua casa

46. Cor em destaque

Foto: Reprodução / Fernanda & Flávia Belletti

Em um quarto com cores clássicas, opte pelo uso de uma ou duas cores para ser o ponto de destaque no quarto. Aqui, a cor mais clara, verde limão, aparece nas cadeiras da mesinha de apoio, e a cor mais forte, vinho, nas cortinas dos beliches.

47. Dossel para dois

Foto: Reprodução / Grigolite

O uso do dossel também é válido para beliches. Usado mais com a função decorativa do que de privacidade, faz às vezes de mosquiteiro também. Use um tecido transparente para não sobrecarregar o ambiente.

Armários da cozinha

Foto: Reprodução / Decoração Rústica

É normal ver cortininhas na cozinha, sendo usadas embaixo da pia, para fechar os gabinetes. Mas elas podem ter outras funções também, como portas para armários, despensas e para cobrir prateleiras, evitando, assim, que a poeira se acumule nos utensílios, que nem sempre são usados frequentemente.

48. Cinza lindo!

Foto: Reprodução / Andansari Citra

Ao contrário do que muita gente pode pensar, o cinza não é sem graça, e ele fica muito bonito se aplicado em uma cozinha que tem alguma tonalidade da cor na paleta utilizada. Junto com a bancada preta e a pia de inox, faz um ótimo conjunto.

49. Para a despensa

Foto: Reprodução / Jenna Sue Design

Se a sua despensa está sem porta, a cortina é uma boa solução para esconder os mantimentos ou até uma possível baguncinha que quase sempre se instala no local. Use um tecido de cor ou estampa clara, que combine com o restante da decoração da cozinha.

50. Um toque de cor

Foto: Reprodução / Tocka

A cozinha branquinha tem um móvel multiuso, uma espécie de ilha, com bancada, espaço para armazenar garrafas de vinho e até um cantinho para colocar as últimas compras do hortifrúti, que ficam devidamente escondidas atrás da cortina colorida.

51. Detalhes pretos

Foto: Reprodução / Konyhasziget

A cozinha mescla o branco e o reto em cada detalhe: paredes brancas, piso preto, bancada e eletrodomésticos em inox e cortinas pretas, para cobrir as prateleiras que armazenam os jogos de pratos e panelas.

52. Amor botânico

Foto: Reprodução / Bloom Studio

A cozinha em tons claros é cheia de detalhes com galhos, folhas e flores desidratadas. A paixão pelo tema botânico aparece até na cortina sob a pia, com motivos que imitam os quadrinhos da prateleira.

53. Para camuflar a bagunça

Foto: Reprodução / The Village

Casa que tem os ambientes integrados precisa ter sempre tudo arrumadinho, com tudo no lugar, já que de um ponto da casa, é possível ver vários cômodos de uma só vez. A cozinha não tem armários, para facilitar o estilo aberto. Para camuflar a baguncinha sob a pia, cortinas em tom neutro.

54. Verde e amarelo alternativos

Foto: Reprodução / Maíra Acayaba Arquitetura

Verde e amarelo é uma combinação de cores que dá muito certo. Só que pode parecer que é uma homenagem à bandeira nacional. Para evitar comparações, mude o tom das cores, use o amarelo mais puxado para o mostarda, e o verde mais escuro, quase petróleo.

Para separar a área molhada do banheiro

Quando se pensa em cortina no banheiro, a ideia é aquele modelo básico de plástico, para colocar no box, definindo a área do chuveiro. Mas ela pode ser de tecido também, e ser o ponto alto da decoração do banheiro.

55. Reaproveitando a cortina da sala

Foto: Reprodução / Urn Home

Alguns itens que já fazem parte da decoração da casa podem mudar de ambiente e ir para o banheiro. Não acredita? O espelho é um exemplo, e a cortina é outro. A parte de baixo é nova, colocada como barra, especialmente para cobrir a banheira.

56. Dois um um

Foto: Reprodução / Discovery Mujer

O banheiro superfeminino e delicado, de cores claras e aparência bem clean ganhou uma cortina 2 em 1. Duas partes, unidas pelo trilho, apenas. A primeira camada, de tecido branco, liso, e a segunda, por cima, toda de renda.

57. Mix de cores e estampas

Foto: Reprodução / Lushome

O banheiro com cores clarinhas mostra que estampas diferentes podem sim conviver em harmonia. No chão, piso com desenhos de poá, e na cortina do box, listras. As cores são da mesma paleta e combinam. O tom mais forte aparece nas bolinhas pretas no chão, que dão graça ao cômodo.

58. Caimento perfeito

Foto: Reprodução / Hupe Home

O estilo clean e minimalista do banheiro ganha um ar refinado com a cortina com o caimento perfeito. O tecido leve, na tonalidade gelo, igual à cor da cuba, é quem une o branco da parte de baixo, azulejada, com o preto, de cima.

59. Cinza a amarelo

Foto: Reprodução / My techref

A combinação de cinza e amarelo aparece cada vez mais nas decorações modernas. E o mix pode aparecer até no banheiro: no tapete, moldura do espelho, moveis de apoio, itens decorativos e até na cortina do box.

60. Tela em branco

Foto: Reprodução / Home Triangle

O banheiro completamente branco permite o uso de cores fortes e alegres para alegrar a decoração. E as escolhidas foram o laranja, fúcsia e verde, que aparecem na cortina envolta da banheira, no jogo de toalhas de banho e nos decorativos.

61. Projeto para o final de semana

Foto: Reprodução / The White Corner

Uma cortina em camadas e com efeito dégradé, de azul petróleo, passando por verde claro, até chegar ao creme. Um projetinho simples e fácil de executar, perfeito para fazer durante um fim de semana e dar uma cara nova ao seu banheiro.

62. Transparência no box

Foto: Reprodução / RSRG Arquitetos

A cortina de tecido transparente no box do banheiro tem efeito completamente decorativo, já que não confere privacidade à área molhada. Por isso, é ideal para o banheiro da suíte do casal.

63. Verde e azul

Foto: Reprodução / Home Happy Home

O azul clarinho dos azulejos antigos casa perfeitamente com o verde limão da cortina com desenhos geométricos em tons de verde e azul mais escuro. A cortina é o ponto alto da decoração do banheiro.

Cortinas são itens de decoração baratas e fáceis de serem encontradas. Se for para fazer o seu projeto, a execução também é bem simples. Descubra um cantinho da sua casa que pode ganhar uma cortina, sem ser uma das janelas!

PARA VOCÊ

COMENTÁRIOS