Bambu da sorte: significado, cuidados, preço e como fazer mudas

Escrito por Thainá Cardoso

Conhecido por sua aparência peculiar e cheia de simbolismos, o bambu da sorte (Dracaena sanderiana) é fácil de cuidar e ideal para cultivar no interior de ambientes.

Apesar do nome, a planta não é um bambu. Ela, na verdade, pertence à família das Ruscaceae, a mesma da pata de elefante, e se desenvolve muito bem em água ou na terra. Veja bons motivos para ter um bambu da sorte na sua casa e quais cuidados ele exigirá de você!

Significado do bambu da sorte

iStock

O bambu da sorte é originário da África, mas se popularizou no Oriente, especialmente na cultura chinesa. Segundo as tradições e lendas, a planta atrai sorte, fortunas, prosperidades e ainda energiza os ambientes.

Para a técnica do Feng Shui, cada haste atribui um significado diferente à planta, por exemplo: duas hastes trazem sorte no amor, três é sinônimo de riqueza e felicidade, cinco simboliza entusiasmo e dez prosperidade. Além disso, caso a planta seja um presente, esses efeitos são potencializados.

Como cuidar de um bambu da sorte

iStock

O mais legal é que essa planta requer poucos cuidados e pode viver facilmente dentro de casa, já que prefere sombra e claridade leve. Confira as dicas da jardinista Flávia Kremer para que seu Bambu da sorte tenha longevidade:

  • Luminosidade: o ideal é manter a planta em meia-sombra ou sombra total; nunca na luz direta, porque o sol pode fazer com que as folhas sejam amareladas ou até queimadas.
  • Regas: o bambu precisa de solo úmido, mas não encharcado. Então, a rega deve ser intervalada. Prefira água filtrada ou mineral, já que a da torneira pode enfraquecê-la.
  • Poda: quando as folhas começarem a crescer ou estiverem danificadas, pode-as com uma pequena tesoura, até deixar a planta com uma estética harmonizada.

Como já foi dito, uma das vantagens do Bambu da sorte é que ele pode ser cultivado tanto na água quanto na terra, apesar de preferir o ambiente molhado.

Bambu da sorte em água

A brota e proliferação do Bambu da sorte acontece na água, portanto a hidrocultura é uma ótima alternativa para a espécie.

Segundo a especialista, para cultivar o Bambu em água você pode escolher um vaso estreito e manter as raízes sempre podadas, para a planta não ficar presa; ou um vaso maior com pedriscos e água somente até a altura das pedras, assim sua planta fica firme e você previne a proliferação do mosquito da dengue.

Veja mais dicas incríveis da Flávia Kremer sobre como cuidar do seu Bambu da sorte:

Como fazer mudas

  1. Corte mudas de uma haste no intervalo de duas gemas (marcações no caule);
  2. Mantenha as pequenas mudas na sombra e em um recipiente com água;
  3. Troque a água semanalmente até as raízes aparecerem;
  4. Então é só colocar em um vaso e deixar no ambiente que preferir.

Com uma haste é possível fazer várias mudas. Depois que elas brotarem, que tal presentear seus amigos e levar prosperidade a vida deles também?

Como torcer um bambu da sorte

iStock

O processo para trançar ou torcer as hastes é simples, mas é preciso delicadeza no manuseio das hastes. Use fitas e faça o movimento de acordo com o número de caules e da aparência que deseja dar ao seu bambu. As possibilidades para ornamentar essa planta são infinitas!

Preço

Os preços variam conforme o modelo, tamanho e a presença (ou não) de tranças nas hastes. Mas, na média, um bambu da sorte pode custar de R$30 a R$200.

10 fotos para te convencer a ter um bambu da sorte

Viu só como é fácil cuidar de um bambu da sorte? Com essa praticidade e energia toda, você não tem desculpa para não adquirir essa planta agora mesmo. Confira algumas ideias inspiradoras de como usá-la na decoração:

1. O bambu da sorte é uma ótima opção para decorar o escritório

2. E completar sua floresta de apartamento

3. Ele combina perfeitamente no quarto

4. Vale investir em bancos diferenciados para servir de suporte à planta

5. Capriche no cantinho do seu bambu para garantir boas vibrações

6. Essa junção de caules transforma a beleza do bambu

iStock

7. Crie uma composição com outras plantas

8. Quando cuidado da maneira correta, o bambu pode ficar grande e imponente

9. Mas com as podas pode você manter sua muda pequena

10. Casa mais energética que essa: impossível

O bambu da sorte, além de possuir uma beleza singular, é responsável por energizar, da melhor forma, seu cantinho. Invista nessa planta para decorar seu lar! E, se você adora folhagens e quer trazer um ar mais vivo para sua casa, conheça também a zamioculca, outra planta linda para cultivar em ambientes internos.

PARA VOCÊ