Dicas práticas e 80+ inspirações para organizar seu home office

Foto: Reprodução / Alex Maguire Photography

Foto: Reprodução / Alex Maguire Photography

É comum a ideia de que se o trabalho é em casa, a formalidade não é tão necessária, mas é muito importante sempre ter o espaço organizado e limpo para que as tarefas sejam feitas com total responsabilidade, mesmo quando se trabalha em ambientes tão confortáveis como o próprio lar.

A importância de se manter um escritório em casa organizado vai além da questão estética, auxiliando também na concentração e aumentando a produtividade. Para facilitar esse estilo de vida, é essencial separar as funções do trabalho e da casa. Conservar o escritório limpo e evitar misturar itens de uso pessoal com os de uso profissional, por exemplo, pode ser uma medida importante para ajudar a focar no trabalho.

Home office, além de ser o termo em inglês que designa o cômodo onde fica o escritório, também é usado, por conta disso, para falar sobre o regime de trabalho exercido em casa, inclusive no Brasil. Ter um home office pode parecer uma tarefa simples e cômoda, mas, se não for bem planejado e organizado, pode se tornar um problema e acarretar na baixa produtividade.

Para adequar essa modalidade de trabalho ao seu estilo de vida, uma série de dicas práticas pode ajudar a transformar o home office em um ambiente mais agradável e a eliminar pontos de distração.

6 dicas práticas para organizar seu home office

Foto: Reprodução / Luvy Johnson

Foto: Reprodução / Luvy Johnson

Além do cuidado com os hábitos da casa para a manutenção do espaço, há outras práticas que podem contribuir para a organização do escritório de modo que isso reflita na sua produtividade. O designer de interiores Ricardo Lopez, da Lopez Interiores, listou 6 das principais dicas para que seu home office esteja sempre em dia, confira:

  1. Mantenha a mesa limpa: evite acumular papéis e deixar objetos espalhados pela superfície de trabalho. Para pessoas que trabalham manejando muitos documentos e outros impressos, a melhor solução pode ser apostar em bandejas e pastas, tanto para deixar tudo organizado sobre a bancada quanto para afastar a bagunça das gavetas e prateleiras.
  2. Opte por organizadores móveis: arquivos e porta-trecos ajudam a evitar que objetos pequenos se percam no meio das coisas. Esses itens, assim como caixas e cestos, também podem servir para deixar peças de uso mais frequente sempre à mão, de forma que não ocupem muito espaço e lhe poupem tempo, já que você não precisará procurá-los sempre que tiver de utilizá-los.
  3. Guarde o que for importante: documentos importantes e itens que influenciam diretamente na sua produção devem ser armazenados em armários e gavetas. Dessa forma, você evita que os papéis se espalhem pelo escritório e que os objetos de uso profissional se percam na bagunça.
  4. Separe as funções: um erro comum das pessoas que trabalham em home office é acabar misturando a vida profissional e a pessoal de modo que o serviço seja comprometido. Por isso, separe o escritório das demais funções da casa: evite levar pratos, copos e outros objetos que não façam parte da rotina do trabalho para o ambiente de trabalho.
  5. Invista em gaveteiros: esses móveis são uma ótima opção de custo-benefício, pois podem ser usados para diversas finalidades e oferecem uma enorme variedade de cores, tamanhos e materiais. Para torná-los ainda mais funcionais, faça uso em divisórias de gaveta e etiquetas!
  6. Aposte em itens multifuncionais: uma solução ideal para espaços pequenos é investir em móveis e eletrônicos que possam ser usados em mais uma atividade. Por exemplo, se o seu principal instrumento de trabalho é o computador, considere investir em um modelo All-in-One, que ocupa menos espaço nas bancadas.
Aprenda a utilizar tapetes para deixar seu lar mais encantador e aconchegante

Como organizar diferentes estilos de home office

Foto: Reprodução / Shelley Gardea

Foto: Reprodução / Shelley Gardea

Existem várias maneiras de montar seu home office hoje em dia, do mais simples ao mais sofisticado e parecido com uma empresa. Aqui, o gosto do morador e as necessidades específicas de cada trabalho realizado dentro de casa é o que vai desenhar o estilo do ambiente. Independentemente de qual estilo seu local de trabalho tenha, a organização tem que estar sempre em primeiro lugar.

Confira as dicas de organização correspondentes a cada tipo de escritório elaboradas a partir da entrevista com o designer de interiores Ricardo Lopez.

Home office moderno

O estilo moderno é marcado por suas poucas linhas. O branco vai muito bem, mas também é possível trabalhar com outras cores para a decoração de um ambiente monocromático. Objetos de arte e livros também deixam o escritório com um ar contemporâneo.

Uma dica importante é não deixar os objetos que são apenas decorativos interferirem no que é importante e útil ao trabalho.

Home office básico

Prateleiras e gaveteiros são os melhores recursos para montar um home office seguindo um estilo mais básico. A madeira é muito usada em ambientes clássicos e também serve para dar o tom da decoração. Nichos fabricados nesse material podem ser colocados nas paredes também com a função de prateleiras, dando um charme a mais ao ambiente.

Esse estilo também é marcado pelo conforto aparente, já que a decoração mais básica deixa evidente o ar de aconchego que o cômodo proporciona a quem o utiliza.

Home office minimalista

O estilo minimalista é composto principalmente pela combinação de cores sólidas e poucos detalhes. Por isso, as pessoas que não são muito apegadas a pertences materiais e gostam de deixar os ambientes mais livres tendem a ser as que mais se identificam com esse tipo de decoração.

Os objetos específicos para trabalho devem seguir a mesma linha do local, e a organização deles é fundamental para que o toque minimalista esteja também aqui. Assim, a máxima “menos é mais” diz respeito tanto ao acúmulo de papéis quanto à própria decoração.

Home office com biblioteca

Quando o home office possui biblioteca, é necessário que tenha também um excelente espaço para armazenar livros, além de um local ideal para realizar uma boa leitura ou pesquisa. Prateleiras e nichos são ótimos itens para esse guardar os materiais e, ao mesmo tempo, deixá-los à mostra, de forma que componham também a decoração do ambiente.

Decoração minimalista: como mobiliar e decorar com pouco

Objetos como boas luminárias direcionadas para o local de leitura, que pode tanto ser uma poltrona confortável quanto a mesma cadeira utilizada para o trabalho, são muito importantes nesse estilo, já que o hábito de ler tende a ser constante quando se tem uma biblioteca no escritório.

Home office colorido

Nos quesitos aproveitamento de espaço e organização, o office colorido entra na mesma ideia do minimalista: é preciso utilizar a cor que mais agrada ao dono do local para que o ambiente não se torne pesado e enjoativo, afinal é onde o morador passará boa parte do seu dia.

Nesse estilo é muito importante ter em mente a harmonia das cores utilizadas no cômodo. Cores muito vibrantes podem ser distrativas e a combinação entre a cor das paredes e dos móveis tem que sempre ser levada em consideração para que o ambiente fique bonito e em sintonia.

Home office pequeno

O máximo aproveitamento de espaço aqui é essencial. Em escritórios pequenos, faz-se necessário pensar em soluções práticas, bonitas e confortáveis para que o trabalho não seja prejudicado por um ambiente apertado, onde a pessoa não se sinta à vontade para passar muito tempo. Deve-se, portanto, optar por objetos dois em um, que permitam a eliminação de excessos.

Outra dica é usar os objetos de trabalho também como objetos decorativos, como livros, porta-trecos, arquivos e pastas.

7 itens essenciais para um home office funcional

Foto: Reprodução / Sarah St. Amand

Foto: Reprodução / Sarah St. Amand

Alguns itens são indispensáveis na hora de montar e organizar seu home office, desde objetos simples até alguns mais elaborados, esses serão os responsáveis por conferir o estilo desejado ao local; além de proporcionarem maior conforto e a facilitarem a organização do trabalhador.

1. Bancada

Foto: Reprodução / Jute Interior Design

Foto: Reprodução / Jute Interior Design

Seja uma bancada, uma mesa ou uma escrivaninha, esse é o espaço onde o trabalho vai acontecer de fato. Dessa forma, é sempre importante investir em móveis de tamanho adequado, principalmente no que diz respeito à altura.

Para que o momento de trabalho seja agradável, é necessário que a superfície esteja alinhada à boa postura. O pescoço e a cabeça devem estar sempre eretos e a linha de visão deve estar alinhada com o topo ou o centro da tela do computador, a uma distância de 45 a 65 centímetros.

2. Cadeira ou poltrona

Foto: Reprodução / Mr. Mitchell

Foto: Reprodução / Mr. Mitchell

A cadeira ou poltrona deve ser extremamente confortável, e o bacana é que, por se tratar de um ambiente doméstico, aqui não é preciso ficar preso aos modelos típicos de escritório. O morador pode escolher a cadeira que melhor lhe servir, tanto na parte estética quanto no conforto.

Cortinas: guia completo para escolher o melhor modelo

3. Prateleiras e nichos de parede

Foto: Reprodução / Angela Ruple

Foto: Reprodução / Angela Ruple

As prateleiras e os nichos nas paredes servem para guardar livros e pastas, além de dar um toque de decoração do escritório. Hoje em dia, existem muitos modelos, cores e tamanhos dessas peças e, com certeza, algum deles combina com o seu cantinho de trabalho.

4. Objetos de decoração

Foto: Reprodução / Jordan Parnass

Foto: Reprodução / Jordan Parnass

Nesse ponto, o morador pode abusar da criatividade e do seu gosto. Como no home office o trabalhador não fica preso à formalidade dos escritórios, é possível usar lembranças de viagens, fotos, placas magnéticas e muitos outros objetos para decorar o espaço de trabalho.

5. Organizadores

Foto: Reprodução / RH Homes

Foto: Reprodução / RH Homes

Os objetos de organização variam de acordo com cada trabalho que será desenvolvido no home office. Se a pessoa utiliza muitos meios eletrônicos, é essencial ter um separador e organizador de cabos, por exemplo. Agora, se o trabalho envolve muita papelada, pastas organizadoras e etiquetas são imprescindíveis.

6. Luminária

Foto: Reprodução / Create Kitchen

Foto: Reprodução / Create Kitchen

A luminária pode ser de mesa ou não, a decisão depende da bancada ou da escrivaninha de trabalho. Existem muitos tipos de luminárias que se encaixam em diferentes locais e podem ser torcidas para direcionar melhor a luz, o importante é sempre prestar atenção na iluminação do cômodo. Um home office mal iluminado fará mal para a vista do morador.
As lâmpadas que emitem uma luz mais amarelada, também chamada de luz quente, tornam os ambientes mais aconchegantes e por isso são indicadas para locais de descanso ou lazer como salas de estar, salas de jantar e quartos. As lâmpadas frias tornam os ambientes mais estimulantes e são indicadas para locais onde a atenção precisa dominar, que é o caso do escritório em casa.

7. Abajur

Foto: Reprodução / Rikki Snyder

Foto: Reprodução / Rikki Snyder

O abajur é uma boa pedida, já que pode ser de mesa ou de coluna. Essa peça também pode ser utilizada para direcionar a luz para leitura de livros, ou mesmo para completar uma composição com a poltrona de descanso ou um pequeno sofá.

Com os itens listados pelo designer de interiores, fica fácil montar seu home office, e deixá-lo sempre em ordem. O importante é sempre ter um local confortável, mas que não perca a característica de trabalho, para que o morador não deixe as funções da casa atrapalharem seu rendimento.

O bacana do home office é poder expressar a personalidade do morador em seu local de trabalho, o que não é sempre apropriado nas empresas, consultórios e escritórios. Porém, é necessário ter em mente que a organização é sempre muito importante quando se trata do local de trabalho, independente de onde seja.

COMENTÁRIOS