Tons de vermelho: 50 ideias para apostar na tonalidade da paixão

Escrito por Katharina Barkmeyer

Sedução, poder, paixão, calor e desejo são alguns dos símbolos que representam a cor vermelha. Com mais de 100 tons de vermelho registrados, essa paleta é responsável por conceder dinamismo e energia à decoração de um espaço. E, falando nisso, o vermelho pode compor qualquer ambiente da casa e qualquer estilo com muito charme e primor.



Descubra doze tons de vermelho, dos mais abertos até os mais fechados, e suas especificações. Além disso, trouxemos também várias dicas de como aproveitar essa cor na sua decoração e dezenas de ideias para você se inspirar e arrumar seu cantinho. Confira!

Tons de vermelho

Tua Casa

Atualmente existem mais de cem variações do vermelho, sendo alguns mais escuros e outros mais claros. A seguir você confere os doze tons de vermelho mais conhecidos e suas principais características. Vamos lá?

  • Alizarina: esse intenso tom de vermelho é derivado da raiz da Rubia Tinctorium, mais conhecida como garança ou ruiva-dos-tintureiros. Essa tonalidade pode compor qualquer área da casa promovendo um toque de vivacidade e vibrante.
  • Amaranto: como a flor que leva o seu nome, esse tom mistura vermelho e cor-de-rosa. O tom amaranto combina muito bem em detalhes e móveis onde o que se busca é um efeito mais discreto.
  • Bordô: mais fechado e escuro do que os outros tons apresentados acima, o bordô é considerado por muitos como uma tonalidade mais sofisticada e elegante. A cor decora cozinhas e salas de estar e jantar com primor!
  • Borgonha: seu nome está ligado a tonalidade dos vinhos da região da Borgonha, na França. Por causa disso, também é conhecida como um tom vermelho-vinho. Muito parecida com o bordô, por também ser escura, é uma cor elegante e requintada.
  • Cardeal: associada ao vestuário dos líderes da Igreja Católica, essa cor é marcada por sua tonalidade mais intensa. Por ser mais forte, é preciso ter cuidado para não criar uma atmosfera muito pesada e, por isso, deve-se usar outras cores mais neutras para harmonizar.
  • Carmim: essa cor é obtida através de um pequeno inseto chamado Cochonila do Carmim. Seu tom forte e vibrante faz com que ela seja uma das mais requisitadas quando se trata de moda ou design de interiores.
  • Carmesin: essa tonalidade também é obtida através de um inseto, o Kermes Vermilio. Assim como o tom carmim, essa cor é um vermelho brilhante e forte e apresenta pequenos toques de azul em sua composição, se aproximando da cor púrpura.
  • Cereja: relacionada diretamente aos pequenos e arredondados frutos, essa tonalidade apresenta uma variação de rosa em sua formação. Perfeita para decorar quartos de jovens meninas e até mesmo de bebês.
  • Cornalina: associada a pedra que leva seu nome, a cor é marcada por toques alaranjados e marrons. Fechada e escura, a tonalidade deve ser usada com moderação para não criar uma atmosfera muito sóbria e carregada.
  • Vermelho-brilhante: como já diz o seu nome, o vermelho-brilhante é uma cor mais intensa entre os tons de vermelho. Assim como a cor anterior, é preciso ter cuidado ao usar essa tonalidade para não criar um aspecto pesado ao ambiente.
  • Vermelho-coral: essa cor é caracterizada por sua tonalidade um pouco mais clara e puxada para o tom coral. Pode decorar tanto espaços de convívio quanto ambientes íntimos. Mescle cores neutras para trazer mais harmonia à decoração.
  • Vermelho-laranja: como já diz o seu nome, a cor vermelho-laranja apresenta nuances de laranja em sua composição. Quente e intensa, a tonalidade promove uma atmosfera mais vibrante e dinâmica ao ambiente em que é inserida, perfeita para espaços infantis.

Além desses tons de vermelho, ainda existem várias outros mais escuros e mais claros. Agora que você já conheceu alguns, dê uma conferida nas dicas a seguir que vão te ajudar a usar as tonalidades na decoração da sua casa com sucesso!

Como usar os tons de vermelho

Usar tons de vermelho não é uma tarefa muito fácil, por ser uma cor intensa e muitas vezes vibrante. Pensando nisso, trouxemos dez dicas infalíveis para garantir um ambiente bonito e harmônico.

Cores primárias: o vermelho, azul e amarelo fazem parte desse seleto grupo de cores primárias, ou seja, são tonalidades que não podem ser criadas a partir de combinações de outras cores. As três cores são perfeitas para decorar espaços infantis.

Combinação de cores: verde, azul, rosa e amarelo também são cores que combinam com os tons de vermelho. Crie um ambiente autêntico e cheio de personalidade, só cuidado para não errar a dose! O segredo é inserir cores neutras na composição para equilibrar.

Áreas de convívio: para salas de estar ou jantar, cozinhas e hall de entrada você pode escolher desde tons de vermelho mais fechados, como cornalina e carmim, até um mais aberto, como amaranto. Só tenha cuidado para não pesar muito a decoração. Dito isso, use cores neutras e claras para harmonizar.

Áreas íntimas: para quartos opte por inserir o tom vermelho em detalhes, já que é uma cor que não estimula a tranquilidade como o azul. Por isso, usando em pequenos itens e adornos, o espaço tende a ser confortável e prazeroso de se estar. Cereja e vermelho-coral são ótimas opções!

Ambientes quentes: caso você queira um espaço mais quente, opte pelos tons de vermelho que apresentam toques de laranja em sua composição. Além de esquentar o espaço, você confere um toque mais dinâmico e vibrante à decoração.



Decoração sofisticada: para uma composição mais elegante e requintada, opte pelos tons de vermelho mais escuros e fechados, como borgonha e bordô. Essas cores irão promover um ambiente mais intimista.

Parede vermelha: caso você optar em pintar a sua parede em algum tom vermelho, busque por uma tonalidade mais aberta, como o vermelho-coral. O restante da decoração do local deve ser em uma paleta mais neutra para equilibrar e harmonizar com o vermelho escolhido.

Estilo: os tons de vermelho podem compor qualquer espaço da casa e qualquer estilo. Desde o claro até o mais escuro, procure por uma tonalidade de vermelho que harmonize com a decoração do local, seja ele clássico, moderno ou rústico.

Detalhes: por ser uma cor mais vibrante e intensa, é preciso ter bastante cuidado para não exagerar. Para não ter erro, prefira utilizar os tons de vermelho em detalhes, como móveis, tapetes, almofadas ou luminárias.

Madeira: a madeira é um grande curinga quando se trata de uma boa decoração. Não diferente, os tons de vermelho caem muito bem em uma composição que conta com esse tom amadeirado, criando uma atmosfera mais quente e confortável.

Após essas dicas infalíveis, vai ser uma tarefa bem fácil decorar o seu cantinho com tons de vermelho. Para te inspirar mais ainda, confira a seguir várias ideias de espaços e tonalidades com essa cor vibrante para apostar!

50 inspirações de tons de vermelho para um espaço poderoso

Confira a seguir dezenas de lindas ideias de variados espaços da casa que fazem uso de tons de vermelho em sua composição. Note o uso de outros elementos e cores para proporcionar mais harmonia e equilíbrio à decoração.

1. Tons de vermelho podem estar em qualquer espaço da casa

2. Em ambientes sociais

3. Como salas de TV ou de jantar

Triart Arquitetura



4. E cozinhas

5. E em áreas íntimas

6. Como em quartos

7. E até mesmo em banheiros

8. Aposte em tons vermelhos mais fechados para espaços de estilo clássico

9. Como bordô e borgonha

10. Que complementam a decoração com mais elegância

11. E sofisticação

12. Não tenha medo de usar o vermelho

13. Apenas tome cuidado para não exagerar

SP Estudio Arquitetura



14. E acabar promovendo um aspecto pesado ao local

15. Por isso, use outras cores para complementar o visual

16. E trazer mais equilíbrio

17. E harmonia à decoração

18. Como branco

19. Ou cinza

20. As cores primárias são aposta certa

21. Ainda mais se for para espaços infantis

22. Madeira é um grande aliado ao tom vermelho

23. Pois concedem um toque ainda mais quente ao local

24. Além de muito conforto

25. Caso você estiver na dúvida, aposte apenas em detalhes em tons de vermelho

26. Como este minibar

27. Uma parte do móvel da cozinha

28. O sofá da sala de TV

29. Ou o tapete para o quarto

30. Usar tons de vermelho na decoração é conceder vivacidade

31. E muita personalidade ao local

32. Seja qual for a tonalidade escolhida

33. O vermelho trará uma atmosfera de poder

34. E paixão ao espaço

35. Complemente a composição vermelha com outras cores

36. Como o azul

37. O rosa

38. Ou o verde

39. Não ficou uma graça este espaço?

40. Dupla de poltronas concedem cor ao local

41. Assim como estas cadeiras de jantar

42. São os detalhes que fazem toda a diferença à decoração

43. A cor bordô é muito elegante

44. Linda e confortável poltrona em tom vermelho escuro

45. Que tal uma mesa de jantar vermelha?

46. A suave nuance rosa concede um toque feminino

47. O sofá é o protagonista do local

48. Não ficou incrível este espaço?

49. A composição de cores ficou um charme!

50. Pinte as portas para destacar o local

As sensações que esses incríveis e lindos espaços passam é de poder, paixão, sedução e muito charme. Podemos observar que todos os ambientes contam com algum elemento que traz equilíbrio aos tons de vermelho – que, vamos combinar, roubam a cena da decoração.

agora que você já conheceu alguns tipos de tons de vermelho, sabe como deve usar esSas tonalidades ao seu favor e ainda se inspirou com vários espaços superestilosos, reúnas as cores que você mais gostou e comece a redecorar o seu cantinho!