Telha shingle: saiba mais sobre essa tendência de casas norte-americanas

Escrito por Nicole Dias
Em 07.10.20

iStock

Leveza, alta durabilidade, baixa manutenção, fácil aplicação: não é por acaso que a telha shingle, queridinha nos Estados Unidos, é uma escolha cada vez mais frequente em obras por todo o Brasil. Para conhecer mais sobre essa telha, suas vantagens, formas de aplicação e cores disponíveis, conversamos com a arquiteta Jaqueline Buttenbender. Confira!

Continua após o anúncio



O que é telha shingle

Diferente das telhas tradicionais, que são feitas de fibrocimento e de cerâmica, a shingle tem manta asfáltica na sua composição. Também se diferencia quanto ao tipo de instalação e tamanho: “ela é comercializada em placas de 90 x 30 cm, aproximadamente, muito diferente da telha de cerâmica que tem dimensão de 40 x 25 cm mais ou menos”, explica a arquiteta Jaqueline.

5 vantagens da telha shingle em comparação com outros materiais

“Diferente das telhas de cerâmica, a telha Shingle permite uma grande variedade de aplicações, o que nós arquitetos adoramos”, comenta Jaqueline. E essa é apenas uma entre tantas vantagens do material.

  1. Versatilidade: utilizando a telha shingle é possível executar ondulações e sinuosidade nas coberturas, moldando as telhas conforme o projeto.
  2. Vedação: é uma das características que faz com que as telhas shingle se destaquem das demais. Sua vedação fica perfeita e garante maior segurança contra as intempéries e otimiza a impermeabilização.
  3. Aplicação fácil e segura: esse tipo de telha traz mais segurança para a cobertura, uma vez que seu sistema de fixação e sobreposição é autocolante. Além disso, como a aplicação é bastante simples, se for do desejo do morador, ele pode trocar a cor da cobertura quando quiser.
  4. Durabilidade e baixa manutenção: a telha shingle não gera manutenção porque é autolimpante, ou seja, ela mesma elimina a poeira, a sujeira e, inclusive, o próprio limo. Sem contar que dura décadas: segundo os fabricantes, sua vida útil é de aproximadamente 30 anos.
  5. Leveza: por pesar cerca de quatro vezes menos que a telha tradicional de cerâmica, ela não compromete a estrutura da construção e traz uma grande economia com isso.

Além dessas características, a telha shingle também chama a atenção pela estética, tendo um design moderno.

Cores e texturas

Conforme a arquiteta Jaqueline, os acabamentos da telha shingle variam na sua coloração, o que é mais um aspecto positivo. Há, em média, 15 cores diferentes, alternando desde o vermelho, marrom, terracota até o preto, diversificando-se aos tons de azul e verde, tendo ainda a possibilidade de optar entre branco e cinza.

“O que eu gosto de sugerir é o contraste: quando a casa é de tijolo aparente (vedação em tom vermelho) sugiro um telhado mais escuro, por exemplo. Evito deixar tudo monocromático, paredes claras e telhados claros. Prefiro sempre contrastar: cobertura clara com vedações mais escuras, ou cobertura escura e vedações mais claras”, comenta a especialista.

A diversidade de cores da telha shingle: destaques

Tua Casa

Continua após o anúncio



  • Cinza: por ser neutro, o cinza harmoniza com praticamente todas as outras cores. Casas brancas, coloridas ou mesmo com tijolos aparentes ficam bem com esse tom de telhado.
  • Preto: moderno e sofisticado, o preto combina tanto com fachadas de cores claras quanto propostas mais escuras. Telhado verde em casa com paredes de vidro: luxo total.
  • Terracota: cor bastante popular e versátil. A telha shingle terracota pode ser combinada até mesmo com casas bem coloridas, como azuis, verdes, marrons etc.
  • Verde: para um projeto cheio de personalidade, vale a pena ousar. Um telhado verde fica incrível com uma fachada branca ou cinza, mas também fica um charme com tons amadeirados mais escuros.

Não existe nenhuma regra de combinações, mas é importante sempre visar a proporção e o equilíbrio, pois é ali que está a beleza na construção. A dica é simples, comenta Jaqueline: “contrate primeiramente um arquiteto para que você possa simular as combinações e conferir qual se adapta melhor ao projeto”.

Como funciona a instalação de um telhado shingle

A instalação desse tipo de telha é bastante simples, mas exige mão de obra especializada. Abaixo, as etapas desse procedimento:

  • Estrutura do telhado: o primeiro passo é preparar a estrutura do telhado, que pode ser de aço (mais sustentável) ou madeira. Feito isso, são colocadas placas de OSB (Oriented Strand Board – painel de tiras de madeira orientada, em tradução livre), onde serão aplicados, posteriormente, os demais materiais.
  • Instalação de manta asfáltica: após a estrutura, é feita a instalação de uma manta asfáltica em cima do OSB, para eliminar frestas, possíveis buracos ou imperfeições. Essa manta tem o papel de isolar as águas da chuva na construção. Aliás, os fabricantes sempre recomendam o uso dessa manta porque, em contato com o calor do sol, ambas entram em fusão, tornando-se assim uma camada única e mais uniforme.
  • Fixação das telhas: a fixação das telhas pode ser feita com grampos ou pregos, porém o mais indicado é o uso de pregos para unir as chapas de telha shingle a estrutura da cobertura – lembrando que na cumeeira esses pregos são maiores.

Vale lembrar que a inclinação da telha Shingle pode variar de 90° até 15°, e isso possibilita uma diversidade incrível na sua aplicação.

Média de preço das telhas shingle

Como é de se imaginar, o custo das telhas shingle é mais alto que das telhas feitas de materiais como a cerâmica: o metro quadrado começa na média dos R$80. Junto a esse valor, ainda deve ser somada a mão de obra.

40 fotos de projetos com telha shingle que provam sua versatilidade

Depois de conferir tantas coisas boas sobre a telha shingle, é hora de ver como ela fica nos projetos. Inspire-se:

1. A escolha da telha faz muita diferença em uma obra

2. Não apenas pela questão do visual

3. Mas pela estrutura da casa como um todo

Tech Roofing Contractor

Continua após o anúncio



4. Nesse sentindo, a telha shingle é bem vantajosa

5. Além, claro, de ser muito bela

6. Essa telha é bastante durável

7. E tem instalação simples

8. O que acaba trazendo um bom custo-benefício

9. Trata-se de uma telha muito usada em casas norte-americanas

10. Mas que está ganhando cada vez mais espaço no Brasil

11. Por ter asfalto em sua composição, essa telha é resistente

12. Suportando ventos e granizos, por exemplo

Kuatro Arquitectura

Continua após o anúncio



13. Além disso, o telhado não fica com aspecto de sujo

14. Pois a telha é autolimpante (sistema Algae Resistent)

15. Sim, telhado impecável por muito mais tempo

16. Dá para entender por que tanto sucesso, não é?

17. A telha shingle ainda pode ficar mais inclinada que o normal

18. O que traz mais liberdade para os projetos

19. Permitindo telhados com ângulos diferenciados

20. São diversas as tonalidades

21. De cores mais escuras

22. Até escolhas mais claras, como cinza

23. Sem esquecer do tradicional terracota

24. A telha cinza fica elegante em casas brancas

25. Aqui, o tom mais escuro faz um lindo contraste

26. A telha escura vai bem com estruturas em madeira

27. Fica muito lindo

28. A telha também aparece em outras construções

29. Como em casinhas na árvore

30. Charmosos quiosques

31. E até mesmo edifícios

32. Faz bonito em casas familiares

33. Em charmosas casas de campo

34. Em suntuosas igrejas

35. E cabanas

36. Mas também está presente em residências urbanas

37. Casas de praia

38. E até as mais incríveis mansões

39. Agora que você já conhece a telha shingle

40. Não deixe de levá-la em consideração na próxima obra

Você gosta de prestar atenção aos detalhes arquitetônicos de uma casa? Então, não deixe de conferir essas ricas informações sobre o brise.