Crie novos ambientes com mezaninos versáteis e estilosos

Foto: Getty Images



Muito se fala sobre mezaninos, porém não é fácil encontrar quem saiba explicar exatamente do que se trata essa construção. Segundo Luciana Voso, do escritório Voso Arquitetura de São Paulo, esse é um piso intermediário, com pé-direito rebaixado ao qual o morador tem acesso pelo interior do ambiente. “O recurso surgiu nos anos 50, quando antigos galpões se tornaram uma opção de residência barata em Nova York”, explica.

Sua função é multiplicar a área útil de um espaço e, ao mesmo tempo, manter certa privacidade. Com ele, é possível que pessoas transitem por cima ou por baixo da estrutura. “Um mezanino pode ocupar de um terço até a metade da área do piso, o que permite a criação de novas áreas com diferentes conceitos, desde o casual até o mais elegante”, comenta a arquiteta.

O mezanino é uma construção muito utilizada em lofts, por conta do seu pé-direito alto, mas isso não quer dizer que ele não tenha espaço nas construções mais clássicas; pelo contrário, é uma ótima solução para criar ambientes isolados que não deixem de fazer parte do imóvel.

Muitas possibilidades para os mezaninos

O mezanino pode ser utilizado como sala de TV, sala de brinquedos para as crianças, escritório e até mesmo quarto. Como geralmente não é fechado por paredes, o mesmo se integra com o restante da residência, mas se tiver uma ou mais faces fechadas através de guarda-corpo, continuará tendo ligação com a parte térrea da edificação.

Para inspirar os moradores e mostrar melhor do que se trata um mezanino e como ele funciona, confira inspirações e diferentes estilos de construções de mezaninos muito bonitos e usuais.

Foto: Reprodução / <a href="http://www.atelier-fb.com/" target="_blank">Atelier Fb</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://leivars.com/" target="_blank">Leivars</a>



Foto: Reprodução / <a href="http://www.shedbuilt.com/" target="_blank">Shed Built</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.chimerainteriordesign.com/" target="_blank">Chimera</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://escalaconstruction.com/" target="_blank">Escala Construction</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://baldridge-architects.com/" target="_blank">Baldridge Architects</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.fablesdemurs.com/Loft-plus-lumineux-et-plus-fonctionnel-Paris-75010_a227.html" target="_blank">Fables de murs</a>



Foto: Reprodução / <a href="http://www.sfmarchitecture.com/" target="_blank">Sfm Architecture</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.area.at/de" target="_blank">Create Identity Area</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.gortscott.com/" target="_blank">Gort Scott</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://wolfarchitects.com.au/online/" target="_blank">Wolf Architects</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.jodiecooperdesign.com.au/" target="_blank">Jodie Cooper Design</a>



Foto: Reprodução / <a href="http://www.smithandvansant.com/" target="_blank">Smith & Vansant</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.violetandgeorge.com/" target="_blank">Violet & George</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.gristmillbuilders.com/" target="_blank">Gristmill Builders</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.oliversimondesign.com/" target="_blank">Oliver Simon Design</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.envisage-interiors.com/" target="_blank">Envisage Interiors</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://penningtonphillips.co.uk/" target="_blank">Pennington Phillips</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://momindustries.com//en/talent/artist/jean-longpre" target="_blank">Mom</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.rationalgb.com/" target="_blank">Rational GB</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://trulinea.com/" target="_blank">Trulinea</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://axismundi.com/" target="_blank">Axis Mundi</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.jcdecor.co.uk/" target="_blank">JC Decor</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://rsassoc.com/" target="_blank">RSA</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.studio27arch.com/" target="_blank">Studio 27 Arch</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.alterstudio.net/#/2072" target="_blank">Alter Studio</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.michellechaplininteriors.com/" target="_blank">Michelle Chaplin</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.archjt.com/mezzanine-apartment" target="_blank">Jonathan Thomas</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.skrhomes.com/" target="_blank">SKR</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://carolinedesert.com/" target="_blank">Caroline Désert</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://sanctumdesign.com.au/" target="_blank">Sanctum Design</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.fivecat.com/" target="_blank">Five cat</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.sarahdavison.com.au/" target="_blank">Sarah Davison</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.bromleycaldari.com/" target="_blank">Bromley Caldari</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.studiosd.fr/accueil/" target="_blank">Studio SD</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://penningtonphillips.co.uk/" target="_blank">Pennington Phillips</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.inizia.fr/" target="_blank">Inizia</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://msd-architecteinterieur.com/" target="_blank">MSD</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.kahrs.com/en/consumer/" target="_blank">Kahrs</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.jamiefallaarchitecture.com/#!la-concha/cex5" target="_blank">Jamie Falla Architecture</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.kitchenarchitecture.co.uk/" target="_blank">Kitchen Architecture</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.tg-studio.co.uk/" target="_blank">Tg Studio</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.bazeley-architects.co.uk/" target="_blank">The Basely Partnership</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.perfectintegration.co.uk/" target="_blank">Perfect Integration</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.jodiecooperdesign.com.au/" target="_blank">Jodie Cooper Design</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.kitchenarchitecture.co.uk/" target="_blank">Kitchen Architecture</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.rationalgb.com/" target="_blank">Rational GB</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://sandbergschoffel.com.au/cms/" target="_blank">Sand Bergschoffel</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.lewisandhill.co.uk/" target="_blank">Lewis & Hill</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.tg-studio.co.uk/" target="_blank">Tg Studio</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://atelierform.gandi.ws/" target="_blank">Atelier Form</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.coupdeville.net/" target="_blank">Coup Deville</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://sporadicspace.com/" target="_blank">Sporadic Space</a>

Foto: Reprodução / <a href="http://www.rendallandwright.com/" target="_blank">Rendall & Wright</a>

Para a arquiteta Débora Freitas, que atende em escritório próprio, a funcionalidade do mezanino é proporcionar ambientes mais amplos, preservando parte da sua privacidade, sendo muito utilizado para dormitórios em apartamentos estilo loft. “É como se fosse uma varanda dentro de casa”, declara a arquiteta.

Como projetar um mezanino

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

A maior preocupação na hora de projetar um mezanino deve ser saber qual uso será dado ao espaço. Outro ponto importante, segundo a arquiteta, é verificar se a distância entre piso e teto, o pé-direito, será confortável para as pessoas circularem. É possível adicionar essa estrutura em casas ou apartamentos que não foram inicialmente projetadas para agregá-la, porém, nesse caso, a um mezanino de concreto pode não ser comportado. “O melhor é recorrer ao mezanino de estrutura metálica, por ser mais leve”, acrescenta Daniela Savioli, arquiteta de São Paulo.

De acordo com a arquiteta Luciana, essas construções podem ser executadas com diferentes materiais: armados de concreto, aço, madeira, ferro etc. Os de metal são comuns nos apartamentos, enquanto os de concreto aparecem mais nas casas. O cálculo do pé-direito deve ser realizado com cautela: “antes de se construir, deve ser estudado um pé-direito proporcional para que as pessoas possam ficar em pé confortavelmente nos dois pavimentos”, alerta.

Para a paisagista Beatriz Santiago, após conversar com os arquitetos, uma boa dica em alguns casos é pensar em um lado da parede onde possa ser instalado um jardim vertical, pegando toda a extensão do chão até o mezanino. “A vantagem dessa estrutura é a amplitude e a integração dos ambientes”, diz.

8 ideias para aproveitar o mezanino

Para Daniela, o mezanino é uma solução muito interessante para quem deseja ganhar espaço em casa, já que para montá-la não é preciso abrir mão de uma área, um ambiente da casa que já exista, para dar lugar a outro.

Um mezanino pode ter diversos usos, desde um home office até um local de descanso, depende apenas da necessidade do morador. A arquiteta Débora Freitas diz que, quando a área é menor, é possível utilizá-lo para um escritório, deixando ambiente aberto ou fechado com vidro para isolamento acústico e térmico. “Uma função muito diferente para o mezanino é a de closet, com ele é possível criar um grande cômodo para comportar todas as roupas, sapatos e acessórios do morador”, sugere.

As arquitetas Daniela Savioli e Luciana Voso trazem informações e dicas específicas para que as oito possibilidades mais recorrentes de usos do cômodo sejam vislumbradas com maior facilidade por quem pensa em construir esse tipo de área.

1. Mezanino com home office

Foto: Reprodução / Dwelle

Foto: Reprodução / Dwelle

Para um home office, o mezanino pode ser aproveitado para ser não só um ambiente onde seja possível trabalhar, mas também para receber clientes, criar uma área agradável onde o morador consiga ler um livro, entre outras atividades que exijam concentração, como ter aulas particulares, por exemplo.

Nesse caso, é necessário pensar em uma iluminação adequada para proporcionar conforto para a leitura; além de tapetes, vasos, uma poltrona confortável e até mesmo uma estante que guarde a biblioteca pessoal do morador. Se for um mezanino com janela, uma boa dica é utilizar cortinas claras, que quebram a luz do sol, mas permitem a entrada de luminosidade.

2. Mezanino com biblioteca ou brinquedoteca

Foto: Reprodução / Chang + Sylligardos

Foto: Reprodução / Chang + Sylligardos

Para o caso de o mezanino ser utilizado como biblioteca, o mais importante é a organização dos livros, de modo que todos sejam dispostos para que a visualização e a retirada sejam facilitadas. Um sofá ou até mesmo uma parte do chão com tapetes e almofadas grandes e confortáveis são uma boa pedida, pois além de ser bonito é também funcional.

Já se o mezanino for utilizado como brinquedoteca para as crianças, é preciso analisar se o local será seguro para a realização de brincadeiras e demais atividades. Uma dica da arquiteta Luciana é colocar um corrimão e piso antiderrapante no espaço para torná-lo mais protegido para os pequenos. Outra possibilidade é a de aplicar piso vinílico no local, por ser de fácil manutenção.

3. Mezanino com academia

Foto: Reprodução / David Giral

Foto: Reprodução / David Giral

O mezanino é uma construção muito utilizada para academias. Além de ser uma forma de ganhar espaço, o morador pode guardar seus equipamentos em um local que não fica à vista das visitas. É importante não colocar equipamentos muito pesados caso não se saiba se a estrutura poderá comportá-los.

4. Mezanino com sala de estar

Foto: Reprodução / Charlie Kingham

Foto: Reprodução / Charlie Kingham

Essa é uma ótima opção para o uso do mezanino, pois proporciona ao morador um cantinho tranquilo e isolado do restante da casa. Deve ser um espaço de leitura ou para assistir a TV, com poltronas ou sofás bastante confortáveis, assim como luminárias indiretas, para criar um clima de relaxamento. Objetos decorativos com o estilo e personalidade do morador também são bem vindos nesse tipo de espaço.

5. Mezanino com sala de jogos ou música

Foto: Reprodução / Ernesto Santalla

Foto: Reprodução / Ernesto Santalla

O mezanino pode ser um ambiente para algum membro da família que possua um hobby e precise de espaço para praticá-lo, como um instrumento musical, ou até mesmo uma sala com diferentes jogos para reunir os amigos e não atrapalhar os outros moradores.

Mesa de sinuca, tênis de mesa, pebolim e baralho são as mais utilizadas nesse caso. Uma dica de Luciana é pintar uma das paredes com tinta especial de lousa para marcar os pontos dos jogadores.

6. Mezanino com sala de jantar

Foto: Reprodução / Urbancape

Foto: Reprodução / Urbancape

Quando for uma sala de jantar, o mezanino pode ter mais de uma função. Daniela sugere transformá-lo em um local que possua armários para guardar louças, faqueiros e taças ou até mesmo uma sala de chá e café onde o morador possa receber visitas.

É possível criar um ambiente acolhedor com adegas, cristaleiras, mesas de apoio e, na decoração, espelhos, prateleiras expondo utensílios, quadros divertidos e itens que remetam à culinária e à cozinha.

7. Mezanino como dormitório

Foto: Reprodução / Alex Maguire Photography

Foto: Reprodução / Alex Maguire Photography

No caso de um quarto de crianças ou adolescentes, a decoração faz toda a diferença na hora de montar o mezanino. A parte de baixo pode ser apenas para estudos ou brincadeiras, e a parte de cima pode ter a função mais específica de descanso.

8. Mezanino como ateliê

Foto: Reprodução / Atelier-fb

Foto: Reprodução / Atelier-fb

Outra maneira de aproveitar o mezanino é criando um ateliê. Caso o morador deseje um espaço para pintar, fazer artesanato, cerâmicas ou qualquer outro produto artístico. Aqui, é necessário ter um bom espaço para guardar tintas ou materiais de costura, por exemplo. Além de ser um espaço para realizar um hobby, pode também se tornar um espaço de trabalho se o morador for receber clientes e expor seus produtos para venda.

Como decorar o mezanino

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Para que a decoração do mezanino fique linda e charmosa, é preciso que siga o estilo e a personalidade dos moradores da casa, além de que estabeleça um diálogo os outros ambientes. Por ser um cômodo isolado, é possível que o mezanino não seja tão bem pensado como parte da casa ou apartamento, mas o melhor é lidar com esse local como se fosse tão parte da casa quanto a sala ou o quarto.

As arquitetas Daniela Savioli e Débora Freitas trazem dicas indispensáveis quando o assunto é decoração de mezanino:

  1. Aplique uma cor diferente nas parede ou destaque com pintura a estrutura do imóvel;
  2. Pinte o guarda-corpo ou até mesmo a estrutura dele com uma cor viva ou faça um guarda-corpo em vidro ou vazado;
  3. Escolha uma das paredes e coloque um revestimento diferente, como papel de parede ou tijolos expostos;
  4. Coloque quadros, gravuras e pôsteres nas paredes;
  5. Coloque um tapete grande no chão e disponha almofadas aconchegantes pela área de convivência;
  6. Coloque dois cavaletes com um tampo que pode ser de vidro ou até mesmo uma porta antiga com dois bancos e crie uma mesa para receber amigos;
  7. Utilize iluminação indireta para trazer um ar aconchegante ao local, dispondo abajures pelo ambiente;
  8. Utilize plantas, um vaso alto por exemplo.

9 dicas para quem quer ter um mezanino em casa

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Para realizar uma intervenção na estrutura de qualquer imóvel, a arquiteta Daniela Savioli ressalta que é necessário ter um engenheiro que possa calcular se é viável fazer o mezanino no local desejado.

Além de dicas de decoração, as arquitetas trazem dicas para um bom uso desse ambiente para os moradores que já tenham um mezanino ou estejam pensando em adicioná-lo em seu lar.

  1. Colocar proteção: caso o mezanino seja vazado, opte por tapetes mais baixos e firmes para evitar acidentes;
  2. Ficar atento à circulação de ar: pense em um cômodo com janelas e espaços abertos para que o ar não fique abafado e desagradável;
  3. Aplicar piso adequado: caso o mezanino tenha um uso que cause impacto ou barulho, opte por revestimentos que diminuam incômodos;
  4. Fique atendo à acústica: dê preferência para montar um local que não tenha problema com eco do som;
  5. Evitar o uso da escada tipo caracol: em ambientes pequenos ou mais baixos, esse tipo de escada não dá a sensação de amplitude adequada para dar maior segurança aos transeuntes;
  6. Mesclar luminosidade: optar por aproveitar a luz natural e combiná-la com a artificial pode eliminar possíveis desconfortos causados por uma luminosidade escassa ou excessiva;
  7. Criar um acesso confortável: para que as pessoas não tenham preguiça de ir até o mezanino, é preciso que o acesso ao cômodo seja prático;
  8. Escolher o tipo de estrutura: o estilo e o porte da residência devem ser levados em consideração. O mezanino metálico, por exemplo, é mais frágil e indicado para apartamentos, já o de concreto aguenta mais peso e é indicado para casas;
  9. Calcular um pé direito mínimo: assim os moradores podem circular com conforto e segurança.

Se o mezanino já é um cômodo da casa, as dicas das arquitetas podem ser aplicadas sem maiores complicações. Por outro lado, se ele ainda é um projeto, com as inspirações fica mais fácil imaginar como o ambiente vai ficar no final da obra. Dar um novo uso àquele mezanino que está mais para depósito também pode ser uma boa maneira de renovar as energias da casa e transformar esse ambiente em algo útil e funcional para o dia a dia.