Bromélia: cuidados, tipos e ideias para cultivar essa planta exuberante

Escrito por Andressa Oliveira

A bromélia é um tipo de vegetação tropical com uma grande variedade de espécies. É conhecida pelo agrupamento de suas folhas em formato de roseta e pelo seu visual exótico, cheio de cores. Uma planta bastante popular para a ornamentação de jardins e canteiros, mas que também pode ser cultivada em vasos para decorar ambientes internos e compor jardins verticais.



Para conhecer um pouco mais sobre a bromélia, confira a seguir dicas sobre cuidados, uma lista de espécies para sol ou sombra e ideias inspiradoras de decoração com variados tipos dessa maravilhosa planta.

Como cuidar de Bromélias: 10 dicas essenciais

Apesar de existirem diferentes tipos de bromélias, seus cuidados são bastante semelhantes. Veja a seguir dicas para cultivar qualquer variedade dessa planta:

  1. Rega: regue com frequência, molhando a parte central da planta e borrifando água em suas folhas nos dias mais quentes.
  2. Luminosidade: quanto mais escuras forem suas folhas, maior é a necessidade de luz. Em geral, a maioria das espécies aprecia claridade, algumas podem ser cultivadas em sol pleno e outras preferem áreas de sombra.
  3. Vasos: prefira cultivá-las em vasos de barro ou cerâmica. Esses recipientes garantem maior estabilidade para a planta e mantêm o substrato sempre fresco.
  4. Substrato: as bromélias apreciam um substrato leve e menos compactado, por isso, é indicado adicionar a mistura do solo materiais como cascas de pinus e fibra de coco.
  5. Adubação: para estimular o crescimento das folhas e flores, procure adubar a planta a cada 15 dias, com um NPK 4-14-8, adubo foliar ou com um produto específico para bromélias.
  6. Temperatura: por serem plantas que apreciam o calor e umidade, prefira cultivá-las em ambientes ventilados com temperatura entre 15° e 25 °C.
  7. Pragas e fungos: por serem plantas sensíveis, inseticidas e fungicidas devem ser evitados. Para combater as cochonilhas, pulgões e outras pragas, use uma solução de fumo diluída em água. Contra os fungos, lave as folhas delicadamente com água e sabão de coco.
  8. Dengue: para evitar a proliferação do mosquito da dengue, adicione um pouco de pó de café em sua roseta central.
  9. Floração: as bromélias florescem apenas uma vez quando atingem o estado adulto. Depois emitem brotos em suas laterais para novas plantas.
  10. Poda: não requer podas de manutenção, estética ou crescimento, apenas elimine folhas secas ou danificadas.

Com todos esses cuidados, suas bromélias vão ficar sempre vistosas e deixar qualquer espaço mais bonito com suas folhas e cores.

Bromélias de Sol

Algumas espécies de bromélias podem ser cultivadas em sol pleno e vão ficar lindas no seu jardim, conheça algumas:

Bromélia-imperial

É uma planta com folhagem ornamental com variações de tons arroxeados, vermelhos e verdes. É apreciada no paisagismo pelo seu formato escultural e cores intensas. Pode ser cultivada em vasos de forma isolada ou maciços no jardim. Tolera tanto o sol pleno quanto meia-sombra.

Abacaxi-ornamental

É um tipo de bromélia bastante resistente com aparência rústica e folhagem e frutos ornamentais. Precisa de muita luz e aprecia a exposição ao sol. Apresenta folhas longas e arqueadas, com uma coloração avermelhada e verde. Adapta-se bem ao cultivo em vasos e canteiros no jardim, entretanto não fornecerá frutos grandes, nem comestíveis.



Caraguatá-do-mato

Apresenta folhas longas, estreitas, de cor verde-escuro e com espinhos espaçados em suas bordas. Ao centro, suas folhas podem mudar de cor, adquirindo um tom vibrante de laranja ou vermelho. Produz pequenos frutos comestíveis em bagas ovais de cor alaranjada. Pode ser utilizada de forma isolada, em grupos ou como cerca viva defensiva.

Neoregélia

Em sua maioria, as neoregelias são resistentes e toleram bem a exposição ao sol da manhã. Apresentam folhas largas, brilhantes e coloridas em diversos padrões. Possuem grande beleza e podem ser cultivadas em jardins, vasos ou amarradas em troncos e muros.

Bromélia porto-seguro

Essa bromélia possui folhas finas com uma cor vibrante que varia conforme as condições de luminosidade. Quando cultivada em sol pleno, apresenta um tom amarelo e laranja, já sob meia-sombra adquire tons mais claros de verde. Suas flores pequenas são amarelas e vermelhas.

Esses são alguns tipos de bromélias que são mais resistentes e vão adorar receber a luminosidade do sol. Ótimas para serem dispostas em espaços externos, jardins e canteiros bem iluminados.

Bromélias de Sombra

Outras espécies de bromélia preferem ser cultivadas em locais sombreados, veja quais:

Aequimea

Essa bromélia apresenta uma folhagem rígida com manchas esbranquiçadas. Sua inflorescência é muito durável e tem uma coloração cor-de-rosa. É bastante cultivada em vasos para decorar ambientes internos. Deve ser mantida em um local fresco, úmido e com iluminação indireta.



Guzmania

Apresenta folhas de cor verde-claro com uma textura macia. Sua inflorescência se destaca em altura no seu centro e é encontrada em cores como vermelho, amarelo, branco e rosa. Pode ser cultivada em interiores bem iluminados e áreas com sombreamento, já que não tolera a exposição direta ao sol.

Bromélia-zebra

É caracterizada pelas suas folhas verdes com listras brancas e possui uma inflorescência de cor vermelha e amarela. Sua textura é diferente e se destaca em vasos decorativos e canteiros no jardim.

Vriésia

Possui folhas verdes ou avermelhadas, sem a presença de espinhos. Sua floração tem um formato delicado e pode ser espigada ou achatada. As suas cores mais comuns são amarelo, laranja e vermelho. É bastante durável e por isso muito apreciada para a decoração de interiores.

Essas espécies são mais sensíveis e não toleram a exposição direta ao sol. São perfeitas para serem cultivá-las em locais sombreados no jardim ou em ambientes internos da casa.

30 ideias de decoração com bromélias para cultivar essa planta tropical

Para quem ficou empolgado para iniciar o cultivo das encantadoras bromélias, veja a seguir diversas inspirações para decorar o jardim ou a casa:

1. A bromélia pode ser cultivada em vasos no jardim

2. E usada para decorar ambientes internos

selvvva



3. Sua floração se destaca em qualquer espaço

4. Aproveite a diversidade de bromélias para fazer um jardim colorido

5. Elas podem ser cultivadas até em pequenos canteiros

6. E ficam um charme penduradas em árvores

7. Você também pode usá-las para montar um jardim vertical na sacada

8. Decorar os muros com um ar tropical

9. Ou simplesmente pendurar na varanda

10. A beleza da bromélia é encantadora

11. Delicadeza em um vaso suspenso com macramê

12. São ótimas plantas para decorar os ambientes

13. E compor arranjos maravilhosos para a casa

14. A bromélia impressiona com suas cores intensas

15. Em vasos, sua presença é marcante

16. Sendo um centro de mesa memorável

17. Como há uma variedade imensa com diversas espécies

18. Você pode criar composições incríveis com a mistura de bromélias

19. Elegantes para serem dispostas em um caminho

20. Harmonizam muito bem com outras plantas

21. Suas folhas de diferentes tons são um espetáculo

22. Não importa o tamanho do seu jardim

23. Existem diversos tipos de bromélias para você explorar

24. Algumas ficam lindas para compor uma floreira

25. E outras são perfeitas para decorar um pequeno espaço com vasos

26. Combinam com um paisagismo de estilo contemporâneo e tropical

27. Apreciam lugares úmidos como o banheiro

28. Também ficam lindas em bordas de piscinas

29. Invista em composições ousadas e rica em cores

30. E crie lindos jardins com suas bromélias!

Os mais variados tipos de bromélias se adaptam a diversos espaços externos ou internos e trazem alegria, cor e vivacidade para o ambiente. Além disso, suas diferentes espécies são maravilhas da natureza e fica difícil resistir a tanta beleza. Escolha seus tipos favoritos, aproveite as dicas de cuidados e garanta um visual tropical para qualquer espaço.