20 dicas profissionais para não errar na decoração da cozinha

Escrito por Ráisa Guerra
Foto: Reprodução / BY Arq&Design

Foto: Reprodução / BY Arq&Design

A cada ano, a cozinha vem ganhando destaque nas casas dos brasileiros. Hoje, este espaço, que antes era visto como um local de tarefas domésticas, passou a ser um lugar de interação e lazer. Assim, é comum que uma das preocupações atuais de quem está montando sua casa seja ter um cômodo que atenda às suas necessidades, criando um espaço onde seja possível cozinhar de forma prazerosa e receber amigos.

Além disso, na correria do dia a dia, a palavra “praticidade” se tornou outra prioridade neste tipo de ambiente: se bem planejada, além de ser esteticamente agradável, a cozinha se torna um cômodo acessível nas tarefas diárias e fácil de ser utilizada.

Então, se você busca decorar sua cozinha com personalidade e ainda obter um ambiente extremamente prático e confortável, o Tua Casa, com o auxílio da designer de interiores Melissa Dallegrave,  separou 20 dicas importantes e práticas para te ajudar nesta missão.

Confira abaixo como não errar na decoração da cozinha:

1. Armários nunca são demais

Foto: Reprodução / Jacqueline Fumagalli

Foto: Reprodução / Jacqueline Fumagalli

Para cozinhas grandes, médias ou pequenas, um item essencial são os armários: eles podem ser feitos sob medida, adaptando-se bem ao espaço disponível. Estes aparatos ainda são extremamente úteis para guardar utensílios e alimentos. “Minha principal dica, especialmente para cozinhas pequenas, é selecionar os equipamentos necessários levando em consideração o tamanho do espaço e providenciar um projeto detalhado com armários sob medida”, afirma a designer.

2. Azulejos são mais que revestimentos

Foto: Reprodução / Raduan Arquitetura

Foto: Reprodução / Raduan Arquitetura

“Colocar revestimentos atraentes entra a bancada inferior e a superior ou atrás do fogão é algo que traz personalidade para a cozinha e deixa o ambiente charmoso”, afirma Melissa. Mas, além de garantir uma decoração única, o azulejo também protege a parede de gorduras e demais substâncias que possam respingar, sendo uma superfície de fácil manutenção.

Outra opção são os ladrilhos hidráulicos, que são peças mais rústicas, sem brilho, feitas a partir de cimento e corantes. Nestes casos, se colocados próximos ao fogão, é necessária a aplicação de um impermeabilizante.

3. Coifa ou depurador?

Foto: Reprodução / Lorrayne Zucolotto

Foto: Reprodução / Lorrayne Zucolotto

Independente da escolha entre coifa ou depurador, é importante, antes de mais nada, saber que ambos são essenciais para uma cozinha: eles impedem que a fumaça e os cheiros produzidos pelos alimentos se espalhem pela casa toda.

Mas qual deles então escolher? A coifa (que existe nas versões de parede ou em ilha) possui uma chaminé, diferentemente do depurador – que é, por isso, mais indicado para cozinhas pequenas.

4. Iluminação adequada faz diferença

Foto: Reprodução / Bolda & Bueno Design

Foto: Reprodução / Bolda & Bueno Design

Assim como em qualquer ambiente, a iluminação é um dos pontos chaves da cozinha. Em especial, procure iluminar bem os locais que são bastante utilizados durante a preparação dos alimentos, como na bancada e em cima do fogão.

5. Cores claras são curingas

Foto: Reprodução / Fernanda Renner

Foto: Reprodução / Fernanda Renner

Se você não quer correr o risco de errar na escolha das cores na composição da cozinha, os tons claros são os mais “seguros” neste quesito: eles “ampliam” o espaço e, por serem neutros, permitem ousar com utensílios coloridos.

6. Mas você pode ousar nas cores, sim!

Foto: Reprodução / Gisele Ramos

Foto: Reprodução / Gisele Ramos

Mas as cores também são bem-vindas neste tipo de ambiente e tudo depende da personalidade que você pretende dar ao lugar. “Entre as tonalidades que indico, o laranja é uma cor que estimula o apetite”, explica Melissa.

7. Utilize as paredes a seu favor

Foto: Reprodução / Basiches Arquitetos Associados

Foto: Reprodução / Basiches Arquitetos Associados

Se a cozinha não é muito grande, uma dica valiosa é ter as paredes como aliadas. “Além dos armários, nichos, prateleiras e torres com equipamentos embutidos são algumas das melhores formas de aproveitar estes espaços”, afirma a profissional.

8. E que tal aproveitar também o teto?

Foto: Reprodução / DB Arquitetos

Foto: Reprodução / DB Arquitetos

Para quem quer realmente aproveitar bem todos os espaços disponíveis na cozinha, até mesmo o teto pode ajudar nesta missão: é possível pendurar “varais” e prateleiras para se colocar panelas, canecas e espátulas, por exemplo.

9. O encantamento do revestimento 3D

Foto: Reprodução / Fátima e Natasha Nogueira

Foto: Reprodução / Fátima e Natasha Nogueira

Existem no mercado várias opções de revestimentos 3D, para todos os gostos. Assim, caso você busque dar um toque moderno e elegante para a sua cozinha, este tipo de material é uma boa opção, sendo ainda de fácil aplicação.

10. Atenção ao posicionamento dos eletrodomésticos

Foto: Reprodução / Fernanda Polizelli Hoffmann

Foto: Reprodução / Fernanda Polizelli Hoffmann

Mesmo em espaços pequenos, procure posicionar a geladeira longe do fogão. Durante a preparação dos alimentos, a sujeira que respinga das panelas pode atingir a geladeira, sujando sua superfície. Há ainda o perigo da porta do eletrodoméstico bater no cabo de alguma panela, causando um acidente.

11. Exponha as panelas

Foto: Reprodução / Evviva Bertolini

Foto: Reprodução / Evviva Bertolini

As panelas, hoje, além de serem extremamente úteis na produção dos alimentos, são ainda comercializadas com modelos únicos, se tornando peças de decoração. Por isso, não hesite em expô-las na cozinha: elas deixam a decoração ainda mais descontraída e o ambiente mais prático.

12. Invista nos utensílios

Foto: Reprodução / Juliana Pippi

Foto: Reprodução / Juliana Pippi

Utensílios criativos ou com estampas cheias de estilo estão disponíveis no mercado com preços para todos os bolsos. Por isso, eles se tornam ótimas opções para deixar o ambiente ainda mais charmoso.

13. O piso dá o toque especial

Foto: Reprodução / Gisaura Castro

Foto: Reprodução / Gisaura Castro

O piso pode fazer toda a diferença no ambiente: além de ser comercializado em várias cores e texturas, são peças importantes para a manutenção da cozinha. “Entre os detalhes que precisam de atenção está o piso, que deve ser fácil de limpar”, explica a designer.

14. Invista na organização

Foto: Reprodução / Melissa Dallegrave

Foto: Reprodução / Melissa Dallegrave

A organização e a boa distribuição dos objetos na cozinha são essenciais para que ela se torne um ambiente de fácil utilização.

15. Crie um espaço para refeições rápidas

Foto: Reprodução / Desmobilia

Foto: Reprodução / Desmobilia

Na correria do dia a dia, nem sempre é possível parar para “por” a mesa. Por isso, é importante ter um local para refeições rápidas, como uma pequena bancada com bancos.

16. Cobogós dão um toque especial ao ambiente

Foto: Reprodução / Caio José Andrade

Foto: Reprodução / Caio José Andrade

Em grande parte dos apartamentos, é comum que a cozinha compartilhe o mesmo espaço com a lavanderia. Uma opção charmosa para fazer a divisão entre os dois cômodos são os cobogós: peças comercializadas em vários formatos e cores com vazamentos que permitem a circulação de ar entre os cômodos.

17. Temperos expostos

Foto: Reprodução / Fátima e Natasha Nogueira

Foto: Reprodução / Fátima e Natasha Nogueira

Além de expor as panelas, outra forma de deixar a cozinha ainda mais prática e com um ar despojado é expor os temperos. Para isso, utilize prateleiras, nichos ou mesmo estantes.

18. Tendências atuais

Foto: Reprodução / Sesso & Dalanezi

Foto: Reprodução / Sesso & Dalanezi

Para quem gosta de seguir as tendências do momento, o estilo “industrial”, segundo Melissa, é o que está em alta. “Duas opções para este tipo de ambiente são os pisos que lembram o cimento e muita madeira”, afirma.

19. Que tal uma horta vertical na parede?

Foto: Reprodução / Rejane Rezende Moraes

Foto: Reprodução / Rejane Rezende Moraes

Esta é uma opção para quem gosta de ter temperos frescos sempre por perto: hortas verticais deixam a cozinha mais charmosa e ainda são opções para se aproveitar uma parede pouco utilizada. No entanto, busque sempre cultivar os temperos próximo de um local que bata sol.

20. Tinta de quadro-negro para não esquecer as receitas

Foto: Reprodução / Lorrayne Zucolotto

Foto: Reprodução / Lorrayne Zucolotto

A tinta de quadro-negro é, hoje, uma das “queridinhas” entre os designers e arquitetos, pois dá a qualquer ambiente um ar mais descontraído e ainda permite uma interação em sua superfície. Na cozinha, ela se torna uma ótima opção para se anotar recados, alimentos que precisam ser comprados ou mesmo receitas diversas.

Depois destas 20 dicas, que tal dar uma nova cara para a sua cozinha, deixando-a ainda mais prática e bonita?

PARA VOCÊ

COMENTÁRIOS