Como escolher e aplicar o porcelanato em cada ambiente da sua casa

Escrito por Natali Chiconi
Foto: Reprodução / Item 6 Arquitetura

Foto: Reprodução / Item 6 Arquitetura

Continua após o anúncio



A tarefa de escolher o melhor piso para os diversos cômodos de uma casa é desafiadora, pois, com tantas opções disponíveis no mercado, fica difícil não se render às inúmeras tentações de cores, formatos e texturas, que evoluem a cada ano.

O porcelanato, que ganha cada vez mais espaço na composição de ambientes internos e externos, é uma opção versátil, resistente e muito elegante, que combina bem tanto com estilos mais despojados quanto com tendências e elementos sofisticados de decoração. Modelos de porcelanato que imitam a madeira são os mais recentes no mercado e são excelentes para trazer um aspecto mais aconchegante a um espaço.

Diferença entre porcelanato e cerâmica

O porcelanato e a cerâmica são revestimentos amplamente utilizados nos mais variados projetos, porém eles têm diferenças marcantes entre si e que os tornam indicados para determinadas situações. Com diferença no processo de fabricação, já que o porcelanato tem como matéria-prima a porcelana e a cerâmica vem da argila, esses revestimentos também contam com características em relação ao aspecto, sendo o porcelanato mais homogêneo e denso que a cerâmica, mais porosa.

Os termos “Bold” e “Retificado” são utilizados para diferenciar o tipo de acabamento que uma peça recebe. Se você se deparar com um piso descrito como “retificado” significa que ele passou por um processo de corte em suas laterais feito por rebolos diamantados, garantindo dimensões finas e precisas. Uma peça retificada é mais fácil de assentar, já que é mais plana. Já um produto bold não passou por esse processo e, por isso, suas laterais são irregulares, dificultando o momento de assentar as peças.

Tipos de porcelanato

Atualmente, há diversos modelos de porcelanato disponíveis no mercado e, para que você acerte na escolha, é fundamental conhecer as características de cada um:

Porcelanato técnico ou massa plena

Foto: Reprodução / Portinari

Foto: Reprodução / Portinari

Esse porcelanato possui alta resistência mecânica, já que o acabamento da superfície é feito diretamente na sua massa. Esses porcelanatos podem ser dos tipos natural, polido ou estruturado, ideal para áreas externas.

Porcelanato esmaltado

Foto: Reprodução / Biancogres

Foto: Reprodução / Biancogres

Continua após o anúncio



Esse tipo de porcelanato é tão resistente quanto o técnico, porém conta com esmalte em sua superfície. O acabamento do esmalte pode ser natural ou estruturado, apresentando mais aspereza para locais molhados, muito comuns em varandas e áreas de piscina.

7 itens que você deve observar ao escolher o porcelanato

“Adoro o porcelanato e tenho utilizado muito esse produto em meus projetos, primeiro porque é resistente, segundo porque tem modelos lindos e, se compararmos a outros pisos frios como o mármore, tem um custo muito vantajoso”, destaca a arquiteta Marília Veiga, enfatizando a variedade de tamanhos e cores das peças que, embora sejam encantadoras, requerem alguns cuidados na hora da escolha.

Confira, a seguir, o que deve ser avaliado no momento de escolher o melhor porcelanato para a sua casa:

1. Paginação dos pisos

Foto: Reprodução / Keraben

Foto: Reprodução / Keraben

A arquiteta explica que esse quesito é muito importante na escolha do porcelanato. Em ambientes como o living, são recomendadas peças maiores, como 80×80 cm, 75×150 cm ou até 60×120 cm. “Se o ambiente é pequeno como o lavabo, então é preciso escolher uma peça no tamanho mais adequado”, destaca Marília, citando que muitos recortes prejudicam a composição das peças.

2. Posição das peças

Muitos projetos optam por colocar peças quadradas em formato de losango, por exemplo, porém esse posicionamento deve ser bem avaliado para evitar excesso de cortes ou poluição visual no ambiente. Segundo a arquiteta, é preferível que as peças sejam instaladas na mesma orientação que as paredes.

3. Cores e modelos

Foto: Reprodução / Studio Tainá Rehder

Foto: Reprodução / Studio Tainá Rehder

As cores, texturas e formatos são definidas de acordo com a concepção do projeto, que pode ser rústico, contemporâneo, clássico ou uma junção de estilos. Para todos esses casos, há uma enorme gama de porcelanatos, incluindo os texturizados e os que se assemelham a revestimentos como madeira, mármore, bambu etc.

4. Toque à superfície

Além do fator estético, muito importante na escolha do porcelanato, também é necessário avaliar se o produto ficará em locais molhados, tais como banheiros, cozinhas, varandas, jardins e piscinas. O paisagista Daniel Cruz ressalta que, em áreas externas, o porcelanato deve ser o mais antiderrapante possível. “Algumas linhas possuem porcelanatos para área interna e externa com os mesmos tons e formatos, diferenciando-se apenas nesse aspecto antiderrapante, o que proporciona uma boa integração dos materiais no projeto de um espaço gourmet e piscina, por exemplo”, diz.

Continua após o anúncio



5. Resistência da peça

É fundamental ter em mente onde você pretende aplicar o porcelanato para saber o PEI (nível de resistência à abrasão) ideal, que vai até 5. Quanto maior o PEI, maior a resistência ao desgaste do esmalte. Em produtos não esmaltados, como o porcelanato técnico, não há PEI.

6. Escolha do rejunte

Foto: Reprodução / Biancogres

Foto: Reprodução / Biancogres

O rejunte é o acabamento final de uma peça e, por isso, deve ter uma tonalidade semelhante à do piso. Profissionais recomendam que, para evitar problemas, você opte sempre pelo rejunte indicado pelo fabricante do porcelanato.

7. Compra de peças sobressalentes

É imprescindível que você adquira 10 a 20% mais peças de porcelanato em qualquer projeto, que pode contar com imprevistos, quebras ou peças defeituosas, além de servir como estoque para reposições em caso de obras futuras.

O porcelanato de acordo com os ambientes

O porcelanato tem sido utilizado em um número cada vez maior de ambientes, porém, nos projetos, ele é muito aplicado a espaços como cozinhas, salas, banheiros, piscinas e seus decks, além do espaço gourmet.

Cozinhas

Foto: Reprodução / Marília Veiga

Foto: Reprodução / Marília Veiga

“Na cozinha, o porcelanato é uma excelente opção, pois deixa o ambiente muito mais elegante. É necessário, no entanto, optar por um piso mais áspero, já que essa é uma área que pode molhar”, recomenda Marília Veiga.

Foto: Reprodução / Eliane

Foto: Reprodução / Eliane

Foto: Reprodução / Henrique Gasparini

Foto: Reprodução / Henrique Gasparini

Continua após o anúncio



Foto: Reprodução / Samara Barbosa Arquitetura

Foto: Reprodução / Samara Barbosa Arquitetura

Foto: Reprodução / Lamego Mancini Arquitetura

Foto: Reprodução / Lamego Mancini Arquitetura

Foto: Reprodução / Aquiles Nícolas Kílaris

Foto: Reprodução / Aquiles Nícolas Kílaris

Salas e livings

Foto: Reprodução / Marília Veiga

Foto: Reprodução / Marília Veiga

Se você tiver espaço, peças grandes ajudam a dar mais amplitude a salas, sejam elas de estar ou de jantar. “Antigamente, os pisos pareciam imitação de mármore e hoje estão muito próximos visualmente, sem contar que o mercado começou a fazer pedras maiores e com novas cores”, destaca a arquiteta. “Adoro utilizar um porcelanato cinza básico, que fica super elegante num living e combina com qualquer decoração.”

Foto: Reprodução / Destijl Revestimentos

Foto: Reprodução / Destijl Revestimentos

Foto: Reprodução / Robson Nascimento Arquitetos

Foto: Reprodução / Robson Nascimento Arquitetos

Foto: Reprodução / Incepa

Foto: Reprodução / Incepa

Foto: Reprodução / Elaine Carvalho

Foto: Reprodução / Elaine Carvalho

Foto: Reprodução / Amis Arquitetura & Design

Foto: Reprodução / Amis Arquitetura & Design

Foto: Reprodução / Max Mello

Foto: Reprodução / Max Mello

Banheiros e lavabos

Foto: Reprodução / Marília Veiga

Foto: Reprodução / Marília Veiga

A variedade de peças disponíveis para lavabos e banheiros rende lindos projetos nessas áreas, que passaram a contar com o porcelanato texturizado em paredes, compondo painéis. No piso, o mais recomendado são os porcelanatos mais ásperos, já que essas áreas costumam molhar. “O porcelanato com aspecto de cimento queimado é perfeito para esses ambientes”, destaca Marília Veiga.

Foto: Reprodução / Gorete Colaço

Foto: Reprodução / Gorete Colaço

Foto: Reprodução / Biancogres

Foto: Reprodução / Biancogres

Foto: Reprodução / Elaine Oliveira

Foto: Reprodução / Elaine Oliveira

Foto: Reprodução / Portobello

Foto: Reprodução / Portobello

Foto: Reprodução / Camila Bignoto

Foto: Reprodução / Camila Bignoto

Foto: Reprodução / Marie Hellen Arquitetura

Foto: Reprodução / Marie Hellen Arquitetura

Piscinas e áreas externas

Foto: Reprodução / Bento + Azevedo

Foto: Reprodução / Bento + Azevedo

O porcelanato tem sido amplamente utilizado em áreas externas. O paisagista Daniel Cruz recomenda esse material para entradas de ambientes e no entorno da piscina. “Gosto de usar porcelanatos que possuem as mesmas versões para área interna e externa, sendo diferenciados apenas pelo aspecto antiderrapante”, explica.

Foto: Reprodução / Estúdio Daniel Cruz

Foto: Reprodução / Estúdio Daniel Cruz

Foto: Reprodução / Juliana Matos Arquitetura

Foto: Reprodução / Juliana Matos Arquitetura

Foto: Reprodução / Portobello

Foto: Reprodução / Portobello

Foto: Reprodução / Estúdio Daniel Cruz

Foto: Reprodução / Estúdio Daniel Cruz

Foto: Reprodução / Robson Nascimento Arquitetos

Foto: Reprodução / Robson Nascimento Arquitetos

Foto: Reprodução / Cláudia Ferreira Arquitetura

Foto: Reprodução / Cláudia Ferreira Arquitetura

Espaço gourmet

Foto: Reprodução / Érica Salguero

Foto: Reprodução / Érica Salguero

Cada vez mais presente em apartamentos e casas, o espaço gourmet é ideal para receber a praticidade e a beleza do porcelanato, que se adapta bem a áreas com intensa movimentação. “Gosto muito das linhas ecowood, que imitam a madeira. É importante que as peças não sejam idênticas, pois, quando este material for assentado, ficará com um aspecto falso”, enfatiza o paisagista Daniel Cruz.

Foto: Reprodução / Selma Tammaro

Foto: Reprodução / Selma Tammaro

Foto: Reprodução / Gálvez & Martón

Foto: Reprodução / Gálvez & Martón

Foto: Reprodução / Gerson Dutra de Sá

Foto: Reprodução / Gerson Dutra de Sá

Foto: Reprodução / Daniele Tassi

Foto: Reprodução / Daniele Tassi

Foto: Reprodução / Erica Salguero

Foto: Reprodução / Erica Salguero

Foto: Reprodução / Deize Sanches Arquitetura

Foto: Reprodução / Deize Sanches Arquitetura

Como instalar o porcelanato

Tanto o porcelanato interno quanto o externo requerem argamassas específicas para serem assentados, caso contrário, complicações como a baixa aderência ou a soltura de peças podem ocorrer. É fundamental optar pela argamassa recomendada pelo fabricante do porcelanato escolhido por você, que poderá ser aplicado sobre emboço ou contrapiso sarrafeado ou desempenado.

Para aplicar o porcelanato, é necessário estender a argamassa colante sobre a base, com o lado liso da desempenadeira. Na sequência, deve ser passado o lado denteado, que formará sulcos paralelos, e aplicar as peças de porcelanato, pressionando-as até amassar os cordões de argamassa. Peças iguais ou maiores que 900 cm² ou que estejam posicionadas em locais de tráfego intenso devem receber dupla camada.

A seguir, assista a um vídeo com o passo a passo de como rejuntar porcelanato:

Depois de 72 horas deve ser aplicado o rejunte, também especial para porcelanatos e em um tom parecido com o da peça, na espessura escolhida por você ou pelo arquiteto responsável pelo projeto. O rejunte leva cerca de 12 horas para secar completamente.

Principais marcas brasileiras de porcelanato

Há uma grande variedade de porcelanatos disponíveis no mercado, porém algumas marcas se tornaram mais conhecidas devido à qualidade e beleza de seus produtos. São elas:

Portobello

A Portobello é, atualmente, a maior empresa cerâmica do Brasil, responsável pela produção anual de 30 milhões de metros quadrados de revestimentos.

Portobello

Com sede em Santa Catarina, a empresa atende países dos cinco continentes, além do mercado nacional, onde possui lojas Portobello Shop para revender modernos e elegantes revestimentos.

Confira o catálogo online da marca aqui.

Eliane

A Eliane Revestimentos, presente no mercado desde 1960, é referência nacional em revestimentos cerâmicos e foi uma das empresas responsáveis pela fabricação do porcelanato no Brasil.

Eliane

Com produtos certificados ecologicamente, a Eliane possui fábricas em Santa Catarina e Bahia e comercializa seus produtos em mais de 15 mil pontos de venda. A marca também está presente em mais de 80 países da América do Sul, do Norte, Europa, África e Oceania e ocupa o posto de maior exportadora de revestimentos cerâmicos do Brasil.

Confira o catálogo online da marca aqui.

Ceusa

A Ceusa Revestimentos é uma empresa com mais de 60 anos de atuação no Brasil, que conquistou seu lugar na história dos revestimentos cerâmicos pelo pioneirismo no processo de biqueima bi-rápida nos fornos a rolo.

Ceusa

Em 2010, a Ceusa investiu em um sistema de impressão Full HD, sendo a primeira a adotar essa tecnologia nas Américas. Por isso, seus produtos contêm imagens em alta definição e 100% digitais.

Confira o catálogo online da marca aqui.

Portinari

A marca Cerâmica Portinari, originária da década de 70, possui destaque no mercado brasileiro e mundial, comercializando seus produtos em mais de 50 países.

Portinari

É a única empresa brasileira do setor que pratica sustentabilidade com certificação LEED Compliance, concedida pelo Scientific Certification Systems (SCS). Suas peças possuem design marcante e sofisticação que seguem tendências globais, destacando-se pelas coleções inovadoras.

Confira o catálogo online da marca aqui.

Elizabeth

O Grupo Elizabeth é um dos principais produtores nacionais de revestimentos cerâmico e cimento do Brasil, com mais de 30 anos de experiência e quatro fábricas.

Elizabeth

Com sede em João Pessoa, na Paraíba, o Grupo Elizabeth se destaca pela fabricação de peças modernas, elegantes e versáteis, sempre atentas às tendências de decoração mundial

Confira o catálogo online da marca aqui.

Sofisticado, versátil e moderno, o porcelanato tem tudo para levar muito mais beleza e conforto à sua casa. Sabendo escolher as peças e combinando o estilo do cômodo com o revestimento você terá verdadeiras obras de arte dentro dos ambientes!