Plantas ornamentais para deixar o seu lar ainda mais charmoso

Escrito por Ana Kordelos
Foto: iStock

Foto: iStock

Continua após o anúncio



Na hora de decorar, existem muitos itens que fazem a diferença em um ambiente. As plantas ornamentais são um ótimo exemplo disso. Adicionando mais beleza e charme ao ambiente, ainda possibilitam um maior contato junto à natureza mesmo em ambientes internos.

Plantas ornamentais são aquelas que podem ser cultivadas em ambientes internos, utilizando vasos, recipientes variados e até mesmo em jardins de inverno e que se destacam devido às suas flores, folhagens e cores diversas.

Para a arquiteta Ciça Ferracciú, a planta ornamental é capaz de trazer cor e enfeitar, dando mais vida ao ambiente. “Existem espécies que não só embelezam visualmente, mais ainda exalam um perfume delicioso”, revela.

Que tipo de planta ornamental escolher?

Nem todas as plantas são indicadas para ambiente fechado, já que há espécies que precisam de condições naturais que só são alcançadas em ambientes externos, como muitas horas de sol. Por isso, a arquiteta recomenda ficar atenta às espécies escolhidas para cada espaço, já que cada uma tem sua particularidade e necessita de quantidades diferente de água e luz.

Confira 14 tipos de plantas mais comuns utilizadas para decorar o lar, indicadas pela profissional:

1. Ráfia

Foto: Reprodução / OK Paisagismo

Foto: Reprodução / OK Paisagismo

Uma boa opção para ser utilizada na sala, a ráfia é uma planta que não precisa de muita luz. Segundo Ciça, o solo deve estar sempre úmido, mas sem excesso, pois se houver água demais suas folhas começam a amarelar. Esta planta pode alcançar até 3 metros de altura, não possui florada e sua poda deve ser feita na ponta das folhas, realizando um “v”.

2. Samambaia

Foto: Reprodução / Terral

Foto: Reprodução / Terral

Continua após o anúncio



A Samambaia precisa de luz moderada e indireta, deve ser regada diariamente e é outra planta indicada para a sala. Não possui flores e seu tamanho pode variar bastante, podendo atingir até 1 metro com facilidade. “Segundo estudos, a samambaia purifica o ar ambiente”, informa a arquiteta.

3. Suculentas

Foto: Reprodução / Nuvem Literária

Foto: Reprodução / Nuvem Literária

Muito utilizadas em salas e cozinhas, as suculentas são ótimas para ter em ambiente interno porque exigem poucos cuidados e enfeitam bastante. A maioria das espécies prefere sol direto, mas há também as que gostam mais de luz indireta.

O tamanho pode variar de acordo com a espécie, assim como a presença de flores. “Elas gostam de pouca água e, quando muito, não exigem mais que uma rega por semana”, adiciona Ciça.

4. Orquídeas

Foto: Reprodução / Orquídeas Web

Foto: Reprodução / Orquídeas Web

“As orquídeas gostam de meia-sombra, e em relação à manutenção, elas não precisam de muita água, podendo ser regada cerca uma vez por semana”, informa Ferracciú. Suas flores possuem cores variadas, de acordo com a espécie cultivada, e a planta pode atingir até 60 centímetros de altura. Após a florada, a maioria das espécies floresce outras vezes, então é aconselhável não jogá-las fora quando suas flores morrerem.

5. Manjericão

Foto: Reprodução / Plantar no Quintal

Foto: Reprodução / Plantar no Quintal

Continua após o anúncio



Ótima opção para decorar e perfumar a cozinha, o manjericão precisa ser cultivado em um vaso individual e alcança cerca de 15 centímetros. “Ele precisa de muita água – deve ser regado sempre que a terra estiver seca, gosta de luz indireta e não se dá bem em ambientes muito frios”, ensina a arquiteta.

6. Pimenteira

Foto: Reprodução / Wunderground

Foto: Reprodução / Wunderground

Outra planta frequente em cozinhas, a pimenteira varia de 30 centímetros a 2 metros, dependendo da espécie e da poda realizada. Em relação à manutenção, não é recomendado molhar as folhas e sim a terra, por isso basta colocar água no vaso diariamente. Já a presença de flores varia de acordo com a espécie cultivada. “Ela gosta de sol e pede em torno de 6 horas de exposição por dia”, ensina a profissional.

7. Alecrim

Foto: Reprodução / eSobre

Foto: Reprodução / eSobre

Outra presença constante no ambiente na cozinha, o alecrim gosta de luz e precisa de exposição de algumas horas diárias. Sua rega deve ser feita duas vezes por semana e há o nascimento de pequenas flores azuis. A arquiteta alerta que é recomendável colocar uma camada de material de drenagem na base do vaso para evitar o acúmulo de água – o que faz com que as raízes apodreçam. As regas devem ser escassas.

8. Jasmim

Foto: Reprodução / Flores e Folhagens

Foto: Reprodução / Flores e Folhagens

O jasmim é uma planta que precisa de sol e gosta de lugares mais quentes. Muito utilizado no quarto devido a melhorar a qualidade de sono, o jasmim pode ser cultivado em um ambiente de meia-sombra, chega a atingir alturas de até 3 metros e produz lindas flores em cores variadas. Ele exige rega todos os dias no verão e pelo menos uma vez por semana no inverno.

“O jasmim necessita de um cuidado especial: podem vir a aparecer ervas daninhas e é necessário removê-las rapidamente para manter a saúde e o desenvolvimento da planta”, alerta Ciça.

9. Lavanda

Foto: Reprodução / Florais Joel Aleixo

Foto: Reprodução / Florais Joel Aleixo

Continua após o anúncio



Também indicada para o uso no quarto, a lavanda adora luz e cresce mais quando fica mais horas exposta ao sol. “Ela necessita de drenagem no vaso para não acumular água, não exige muita água e se for regada além do necessário, pode apodrecer”, instrui a profissional. O solo deve estar seco entre cada rega, mas a planta deve estar sempre hidratada.

A flor da lavanda, além de linda em tons de lilás, rosa ou branco, ainda perfuma o ambiente. A lavanda exige poda uma vez ao ano já que pode chegar até 2 metros.

10. Babosa

Foto: Reprodução / Ateliê das Hortas

Foto: Reprodução / Ateliê das Hortas

Segundo a arquiteta, a babosa (ou aloe vera) não precisa de grandes cuidados. Ela gosta de muita exposição solar e a rega não precisa ser muito frequente, podendo o solo secar completamente antes da próxima rega – cerca de 15 a 20 dias. “Além de ser boa para o sono, essa planta ainda é cicatrizante, tem propriedades calmantes, purifica o ar e é ótima para o cabelo”.

Versátil, pode ser utilizada no quarto, sala e até mesmo em corredores, alcança até 3 metros de altura e sua florada pode ser em tons avermelhados ou amarelados, de acordo com a espécie.

11. Violeta

Foto: Reprodução / Cultive

Foto: Reprodução / Cultive

Linda e charmosa, a violeta pode decorar banheiros ou cozinhas, e o ideal é que ela seja cultivada em vaso de barro, este que absorve a água e permite que a raiz da planta respire. Ela não suporta luz solar direta e deve viver em um ambiente de meia sombra. Sua rega deve ocorrer cerca de uma vez por semana e de forma indireta, através de um pratinho com água colocado embaixo do vaso, sem tocar suas folhas e flores.

Pode atingir cerca de 20 centímetros de altura e flores de tons variados, dentre eles: azul, branco, rosa, vermelho, roxo e mistos. “Ela exige, porém, um mínimo de claridade e ventilação para não ficar com as folhas amareladas”, esclarece a arquiteta.

12. Espada de São Jorge Anã

Foto: Reprodução / Morar Kallas

Foto: Reprodução / Morar Kallas

A espada de são Jorge anã é uma planta que exige pouca manutenção e é muito bonita. Pode ser utilizada em banheiros, corredores e salas e, segundo a profissional, acredita-se que é uma planta capaz de neutralizar as energias do ambiente, eliminando as energias negativas. É uma planta que gosta de meia sombra, mas também resiste bem ao contato direto com a luz, além de possuir boa resistência ao calor. Pode ainda ser cultivada junto com outras espécies, alcança de 70 a 92 centímetros de altura e podem florescer, ocasionalmente, pequenas flores em tons branco-amarelados.

Ao colocá-la no vaso, é importante adicionar um elemento drenante. Esta espécie pede regas bem espaçadas e sem excesso de água, sendo que a terra deve estar seca antes da próxima rega, podendo ser feita entre 20 e 30 dias. ”É importante ressaltar que essa planta não é uma boa opção para quem tem animais de estimação, pois possui substâncias tóxicas”, alerta.

13. Areca bambu

Foto: Reprodução / Shop das Plantas

Foto: Reprodução / Shop das Plantas

A areca bambu é ideal para salas e corredores, sem a incidência direta de sol. Gosta de água, mas não do solo encharcado, devendo ser regada 2 vezes por semana. “Ela gosta de clima quente e úmido, por isso não tolera bem ar condicionado”, frisa Ciça. Pode alcançar 2 metros de altura e produz pequenas flores de cor branco-creme.

14. Bromélia

Foto: Reprodução / Osvaldo Scalabrini

Foto: Reprodução / Osvaldo Scalabrini

Também indicada para corredores, a bromélia deve receber apenas claridade indireta e se desenvolve bem com luz artificial. Não precisa de regas frequentes, podendo ser regada a cada dois dias. A arquiteta alerta para a importância de limpar o “copo” da planta após a regra, buscando evitar a proliferação de mosquitos. Pode chegar até 90 centímetros de altura e possui florada em tons de vermelho, roxo, rosa, amarelo, dependendo da espécie.

Como cultivar plantas ornamentais

Imagem: Tua Casa

Imagem: Tua Casa

Agora que você já conhece algumas espécies de plantas ornamentais, confira algumas dicas da profissional para auxiliar no seu cultivo e decoração:

  • Se você tiver pets ou crianças, evite as espécies que exalam substâncias tóxicas, como por exemplo: comigo-ninguém-pode, copo de leite, azaleia, espada de são Jorge e lírio.
  • Se você desejar cultivar plantas que não reajam bem ao sol direto em ambientes em que haja sua incidência, uma boa dica é comprar uma tela sombrite e colocar de forma a cobrir o perímetro da planta e protegê-la, criando a situação ideal para aquela planta.
  • Uma boa dica é criar um jardim vertical na sua janela, o ambiente ficará agradável e muito mais bonito. Elaborar estruturas com trepadeiras, samambaias e orquídeas para esconder a vista do vizinho pode ser uma boa pedida, além de ficar um charme.
  • Se você possui uma varanda muito barulhenta, as plantas mais altas podem servir como uma barreira para o som, tornando a varanda mais agradável. A mesma medida pode ser usada afim de garantir maior privacidade. Em um projeto de uma varanda muito devassada, elaborar uma cortina de plantas com columéias, orquídeas e trepadeiras pode ficar incrível.
  • Se você gosta de cozinhar, cultive ervas aromáticas e faça uma horta em casa. Elas enfeitam, perfumam e podem ser utilizadas na cozinha. Uma dica importante é pesquisar as espécies, já que nem todas podem ser plantadas em um mesmo vaso.
  • Uma ideia muito legal para trazer o verde para a decoração é colocar samambaias junto a objetos de decoração nas estantes. Dá vida ao ambiente de uma forma super diferente do que o arranjo de flor tradicional. Quadros vivos também são ótimas saídas para enfeitar.
  • Por último, sempre, antes de comprar a planta, consulte um profissional para aliar beleza à praticidade. Procure espécies que se encaixem na sua rotina – se você nunca está em casa, opte por plantas de fácil manutenção, por exemplo. A planta ornamental tem como principal objetivo o cultivo à beleza, a ornamentação do ambiente, mas tenha em mente que planta bonita é planta saudável.

60+ inspirações de ambientes com plantas ornamentais

Ainda com dúvidas de como utilizar as plantas ornamentais na decoração do seu lar? Então confira os 68 ambientes ornamentados com este item e escolha o seu favorito:

1. A samambaia como centro de mesa

Legenda: Foto: Reprodução / Heloísa Marques

Foto: Reprodução / Heloísa Marques

2. Espada de São Jorge Anã acrescentando charme à floreira da sala

Legenda: Foto: Reprodução / D2W Studio

Foto: Reprodução / D2W Studio

3. Areca bambu integrando sala e cozinha

Legenda: Foto: Reprodução / Braccini + Lima Arquitetura

Foto: Reprodução / Braccini + Lima Arquitetura

4. Quadro vivo de samambaia trazendo elegância ao ambiente

Legenda: Foto: Reprodução / Quadro Vivo

Foto: Reprodução / Quadro Vivo

5. Parede viva de trepadeira deixa o banheiro mais próximo à natureza

Legenda: Foto: Reprodução / Gabriela Pereira

Foto: Reprodução / Gabriela Pereira

6. Orquídea branca confere delicadeza ao ambiente

Legenda: Foto: Reprodução / Samara Barbosa

Foto: Reprodução / Samara Barbosa

7. Ráfia dá as boas-vindas no hall de entrada

Legenda: Foto: Reprodução / Arquitetura e Interior

Foto: Reprodução / Arquitetura e Interior

8. Parede viva de samambaia na varanda garante o verde no espaço

Legenda: Foto: Reprodução / Now Arquitetura

Foto: Reprodução / Now Arquitetura

9. Canteiro de orquídea no banheiro deixa o ambiente mais alegre

Legenda: Foto: Reprodução / Aquiles Nícolas Kílaris

Foto: Reprodução / Aquiles Nícolas Kílaris

10. Diferentes espécies de samambaias enfeitam a estante

Legenda: Foto: Reprodução / Lucio Nocito

Foto: Reprodução / Lucio Nocito

11. Ráfia e horta deixando a varanda mais bonita

Legenda: Foto: Reprodução / Estúdio HL

Foto: Reprodução / Estúdio HL

12. Suculentas adicionando contraste na mesa de centro

Legenda: Foto: Reprodução / Fernanda Moreira

Foto: Reprodução / Fernanda Moreira

13. Ráfia embelezando o hall com vaso de espelhos

Legenda: Foto: Reprodução / Lopez Interiores

Foto: Reprodução / Lopez Interiores

14. Alecrim perfumando a cozinha

Legenda: Foto: Reprodução / Romero Duarte

Foto: Reprodução / Romero Duarte

15. Espada de São Jorge Anã no home office

Legenda: Foto: Reprodução / Casa Josephine

Foto: Reprodução / Casa Josephine

16. Samambaia quebrando a monotonia do preto e branco

Legenda: Foto: Reprodução / Romero Duarte

Foto: Reprodução / Romero Duarte

17. Espada de São Jorge contrastando com o tapete do corredor

Legenda: Foto: Reprodução / Junia Lobo

Foto: Reprodução / Junia Lobo

18. Cozinha integrada com samambaias e mini horta

Legenda: Foto: Reprodução / Marina Linhares

Foto: Reprodução / Marina Linhares

19. Pimenteira para animar a mini horta na cozinha

Legenda: Foto: Reprodução / Semerene

Foto: Reprodução / Semerene

20. Ráfia adicionando charme ao living integrado

Legenda: Foto: Reprodução / Lopez Interiores

Foto: Reprodução / Lopez Interiores

21. Babosa garantindo destaque no espaço escondido da sala

Legenda: Foto: Reprodução / Heloísa Marques

Foto: Reprodução / Heloísa Marques

22. Para decorar a escada circular, Espada de São Jorge

Legenda: Foto: Reprodução / Meyer Cortez

Foto: Reprodução / Meyer Cortez

23. Orquídea branca trazendo suavidade para o ambiente rústico

Legenda: Foto: Reprodução / Gislene Lopes

Foto: Reprodução / Gislene Lopes

24. Aqui a lavada deixa o home office mais perfumado e bonito

Legenda: Foto: Reprodução / Benjamin Moore

Foto: Reprodução / Benjamin Moore

25. Para deixar a cozinha retrô mais agradável, manjericão

Legenda: Foto: Reprodução / H is For Home

Foto: Reprodução / H is For Home

26. Bromélia alegrando a mesa de jantar

Legenda: Foto: Reprodução / Prestige Builders

Foto: Reprodução / Prestige Builders

27. Espada de São Jorge figurando no balcão da cozinha

Legenda: Foto: Reprodução / Jasmin Latona</a

Foto: Reprodução / Jasmin Latona</a

28. Centro de mesa com bromélias laranja

Legenda: Foto: Reprodução / Alpha Design Group

Foto: Reprodução / Alpha Design Group

29. Babosa deixando as refeições mais bonitas

Legenda: Foto: Reprodução / Logan Killen Interiors

Foto: Reprodução / Logan Killen Interiors

30. Suculentas alegrando o hack da sala

Legenda: Foto: Reprodução / Luiza Soares Paisaismo

Foto: Reprodução / Luiza Soares Paisaismo

31. Banheiro ornamentado com babosa

Legenda: Foto: Reprodução / Rill Architects

Foto: Reprodução / Rill Architects

32. Sala mais divertida com lindas suculentas

Legenda: Foto: Reprodução / Heloísa Marques

Foto: Reprodução / Heloísa Marques

33. Ráfia decorando os pés da escada

Legenda: Foto: Reprodução / Anna Maya & Anderson Schussler

Foto: Reprodução / Anna Maya & Anderson Schussler

34. Lírios trazendo elegância para a sala

Legenda: Foto: Reprodução / Michele Moncks Arquitetura

Foto: Reprodução / Michele Moncks Arquitetura

35. Buchinho garantindo o verde no quarto de solteiro

Legenda: Foto: Reprodução / Isabela Canaan

Foto: Reprodução / Isabela Canaan

36. Espada de São Jorge complementa o quarto moderno

Legenda: Foto: Reprodução / Claudia Albertini

Foto: Reprodução / Claudia Albertini

37. Ráfia complementa o visual do quarto ousado

Legenda: Foto: Reprodução / Guilherme Torres

Foto: Reprodução / Guilherme Torres

38. Copo de leite e samambaia para completar o visual da cozinha integrada

Legenda: Foto: Reprodução / IE Arquitetura

Foto: Reprodução / IE Arquitetura

39. Samambaias e trepadeiras para trazer a natureza para dentro da sala

Legenda: Foto: Reprodução / RSRG Arquitetos

Foto: Reprodução / RSRG Arquitetos

40. Buchinhos e espada de São Jorge adicionando verde à sala

Legenda: Foto: Reprodução / Samara Barbosa

Foto: Reprodução / Samara Barbosa

41. Orquídea deixando o ambiente mais clean

Legenda: Foto: Reprodução / Greisse Panazzolo

Foto: Reprodução / Greisse Panazzolo

42. Ráfia conferindo charme ao hall de entrada

Legenda: Foto: Reprodução / Heloísa Marques

Foto: Reprodução / Heloísa Marques

43. Coqueiros imponentes guardando a entrada do lar

Legenda: Foto: Reprodução / Aquiles Nícolas Kílaris

Foto: Reprodução / Aquiles Nícolas Kílaris

44. A sala de TV fica mais elegante

Foto: iStock

Foto: iStock

45. Uma composição de encher os olhos

Foto: iStock

Foto: iStock

46. Um bonsai no quarto confere charme ao ambiente

Foto: iStock

Foto: iStock

47. Um lavabo mais colorido

Foto: iStock

Foto: iStock

48. Uma cabeceira diferente com bambu

Foto: iStock

Foto: iStock

49. Uma planta no cantinho e ambiente fica mais vivo

Foto: iStock

Foto: iStock

50. Pequenos detalhes

Foto: iStock

Foto: iStock

51. Bambu na decoração do quarto: um verdadeiro luxo

Foto: iStock

Foto: iStock

52. Ambiente aconchegante para receber amigos

Foto: iStock

Foto: iStock

53. Uma cozinha apaixonante

Foto: iStock

Foto: iStock

54. Decoração elegante do hall com plantas ornamentais

Foto: iStock

Foto: iStock

55. Plantinhas no banheiro enriquecem a decoração

Foto: iStock

Foto: iStock

56. Qualquer cantinho pode ser aproveitado

Foto: iStock

Foto: iStock

57. Ambiente luxuoso com toques verdes de plantas

Foto: iStock

Foto: iStock

58. Espaços abertos recebem o charme de plantas ornamentais

Foto: iStock

Foto: iStock

59. Aposte em plantas altas ao lado de janelas

Foto: iStock

Foto: iStock

60. Que tal fazer um cantinho só para as suculentas?

Foto: iStock

Foto: iStock

61. Mais um exemplo próximo à janela

Foto: iStock

Foto: iStock

62. Uma varanda ainda mais linda

Foto: iStock

Foto: iStock

63. E, novamente, qualquer cantinho é espaço para uma planta

Foto: iStock

Foto: iStock

64. Separada por um biombo

Foto: iStock

Foto: iStock

65. Mais um cômodo repleto de elegância

Foto: iStock

Foto: iStock

66. Delicadeza no escritório

Foto: iStock

Foto: iStock

67. Sempre no cantinho, iluminando o ambiente

Foto: iStock

Foto: iStock

68. Que arraso essa parede

Foto: iStock

Foto: iStock

Seja ela grande, atingindo metros de altura, exalando perfume ou não, possuindo flores ou apenas folhas imponentes, as plantas ornamentais com certeza mudarão o ambiente, trazendo harmonia, beleza e contato junto a natureza. Começa já a cultivar!