Piso laminado: conheça mais sobre este belo e elegante revestimento

Escrito por Ana Kordelos
Foto: Reprodução / Prime Flooring

Foto: Reprodução / Prime Flooring

Continua após o anúncio



Sinônimo de requinte e beleza, o piso laminado é a opção ideal para aqueles que desejam um ambiente elegante e sóbrio, características estas provindas da reprodução da utilização de madeira em seu revestimento. Fabricado em lâminas ou ainda em fórmica, o piso laminado é indicado tanto para ambientes residenciais quanto comerciais – sua única ressalva é mantê-lo longe do contato com a água ou exposição contínua ao sol, para garantir assim suas propriedades e beleza natural.

De acordo a arquiteta Marina Salomão, um dos motivos que garantem sua alta procura é a praticidade na hora da instalação. Segundo ela, a grande maioria de opções de pisos laminados pode ser instalada sobre outro piso, alguns modelos através do uso de uma cola específica, outros a partir de um sistema de encaixe e “isso reduz o trabalho e a sujeira na hora da substituição do piso”.

Além de belos e modernos, esses revestimentos são fáceis de instalar e de realizar a manutenção. O piso laminado é resistente a riscos e à abrasão causada pela movimentação de móveis e pessoas – mas todo cuidado é pouco para manter a beleza dele. A madeira ainda é um material hipoalérgico, ou seja: ela evita a propagação de agentes que possam causam alergias.

Outra característica de destaque deste acabamento é a redução de ruídos, garantindo um conforto acústico, além do conforto térmico proporcionado pelo uso deste material. Atualmente, grande parte desta obra prima é provinda de reflorestamento, primando pela sustentabilidade.

Onde eu posso usar piso laminado em casa?

Foto: iStock

Foto: iStock

Muito utilizado também em reformas, o piso laminado pode ser instalado praticamente sobre qualquer piso, desde que este não seja flutuante como um carpete têxtil. A arquiteta ainda não aconselha a instalação sobre um piso de madeira, seja com taco ou assoalho. Se este for o caso, só é recomendada a instalação se o contra piso passou por um processo de impermeabilização.

A instalação não é indicada em regiões com umidade constante ou com contato frequente com água, pois isso pode causar um abaulamento do material, ou mesmo deformações e empenamento de suas lâminas. Confira as recomendações da arquiteta para o uso deste revestimento em cada cômodo do seu lar:

Salas

piso-laminado-90

Foto: Reprodução / Bárbara Jalles Guimarães

Continua após o anúncio



Em relação à escolha do modelo ideal, a arquiteta revela que existe uma grande variedade de texturas, das mais rústicas até o acabamento acetinado, o qual reproduz o aspecto da madeira natural. “Escolha um que mais combina com o restante da sua decoração, harmonizando-o”. Uma boa opção para trazer sobriedade à sala é optar por cores mais escuras como o tabaco, por exemplo, que fica lindo fazendo contrastes com móveis mais claros. Mas nada impede que você utilize um piso clarinho com móveis em tons neutros: o importante é seguir o seu estilo na composição da decoração.

Para conservar a beleza do piso, a profissional indica utilizar pequenos pedaços de feltro nos pés dos móveis. Capachos nas entradas das portas são uma boa opção para reter grãos de areia trazidos pelos calçados e pelo vento, já as rodinhas dos móveis devem ser de poliuretano ou silicone para não riscar o chão.

“Evite arrastar móveis sobre o piso, se tiver que fazê-lo, ponha antes um cobertor grosso por baixo do móvel”, ensina Marina. Para proteger o piso da incidência direta do sol, utilize cortinas nas janelas do cômodo. Para garantir as características originais do produto, não recomenda-se encerar o chão, apenas utilizar produtos de limpeza indicados para pisos laminados.

Quartos

Foto: Reprodução / Intown Arquitetura

Foto: Reprodução / Intown Arquitetura

Aqui, é válido ter os mesmos cuidados do que na sala, evitando o desgaste ao proteger os móveis e cuidando com a exposição ao sol. Em relação ao modelo a ser escolhido, vale a regra básico onde cores claras ampliam o ambiente e cores escuras diminuem o cômodo – tudo em harmonia e equilíbrio com a decoração e cores do quarto. Além disso, o ideal é que suas tábuas sejam de espessuras mais estreitas, trazendo suavidade ao ambiente.

Cozinha

Foto: Reprodução / Diego Revollo

Foto: Reprodução / Diego Revollo

Para a profissional, devido à grande probabilidade de contato com a água, não é aconselhável a instalação de pisos laminados nas cozinhas. Porém, existem opções que garantem esta possibilidade. Há no mercado laminados específicos para sua aplicação nesta região, são os chamados AC4, com maior resistência ao tráfego e limpeza diária.

É possível ainda utilizar tapetes na cozinha, minimizando as possibilidades do contato com água. Por último, Marina Salomão orienta realizar instalação dos pisos utilizando cola, mesmo que o piso seja do sistema de encaixe – isso garantirá maior permeabilidade ao material, aumentando sua durabilidade.

Banheiros e lavabos

Foto: Reprodução / Boá Arquitetura

Foto: Reprodução / Boá Arquitetura

Continua após o anúncio



Para este ambiente, a recomendação é a mesma da cozinha, devido ao grande contato com água sua utilização não é uma boa opção. Mas se seu desejo for grande, opte por um piso laminado em PVC, um tipo de piso vinílico, o qual não sofrerá com a umidade característica do local. Alguns possuem grande semelhança com a madeira, com diferenças somente em sua textura.

Para Ana Adriano, designer de interiores, o piso laminado de madeira é um produto muito interessante na composição dos ambientes. “A madeira aquece visualmente o ambiente e permite que criemos os mais variados estilos de decoração”.

Em relação à composição do piso com os outros itens do ambiente, a profissional revela que móveis laqueados combinam com todos os padrões de pisos de madeira. Já móveis com um estilo mais rústico, conversam melhor com os padrões que imitam madeira de demolição e os modernos ficam ótimos sobre padrões de madeiras mais escuras. “É preciso lembrar que o piso laminado pode ser colorido, não é obrigatório que se use o padrão madeirado, pois o laminado admite cores variadas, dando graça à quartos infantis e sofisticação à salas”, a profissional dá a dica.

Tipos de piso laminado disponíveis no mercado

Existem dois tipos de piso laminado disponíveis atualmente no mercado: o piso laminado de madeira e o piso laminado de alta resistência, onde cada um deles deve ser escolhido de acordo com as necessidades do morador. Confira o que a profissional tem a dizer sobre cada um:

Piso laminado de madeira

Foto: iStock

Foto: iStock

Comumente utilizado em apartamentos, suas dimensões variam de acordo com o fabricante, mas normalmente o encontramos com 7mm de espessura em larguras. Sua característica principal é ser produzido em madeira natural revestida com verniz. Possuindo uma camada com um filme cristalino, que garante resistência elevada à abrasão e riscos, este tipo de piso ainda apresenta grande variedade de desenhos e tons. Dessa forma, cada régua (como é definida a faixa de madeira laminada) terá um desenho e cor única.

Piso laminado de alto tráfego

Foto: iStock

Foto: iStock

Normalmente indicados para locais com muito movimento como estabelecimentos comerciais, em contraste ao piso laminado de madeira tradicional, o piso laminado de alto tráfego possui maior resistência a riscos e desgastes, ou seja: é mais durável. Esse piso é feito com HDF, que são partículas minúsculas de madeira prensada em alta densidade, revestidas com papel decorativo. Por isso, este tipo de piso possui diversidade em cores, opções e modelos, assim como o fabricado em madeira.

Em resumo, a designer de interiores Ana Adriano diferencia os dois tipos de pisos da seguinte forma: enquanto o piso laminado de madeira é constituído de lâminas de madeira com aplicação de verniz, tendo sua utilização indicada para residências e locais de tráfego leve, o piso laminado para locais de alto trafego é constituído de uma base produzida em HDF e revestido com impressão de madeira, conferindo resistência à abrasão, riscos e outros fatores de desgaste, tornando-se a opção ideal para ambientes com tráfego alto, como ambientes comerciais.

Continua após o anúncio



Vantagens e desvantagens do piso laminado

Foto: iStock

Foto: iStock

Dentre as vantagens, Marina cita o baixo custo, sendo que o preço do piso laminado é muito inferior em relação ao piso de madeira. A facilidade de limpeza é outro fator positivo, pois “basta um pano úmido para limpar a maioria das manchas”, revela. A facilidade na hora da instalação é apontada pela profissional como ponto relevante, já que “as placas do piso apresentam encaixe tipo macho-fêmea, que facilitam a instalação, além de apresentarem grande firmeza. Estas podem ser coladas ainda para garantir a união das peças”.

Por fim, este tipo de piso é ecologicamente correto. “As placas de piso laminado são compostas por compensado, normalmente com madeira reflorestada de florestas certificadas”, revela a arquiteta.

Como desvantagens, Marina cita a facilidade na propagação dos sons, sendo indicado cobrir o contrapiso com uma manta acústica para evitar esse problema. Além disso, o material não pode ser coberto por água, sendo que ao cair algum líquido sobre o piso, é necessário secar rapidamente. Este material ainda possui a tendência de se deformar devido ao calor e à pressão e a superfície do piso é tão suave que tende a ser escorregadia. “Cuide ao utilizar sapatos de salto alto e arrastar móveis, pois estes também podem estragar o piso laminado. Por isso, use sempre feltros nos pés dos móveis”, ensina.

Como instalar piso laminado em casa

Foto: iStock

Foto: iStock

Segundo a profissional, o primeiro passo para instalar o piso em seu lar é realizar corretamente o cálculo do material necessário para este processo. O ideal é medir quantos metros quadrados tem a área e adicionar 10% para possíveis perdas ou recortes.

Para instalar o piso laminado, alguns materiais se fazem necessários tanto para o trabalho realizado com cola ou por meio do sistema de encaixe. Dentre eles podemos citar a manta, que pode ser lisa para contrapisos cimentados e pisos não térreos, ventilada para pisos térreos de madeira, pedra, vinil ou cerâmica ou ainda manta acústica, no caso de pisos não térreos e para apartamentos, proporcionando uma redução de barulhos.

Além da manta, ainda são utilizados espaçadores com cerca de 1,5 centímetros e perfis, os quais podem ser em “T”, utilizado em todo o vão de portas e a cada 8 cm²; perfil piso-parede, usado como alternativa ao rodapé; perfil redutor, indicado para áreas frias e na passagem para ambientes com desníveis e, por último; perfil a cantoneira ou cantão, os quais são utilizados junto a armários embutidos ou móveis de alvenaria. O único material adicional a ser utilizado na instalação do piso laminado com cola é a cola PVA, garantindo maior fixação.

Confira abaixo um passo a passo elaborado pela arquiteta, comentando como é feita a instalação deste piso nas duas opções disponíveis:

Instalação de piso laminado com sistema “click” ou de encaixe

Foto: iStock

Foto: iStock

  • Passo 1: instale a manta. Como sua função é corrigir quaisquer irregularidades do piso, a manta deve ser estendida sobre o piso, com o sentido oposto das réguas. Lembre-se de que suas faixas devem estar encostadas umas nas outras, unindo-as com suas abas adesivas.
  • Passo 2: monte o piso. como este sistema não utiliza cola, as réguas do piso devem apenas serem encaixadas. Já no caso de optar pela manta acústica, o ideal é colá-la às peças do piso.
  • Passo 3: lembre-se da dilatação. Para garantir que haja espaço para a dilatação comum a este piso, evitando um possível estufamento das réguas, é necessário deixar um espaço entre o piso e a parede, sendo que este pode variar de acordo com a orientação do fabricante. “A cada 8 metros de extensão é necessário o uso de um perfil “T” para garantir um espaço disponível para este processo de dilatação”, revela.
  • Passo 4: utilize os perfis. O perfil redutor deve ser utilizado em qualquer passagem em que haja um desnível de um ambiente para o outro, enquanto que o perfil piso-parede deve ser instalado em degraus de escadas e encontros com armários embutidos.
  • Passo 5: inicie a montagem. “Instale as régua sempre da esquerda para a direita, uma fileira por vez, posicionando os espaçadores em seu local específico. Em relação ao lado correto de início (macho ou fêmea), siga as instruções do fabricante, pois estas variam de acordo com a marca”, orienta.
  • Passo 6: encaixe as peças. Ao começar a aplicar a segunda fileira, certifique-se de encaixar a régua macho, utilizando uma inclinação de 20 a 30 graus, pressionando-a para cima e para baixo, até haver conexão entre as elas.
  • Passo 7: cuide do acabamento. Na hora de realizar o acabamento próximo às portas, corte as réguas de forma que o laminado seja encaixado por baixo, sem se esquecer do espaço necessário para a dilatação.

Instalação de piso laminado com cola

Foto: iStock

Foto: iStock

  • Passo 1: instale a manta. Esta deve ser instalada com o mesmo procedimento da instalação com sistema de encaixe.
  • Passo 2: faça uma simulação. “Antes de instalar o piso, realize uma montagem teste das três primeiras fileiras, buscando analisar possíveis problemas”, ensina.
  • Passo 3: aplique a cola. A aplicação da cola varia de acordo com o fabricante, podendo ser realizada tanto no encaixe macho quanto no fêmea. A partir daí a montagem das réguas deve ser feita com o auxílio do bloco batente e da barra, limpando-se o excesso de cola com um pano úmido.
  • Passo 4: dê uma pausa. A cada quatro fileiras aplicadas, recomenda-se dar uma pausa, travando as peças com uma cinta. Após vinte minutos, destrave as peças e continue com a instalação.
  • Passo 5: tempo de secagem. Após finalizar a instalação de todas as réguas, é indicado colocar a cinta pressionando-as e aguardar cerca de doze horas até a total secagem da cola. Nesta etapa, os separadores devem estar junto às réguas, sendo retirados somente após o tempo de secagem acabar.

É válido lembrar que é comum haver uma variação nos acessórios disponíveis de acordo com a marca, resultando em acabamentos e processos de instalações diferenciados, por isso “é recomendável sempre seguir as orientações do fabricante”, alerta Marina.

21 ambientes com piso laminado para você se apaixonar

Ainda em dúvidas se este revestimento é o ideal para o seu lar? Então confira a seguir uma seleção de lindos ambientes com piso laminado e escolha qual combina mais com sua casa:

1. Linda sala com piso em madeira trabalhada

Foto: Reprodução / Eco Elemento Arquitetura

Foto: Reprodução / Eco Elemento Arquitetura

2. Quarto minimalista cheio de charme

3. Aqui as réguas são em tons diferentes, deixando o ambiente ainda mais belo

Foto: Reprodução / Tikkanen Arquitetura

Foto: Reprodução / Tikkanen Arquitetura

4. Em tons claros, deixando o destaque para o papel de parede

Foto: Reprodução / Amis Arquitetura

Foto: Reprodução / Amis Arquitetura

5. O tom do piso em harmonia com os móveis

Foto: Reprodução / Bianca da Hora

Foto: Reprodução / Bianca da Hora

6. O tom do piso “conversa” com o painel da sala

Foto: Reprodução / Coutinho e Vilela

Foto: Reprodução / Coutinho e Vilela

7. O piso utilizado tanto na sala quanto na cozinha garante a integração do ambiente

Foto: Reprodução / Semerene Arquitetura

Foto: Reprodução / Semerene Arquitetura

8. Aqui o tom escuro contrasta com o mobiliário amarelo

Foto: Reprodução / Ana Trevisan

Foto: Reprodução / Ana Trevisan

9. Olha como réguas de tons diferentes enriquecem o visual!

Foto: Reprodução / SP Estudio Arquitetura

Foto: Reprodução / SP Estudio Arquitetura

10. Em tons neutros, para um ambiente sóbrio

Foto: Reprodução / Isabela Canaan

Foto: Reprodução / Isabela Canaan

11. Juntamente com o tapete, o piso deixa o ambiente mais acolhedor

Foto: Reprodução / Aquile Nícolas Kílaris

Foto: Reprodução / Aquile Nícolas Kílaris

12. Um banheiro amadeirado cheio de estilo

Foto: Reprodução / Cristina Menezes

Foto: Reprodução / Cristina Menezes

13. Ambiente sóbrio com muito amadeirado

Foto: Reprodução / Helô Marques

Foto: Reprodução / Helô Marques

14. Aqui as cores do piso combinam com o mobiliário neutro

Foto: Reprodução / Isabela Canaan

Foto: Reprodução / Isabela Canaan

15. Esta pequena cozinha também se rendeu ao charme do piso laminado

16. Marcando presença nesta sala de jantar minimalista

Foto: Reprodução / Tweedie + Pasquali

Foto: Reprodução / Tweedie + Pasquali

17. Este escritório diferente também elegeu o piso laminado como seu favorito

Foto: Reprodução / FICOdesign

Foto: Reprodução / FICOdesign

18. O piso figurando também neste quarto do adolescente cheio de estilo

Foto: Reprodução / Aquile Nícolas Kílaris

19. Quarto cheio de charme para o bebê que vai chegar também leva este piso

Foto: Reprodução / E3 Arquitetura

Foto: Reprodução / E3 Arquitetura

20. Complementando a beleza deste closet

Foto: Reprodução / Espaço do Traço Arquitetura

Foto: Reprodução / Espaço do Traço Arquitetura

21. No hall de entrada, o piso garante integração com os outros ambientes da casa

Foto: Reprodução / Lo Interiores

Foto: Reprodução / Lo Interiores

10 opções de piso laminado para comprar sem sair de casa

Agora que você já conhece toda a beleza deste piso, saiba que existem lojas online que oferecem este revestimento nos mais variados estilos e valores, com a facilidade de comprá-los sem ter que sair de casa.

1. Piso Laminado Eucafloor Ambience Celtic Oak

Compre na Leroy Merlin por R$67,90 o m2.

Compre na Leroy Merlin por R$67,90 o m².

2. Piso Laminado Fibrapiso Carvalho Natural

Compre na MadeiraMadeira por R$28,10 o m2.

Compre na MadeiraMadeira por R$28,10 o m².

3. Piso Laminado Eucafloor Elegance Canyon Black

Compre na Leroy Merlin por R$77,90 o m2.

Compre na Leroy Merlin por R$77,90 o m².

4. Piso Laminado Cerezo Carmel Nature

Compre na Balaroti por R$64,90 o m2.

Compre na Balaroti por R$64,90 o m².

5. Piso Laminado Home 1070 Cheer

Compre na Casa & Construção por R$36,90 o m2.

Compre na Casa & Construção por R$36,90 o m².

6. Piso Laminado Eucafloor Evidence Antique Wood

Compre na Leroy Merlin por R$51,90 o m2.

Compre na Leroy Merlin por R$51,90 o m².

7. Piso Laminado Floorest Premiére

Compre na MadeiraMadeira por R$39,52 o m2.

Compre na MadeiraMadeira por R$39,52 o m².

8. Piso Laminado Durafloor Ritz Super Click

Compre na Shoptime por R$612,02 a caixa.

Compre na Shoptime por R$612,02 a caixa.

9. Piso Laminado Floorest Smart

Compre na MadeiraMadeira por R$48,29 o m2.

Compre na MadeiraMadeira por R$48,29 o m².

10. Piso Laminado Durafloor Studio Arenal

Compre na Leroy Merlin por R$133,90 o m2.

Compre na Leroy Merlin por R$133,90 o m².

Seja optando pelo sistema de encaixe, pela instalação com cola, por tons claros ou mais escuros, utilizar este piso como revestimento no seu lar, além de aumentar a praticidade, ainda conferirá beleza e charme ao ambiente. Escolha já o seu favorito e deixe seu lar ainda mais aconchegante.